Cidadeverde.com

Poluição do ar pode estar associada à saúde mental em crianças

Pode haver uma ligação entre poluição do ar e problemas de saúde mental em crianças, revelou estudo recente de pesquisadores da Universidade Umeå, na Suécia. Publicado em junho no periódico BMJ Open, o estudo é o primeiro a trazer evidências convincentes de um vínculo entre ar poluído e problemas psiquiátricos em crianças e adolescentes. Os pesquisadores analisaram a exposição à poluição do ar de mais de 500 mil crianças na Suécia, comparando seus níveis de exposição à poluição com seus históricos de uso de medicamentos receitados por médicos. Constataram que crianças que vivem em áreas com concentrações mais elevadas de dióxido de nitrogênio, ou NO2 – um poluente aéreo perigoso – apresentam probabilidade maior de tomar medicamentos associados a doenças mentais de longo prazo. O estudo não confirma se existe uma relação causal entre poluição do ar e problemas infantis de saúde mental, mas parece indicar uma correlação entre as duas coisas. As descobertas sugerem que reduzir a poluição do ar pode aliviar os problemas de saúde mental de crianças, dizem os pesquisadores.