Cidadeverde.com

Técnica fisioterápica de tratamento da coluna pode evitar cirurgias

As técnicas para o tratamento de coluna evoluíram de tal forma, que até mesmo um paciente em crise pode sentir alívio imediato da dor, sem medicamento e com uma pressão feita no local em que a dor está se desencadeando. Esta é a Reconstrução Músculo-Articular da Coluna Vertebral (RMA). Muitas pessoas com indicação para cirurgia já se livraram do procedimento depois de passar por essa técnica. A Reconstrução Músculo-Articular da Coluna Vertebral (RMA) é uma técnica criada em 2005 pelo fisioterapeuta Dr. Helder Montenegro, que utiliza conceitos de fisioterapia manual, mesa de tração eletrônica, mesa de descompressão dinâmica e estabilização vertebral.

No Brasil, a RMA é desenvolvida apenas pelo Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral (ITC). “As cinco mesas eletrônicas que o instituto possui para fazer a tração e descompressão muscular são um dos grandes diferenciais do tratamento”, diz  Dr. Giuliano Martins, diretor regional da Associação Brasileira de Reabilitação da Coluna – ABRCOLUNA. “Elas fazem a tração precisa no local em que o paciente está sentindo dor, promovendo alívio imediato e tratando o problema.” As mesas podem ser utilizadas para tração, flexão e descompressão muscular. Com elas, é possível fortalecer e alongar os músculos; melhorar a mobilidade dos ligamentos; promover a descompressão do eixo axial da coluna vertebral; melhorar o grau de estabilidade da coluna vertebral e sentir alívio rápido da dor. A RMA é indicada para o tratamento de hérnia de disco e outras lesões da coluna, como lombalgia, cervicalgia, dor ciática, protusão discal, espondilólise, artrose, entre outras.