Cidadeverde.com
Viver Bem

Veja como a alimentação de sua família pode ser mais nutritiva

Imprimir

Nada de comer pouco, é preciso comer bem! Para melhorar a alimentação, anote: o que importa não é a quantidade de calorias ingeridas e sim a qualidade nutricional do que é consumido. Uma dieta adequada deve ser baseada, principalmente, em frutas, legumes e verduras. Ricos em fibra alimentar, minerais e diferentes tipos de vitaminas, esses alimentos contribuem para a diminuição de problemas de saúde, aponta a Organização Mundial de Saúde (OMS). Parece simples comer de forma saudável, não é? Para a maioria dos brasileiros, nem tanto. Mesmo com a grande diversidade de fontes tradicionais de fibra alimentar, como hortaliças e frutas, esses itens ainda não são tão frequentes nos pratos pelo país. Apenas 10% da população consome as porções recomendadas pela OMS, afirma o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

5 é o número-chave

O indicado é que cada pessoa coma, ao menos, cinco porções diárias de frutas, verduras e legumes. É ideal variar e dar mais cor às refeições: desde o café da manhã, passando pelo almoço até o jantar, sem esquecer de incluir esses alimentos também nos lanches. A ingestão de frutas e vegetais, por exemplo, reduz o risco de desenvolvimento de obesidade, diabetes, doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer. E já surgem alternativas para incentivar e ajudar os brasileiros que desejam tornar essa a sua realidade. Recém-lançada, a plataforma FARMSQUARE permite a troca e a doação de alimentos frescos, promovendo a alimentação saudável. A plataforma foi idealizada pelo ator e apresentador Rodrigo Hilbert, e viabilizada por um coletivo de parceiros. Para usar, basta criar uma conta e estabelecer as conexões. Qualquer pessoa de qualquer lugar do país pode cadastrar os alimentos que produz ou que estão sobrando em casa, além de receber as ofertas próximas. De maneira totalmente colaborativa, os hábitos alimentares dos brasileiros estão começando a melhorar.


Fonte: M de Mulher

Imprimir