Cidadeverde.com

Saúde avalia ações de 2019 e alinha projetos para 2020 em Oeiras

Na manhã desta terça-feira, 19, o prefeito José Raimundo e a secretária Auridene Freitas estiveram reunidos com todos os profissionais envolvidos na gestão de áreas estratégicas da Secretaria Municipal de Saúde para fazer uma avaliação do trabalho desenvolvido ao longo de 2019, alinhar e planejar a execução de novos projetos e promover a integração e motivação da equipe para as ações do próximo ano.

“Reunimos todos os coordenadores que estão à frente dos programas que são orientados pelo Ministério da Saúde, dentro da nossa estrutura. Temos 22 colaboradores, que são o corpo técnico que representa todas as áreas voltadas aos diversos programas mantidos no município. Entendemos que seria oportuno nos reunir para fazer avaliação de todas as ações que foram desenvolvidas dentro do processo de trabalho de 2019, pontuando situações que precisam ser revistas e redirecionadas, já priorizando ações que vão constar no Plano Municipal de Saúde”, detalha a secretária municipal de Saúde.

“A proposta é exatamente avaliar as ações do ano de 2019 e já propor novas ações para nossa programação do ano 2020, no que diz respeito a toda operacionalização do Plano de Ação, fazendo um olhar para a importância da alimentação dos sistemas e bancos de dados, priorizando cadastro de grupos, como hipertensos e diabéticos, observando eventos que precisam estar acontecendo conforme o preconiza o Ministério da Saúde. Este é um momento de despertar nosso corpo técnico para uma melhor logística ao processo de trabalho que irá acontecer no ano de 2020”, acrescenta Auridene Freitas.

O prefeito José Raimundo pontua que, atualmente, a Saúde conta com 55 postos de atendimento à população oeirense, entre Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Pontos de Atendimento, e por isso, requer atenção especial e monitoramento constante na gestão de recursos. Ele ressalta, ainda, que Oeiras tornou-se referência para o Piauí na prestação de serviços de saúde pública de qualidade e, para continuar avançando, precisa otimizar recursos, administrando de forma eficiente e consciente. 

cidades@cidadeverde.com

Escritor Léo Cunha será o homenageado na Feira Literária de Oeiras em 2020

No último sábado, 16, após o espetáculo AlfabetizArte, no encerramento da VII Feira Literária de Oeiras – FLOR, a Secretaria Municipal de Educação (SEMED) anunciou o nome do escritor que será homenageado na edição 2020 do evento. Mineiro, autor de mais de 60 livros de literatura infantil e juvenil, crônicas e poesias, o jornalista e professor Léo Cunha terá sua obra estudada nas escolas municipais durante o todo o ano letivo e será o homenageado na FLOR do próximo ano.

A Feira Literária de Oeiras envolve a produção literária e artística dos mais de 6 mil alunos da rede municipal e é o ponto alto do ‘Aprendendo Com’ que, em sete anos, já se debruçou sobre a obra de grandes nomes da literatura infanto-juvenil brasileira, como Monteiro Lobato (2013), Ziraldo (2014), Maurício de Sousa (2015) e Ruth Rocha (2016), Cineas Santos (2017), Roseana Murray (2018) e Ilan Brenman (2019).

 “O autor que trabalharemos em 2020 é uma indicação do Ilan, é um amigo dele. Já esteve em Oeiras e ficou muito feliz com a indicação. Vamos trabalhar com a mesma dedicação e afinco, no propósito de formar leitores cada vez mais qualificados. A obra dele está norteada muito nas temáticas ambientais, nos temas sociais. A última obra dele fala sobre a tragédia de Brumadinho, sendo ele um mineiro. Estamos muito felizes e agora é só construção”, adianta Tiana Tapety, secretária municipal de Educação.

Leó Cunha

Escritor, dramaturgo, compositor e professor, Léo Cunha nasceu em 1966, em Bocaiúva (MG), e mora em Belo Horizonte desde 1968. Filho do médico Eunápio Antunes de Oliveira e da professora Maria Antonieta Antunes Cunha. Casou-se em 1996, com a publicitária Valéria Ayres Magalhães. É pai de Sofia (nascida em 2000) e André (2008).

O Livro Maluco das Poções Mágicas, Culpado ou Inocente?, Supimpa, A Menina que Inventava Nomes, Dois Porquinhos e Meio, Cachinhos de Prata, BAMMM! - A Banda Mais Monstruosa, Um Dia Um Rio, Ninguém Me Entende Nessa Casa, Três Terrores, Manual de Desculpas Esfarrapadas e As Pilhas Fracas do Tempo são alguns dos seus livros, que lhe deram diversos prêmios no campo da literatura infantil e juvenil, entre os quais: João-de-Barro, Jabuti, Nestlé, FNLIJ, Biblioteca Nacional, Adolfo Aizen, Concurso Nacional de Histórias Infantis do Paraná. Traduziu mais de 20 livros de literatura infantil e juvenil, do inglês e do espanhol.

Escreveu 3 peças de teatro infantil: "O que você vai ser quando crescer?" (que estreou em BH em 2016), "Em boca fechada não entra estrela"  (Porto Alegre, 2017) e "O Reino Adormecido" (Petrópolis, 2018).

Escreveu dezenas de letras de músicas, em parceria com compositores como Thelmo Lins, Bernardo Rodrigues, André Abujamra, Renato Lemos, Renato Villaça, Ana Paula Miqueletti, Wagner Cosse, Zebeto Correia, Zé Campelo, entre outros.

Formou-se em Jornalismo (1991) e em Publicidade e Propaganda (1993), pela PUC-MG. É Mestre em Ciência da Informação - UFMG (1999) e Doutor em Artes pela Escola de Belas Artes - UFMG (2011). É professor universitário desde 1997, na PUC-Minas (pós-graduação) e no UniBH, onde também coordena o Laboratório de Jornalismo Impresso, desde 2011, e edita o Jornal Laboratório Impressão. Tem uma coluna sobre literatura infantil na revista "Canguru", desde outubro de 2015.

redacao@cidadeverde.com

FLOR promove noite Afro com apresentações e resgate de manifestações culturais

  • 84.jpg Ascom
  • 90.jpg Ascom
  • 82.jpg Ascom
  • 88.jpg Ascom
  • 87.jpg Ascom
  • 86.jpg Ascom

As apresentações de capoeira, puxada de rede, maculelê, grupos de percussão e canto, samba de roda e do grupo folclórico Conguinhos, realizadas pelos alunos da rede municipal de ensino, na Praça de Eventos, foram as atrações da segunda noite cultural da VII Feira Literária de Oeiras – FLOR, ocorrida nesta sexta-feira, 15.

Organizadas pelos Núcleos de Cultura, as apresentações artísticas foram dedicadas à temática Afro e encantaram o público. Os grupos são mantidos em comunidades que possuem marcas da cultura afro-brasileira e têm o objetivo de resgatar tradições e preservar costumes e manifestações culturais.

O momento contou com a presença do prefeito José Raimundo, da secretária municipal de Educação, Tiana Tapety, do líder político B.Sá, e do prefeito de Teresina, Firmino Filho. “Estou impressionado com a organização e com a beleza do evento, que são reflexos da qualidade da educação da escola de Oeiras, que tem avançado não só na questão cognitiva, de conhecimento. Oeiras também tem avançado muito em fazer da escola um centro de cultura. Para nós é uma alegria estarmos aqui”, comenta Firmino.

Este ano, a Feira Literária homenageia o escritor Ilan Brenman, que desde o início da semana está em Oeiras interagindo com a arte e os saberes produzidos pelos estudantes e professores das escolas municipais. Ganhador de diversos prêmios, ele é considerado um dos mais importantes autores da literatura infanto-juvenil do Brasil, tendo mais de 70 livros publicados e traduzidos para dezenas de países.

redacao@cidadeverde.com

Acidente de moto causa a morte de estudante 19 anos no Piauí

Foto: reprodução

O estudante Lucas Campelo Sousa, de 19 anos, morreu na madrugada desta segunda-feira, 18, após sofrer um grave acidente de moto na tarde deste domingo, 17, em Oeiras.

O acidente aconteceu por volta das 17h no bairro Uberaba, no trecho que dá acesso ao IFPI.

De acordo com as informações, Lucas perdeu o controle da motocicleta ao passar por um quebra molas e ao cair bateu fortemente a cabeça. Socorrido ele foi conduzido para a Unidade de Pronto Atendimento em estado grave.

Com o grave ferimento na cabeça, Lucas perdeu muito sangue. Devido à gravidade do seu quadro clínico, não havia a possibilidade de uma transferência imediata para Teresina, pois segundo a equipe médica o seu quadro clínico não tinha condições de suportar o deslocamento até a capital. Ele permaneceu em Oeiras, onde recebeu todos os cuidados e também transfusão sanguínea.

Todavia por volta de 2h40 o quadro de Lucas se agravou e ele foi a óbito após sofrer 11 paradas cardíacas.

O estudante Lucas Campelo Sousa é um dos três alunos do Colégio Farmacêutico João Carvalho que no início de novembro representou Oeiras na 13ª Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG) que aconteceu em Barra do Piraí, no Rio de Janeiro. Lucas Campelo, foi medalhista de bronze no lançamento de foguetes de até 100 metros de distância.

Fonte: mural da vila

Oeiras recebe encontro de Enfermagem nos dias 18 e 19 de novembro

Profissionais de Enfermagem do município de Oeiras e regiões vizinhas poderão participar do Encontro do Conselho Regional de Enfermagem do Piauí - ENCREPI, que acontecerá nos dias 18 e 19 de novembro no auditório da Secretaria Municipal de Saúde de Oeiras. 

 Temas como a administração de medicamentos, práticas em Enfermagem Obstétrica e o Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem serão debatidos durante minicursos e conferências ministradas pela presidente do Coren-PI, Tatiana Melo, os conselheiros Marttem Costa, Elisângela Varonil e pela enfermeira Roberta Berté.

De acordo com a presidente do Conselho, Tatiana Melo, o ENCREPI tem como intuito incentivar o debate dos profissionais da Enfermagem em torno de questões de interesse da categoria, como a legislação e as questões éticas no exercício profissional. “Estamos trabalhando para levar o Encontro do Conselho Regional de Enfermagem para todas as regiões do Piauí e oferecer a todos os profissionais o suporte e conhecimentos necessários para o correto exercício da enfermagem”, explica. 

 Os participantes terão direito a certificado de 20 horas.

 Veja a programação completa:

 PROGRAMAÇÃO – ENCREPI – REGIÃO DE OEIRAS

 1° DIA – 18/11/2019

 08h

Credenciamento

08h30

Conferência: Resolução Cofen nº 564/2017 – Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem -   Conselheira  Elisângela Varonil  

 10h00

Conferência: Resolução Cofen n. 514: Registro de Enfermagem no Prontuário. -  Conselheira Elisângela Varonil

 12h00

Intervalo para Almoço   

14h – 17h

Minicurso 1:  Atualização em Administração de Medicamentos -   Conselheiro Dr. Marttem Costa de Santana

 2° DIA – 19/11/2019

08h00

Conferência: Invista em você: a arte de viver transformações contínuas -  Conselheiro Dr. Marttem Costa de Santana

10h00

Conferência:  Práticas Avançadas em Enfermagem Obstétrica– Dra. Tatiana Maria Melo Guimarães

12h00

Intervalo para Almoço

14h00

Minicurso 2:  Manejo da Hipertensão Arterial Sistêmica e Diabetes Mellitus na Atenção Primária à Saúde -  Dra. Roberta Berté
08h30

Conferência: Resolução Cofen nº 564/2017 – Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem -   Conselheira  Elisângela Varonil  

 

10h00

Conferência: Resolução Cofen n. 514: Registro de Enfermagem no Prontuário. -  Conselheira Elisângela Varonil

 

12h00

Intervalo para Almoço   

14h – 17h

Minicurso 1:  Atualização em Administração de Medicamentos -   Conselheiro Dr. Marttem Costa de Santana

 2° DIA – 19/11/2019

 08h00

Conferência: Invista em você: a arte de viver transformações contínuas -  Conselheiro Dr. Marttem Costa de Santana

 10h00

Conferência:  Práticas Avançadas em Enfermagem Obstétrica– Dra. Tatiana Maria Melo Guimarães

12h00

Intervalo para Almoço

14h00

Minicurso 2:  Manejo da Hipertensão Arterial Sistêmica e Diabetes Mellitus na Atenção Primária à Saúde -  Dra. Roberta Berté

redacao@cidadeverde.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SEJUS terá procedimento administrativo para apurar caso de detento morto

Foto: mural da vila

A Secretaria de Justiça do Estado do Piauí informou que vai abrir um procedimento administrativo para apurar a morte do detento Jeferson Pereira Lobo, que morreu após ser atingido por um tiro na cabeça durante uma tentativa de fuga da penitenciária de Oeiras.

O caso aconteceu na manhã desta terça-feira, 12, quando Jeferson aproveitando o momento do banho de sol, saltou o muro da penitenciária e a partir daí teve acesso a uma casa, para logo em seguida, saltar para o interior de um clube que fica ligado a penitenciária. Ele foi perseguido pelos agentes penitenciários, sendo que um deles disparou contra o detento, o atingindo na cabeça. Jeferson chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), conduzido a Unidade de Pronto Atendimento, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários - SINPOLJUSPI, Kleiton Holanda, o detento estava, durante a fuga, saltando sobre vários imóveis e fez refém a proprietária de um estabelecimento próximo a penitenciária.

"Ele saiu saltando vários imóveis, pulando os muros, até chegar num clube de dança, denominado lá de B. Maroca. Lá ele tomou a proprietária desse estabelecimento de refém, ameaçando, se os agentes encostassem ele ia matar ela. Em um determinado momento, ela se soltou dele e ele tentou saltar outro muro para empreender fuga, quando houve um disparo do agente que se encontrava lá. Foi um disparo de advertência, mas que veio atingir a região da cabeça, ele foi atendido com vida, mas morreu no hospital", afirmou Kleiton Holanda.

Confira a nota na íntegra da Secretaria de Justiça:

A Secretaria de Estado da Justiça informa que o preso Jeferson Pereira Lobo, acusado de tentativa de homicídio qualificado; furto qualificado; associação criminosa e corrupção de menores, e que estava custodiado na Penitenciária Regional de Oeiras, foi baleado, nesta terça-feira (12) após empreender em fuga e tentar manter uma pessoa com refém. O preso chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Saúde (Samu), mas não resistiu aos ferimentos. A Sejus reitera, ainda que, abrirá um procedimento administrativo para investigar o caso.

Fonte: mural da vila

Detento é morto após fugir de penitenciária e tentar fazer refém em Oeiras

O jovem Jeferson Pereira Lobo, 24 anos, morreu ao fugir da Penitenciária  Regional de Oeiras, distante 313 Km de Teresina,  na manhã desta terça-feira (12).

Segundo informações da Secretaria Estadual de Justiça (Sejus), o detento conseguiu sair da penitenciária durante o banho de sol e tentou fazer uma pessoa refém.

A pessoa que o preso tentou fazer refém era um transeunte, que não foi identificado. 

Um agente penitenciário disparou contra Jeferson, que chegou a ser socorrido pelo Serviço de Antendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu aos ferimentos.

Jeferson é acusado de tentativa de homicídio qualificado, furto qualificado, associação criminosa e corrupção de menores.

Sejus afirma que abrirá procedimento administrativo para investigar o caso.

 

 

Izabella Pimentel
izabella@cidadeverde.com

 

Lançada pela Prefeitura de Oeiras a programação da 7ª FLOR

O prefeito José Raimundo e a secretária municipal de Educação, Tiana Tapety, lançaram na noite desta sexta-feira, 08, a programação da VII Feira Literária de Oeiras (FLOR), que acontece de 14 a 16 de novembro, na Praça de Eventos e Praça das Vitórias, no Centro Histórico da cidade. O lançamento aconteceu no auditório da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) e contou com a presença de secretários municipais, do deputado estadual Bessah, de professores, coordenadores, alunos e pais de alunos da rede municipal.

A Feira Literária homenageia este ano o escritor Ilan Brenman, considerado um dos mais importantes autores da literatura infanto-juvenil do Brasil. Ganhador de diversos prêmios, ele tem mais de 70 livros publicados e uma obra que ultrapassa fronteiras nacionais, com traduções para diversos países como França, Itália, Alemanha, Polônia, Espanha, Portugal, Suécia, Dinamarca, México, Argentina, Coreia e China.

Em fevereiro deste ano, Ilan Brenman esteve em Oeiras no lançamento do projeto. Na oportunidade, ele participou de um bate-papo com cerca de 400 professores da rede municipal de ensino. Esta semana, o autor retornará a Oeiras para conferir de perto a culminância do projeto e as homenagens preparadas para o evento, que envolve a produção literária e artística dos mais de 6 mil alunos da rede municipal e é o ponto alto do ‘Aprendendo Com’, projeto aplicado durante todo o ano letivo nas escolas municipais, com o propósito de estimular o hábito e o prazer pela leitura nos estudantes da rede.

A solenidade de lançamento da FLOR foi conduzida por estudantes da rede e teve a participação do coral e do grupos de bandolins dos Núcleos de Cultura das escolas municipais. Na oportunidade, Tiana Tapety ressaltou o trabalho e empenho de professores e gestores de escolas envolvidos no desenvolvimento da educação no município de Oeiras. “Não existe uma receita. Não estamos fazendo nada extraordinário, estamos fazendo aquilo que a Lei de Diretrizes e Bases garante. O que fazemos em Oeiras é cumprir aquilo que a legislação nos diz. Acreditamos no poder da alfabetização, da leitura, da cultura e da arte”, destaca a secretária.

O prefeito José Raimundo lembrou que os investimentos na educação são uma aposta no futuro de Oeiras e dos oeirenses. “O futuro só acontecerá se fizermos o presente”, argumenta o gestor.

Em seis edições, a FLOR já homenageou nomes importantes da literatura infanto-juvenil brasileira, como Monteiro Lobato (2013), Ziraldo (2014), Maurício de Sousa (2015) e Ruth Rocha (2016), Cineas Santos (2017) e Roseana Murray (2018).

redacao@cidadeverde.com

 

Família procura por homem desaparecido há mais de 10 dias no Piauí

Uma família do povoado Canto Fazenda Frade, zona rural de Oeiras, procura por Luís Barboza de Carvalho que está desaparecido desde o último dia 31 de outubro.

Luiz Barbosa saiu de casa no dia 31 e não retornou. Ele tem problemas mentais, e quando deixou sua residência estava trajando uma camisa azul e bermuda jeans.

A família já procurou por toda a região e não obteve respostas. Um Boletim de ocorrência foi registrado na delegacia de Oeiras.

Os familiares pedem a quem tiver alguma informação, entrar em contato através do número (89) 99436 5677.

redacao@cidadeverde.com

Menor é atingida no olho por tiro acidental de espingarda em Oeiras

Uma adolescente de 16 anos foi atingida por um disparo acidental de uma espingarda nesta quarta-feira, 06, em Oeiras.

A menor, que mora no bairro Várzea, foi até a casa do seu pai lavar umas roupas e lá estavam alguns adolescentes brincando com espingardas, atirando em latas, quando um deles, brincando, mirou na menina e disparou sem querer.

Na residência tem 5 espingardas que são usadas em práticas esportivas e que os menores têm acesso a elas.

Após ser atingida na região do olho, a menor deu entrada na UPA pra retirar o projétil. Ela passa bem e não corre risco de morte.

fonte: mural da vila

Posts anteriores