Cidadeverde.com

Mudanças em Campo Maior

Em solenidade na manhã desta quarta-feira (20/02), no auditório do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Campo Maior (SAAE), o prefeito Professor Ribinha apresentou aos servidores o secretário de Governo Carlos Torres como diretor interino da autarquia. A mudança aconteceu após o vereador Fernando Miranda abandonar a base política da administração e entregar os cargos que tinha indicação.

O prefeito Ribinha enalteceu os trabalhos desenvolvidos pelo ex-diretor João Lima, mas destacou que ele não poderia seguir no cargo, pois ocupava uma pasta com indicação política. Na primeira manifestação após o rompimento do início da semana, o prefeito afirmou que não existe crise no governo. Para ele, a saída de um aliado é natural e não é motivo para desarrumar a gestão.

“Ninguém é obrigado a concordar com a gestão. Eu tenho convicção que estamos num caminho certo de trabalho firme para melhorar a vida das pessoas. Isso fica claro quando olhamos para a Câmara e vemos 10 dos 13 vereadores apoiando nosso projeto para uma cidade cada vez melhor. As pessoas têm livre arbítrio e escolheram ficar com a gente”, afirmou.

Sobre a relação com o vereador Fernando Miranda, Ribinha disse que segue a linha do respeito. “Nos conhecemos a bastante tempo. Fomos vereadores juntos, secretários juntos. Não fica qualquer mágoa. Vou continuar respeitando o vereador como presidente da Câmara. Campo Maior testemunha a boa relação que sempre procuro manter com os parlamentares e as lideranças políticas”, garantiu.

O prefeito disse que o secretário Carlos Torres fica no SAAE até a confirmação do nome de um técnico para assumir a autarquia. O prefeito negou que tenha compromisso com lideranças políticas para indicação do cargo.

Ascom

Audiência irá discutir LDO para 2020 em Picos

Após uma série de reuniões no âmbito da administração municipal, a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Avaliação de Picos vai realizar dia 20 de março, audiência pública para apresentar e discutir a Lei de Diretrizes Orçamentárias para o próximo ano.

As referidas reuniões acontecem em face da elaboração das diretrizes que irão reger o município na seara administrativa, onde todas as pastas elaboraram relatório dando conta das suas ações e projetos futuros.

A Lei de Diretrizes Orçamentárias é organizada anualmente. O objetivo central visa balizar as prioridades da administração pública buscando direcionamento das suas ações para o ano posterior.

Determina ainda valores dos recursos financeiros os quais a gestão pública deve consolidar em forma de ações necessárias ao desenvolvimento do município, assim como impõe normas as quais disciplinam as ações da gestão com vistas a manter o seu equilíbrio receitual.

“Sem a LDO o município paralisa, não funciona. É por meio da LDO que toda administração pública se orienta, caminha, paga contas, faz empenhos, compras, além de ser uma espécie de prestação de contas da gestão pública, pois é nela que consta todos os passos da gestão pública”, explica Oneide Rocha, secretária de Planejamento, Orçamentos e Avaliação.

Audiência pública

A referida audiência pública será realizada no próximo dia 20 de março no auditório da Câmara Municipal de Picos. O evento deve reunir sociedade em geral, juntamente com representantes de entidades numa discussão acerca do que pode ser inserido como reivindicações do povo, assim como ouvir novas propostas, sugestões ou mesmo reclamações.

“É o momento em que iremos tratar a LDO de fato, pois o povo em geral, a sociedade como um todo, deve participar e apresentar suas propostas e sugestões, e assim, poderemos direcionar aquilo que é discutido e inserir nas secretarias adequadas. O povo deve participar efetivamente, pois o povo tem suas necessidades e deve mostrá-las e discuti-las juntamente com a administração pública. Esse é o momento”, acrescenta Oneide Rocha.

Após passar por uma audiência pública, procedimento legal, a LDO é enviada para o crivo do gestor municipal, onde este a enviará para o pleno do Legislativo, ou seja, o prefeito recebe a LDO e a envia à Câmara Municipal para a sua devida aprovação. Logo após votada, a LDO retorna ao prefeito municipal para a sua sanção, tornando-se lei.

Ascom

Ações do Projeto No Clima da Caatinga no Piauí

A Associação Caatinga encerrou mais um ciclo da capacitação e instalação das cisternas em nove comunidades do Piauí. Ao todo, 30 famílias foram contempladas com a tecnologia e ainda receberam uma capacitação para orientar o uso correto do equipamento recém implantada. Durante a capacitação, os agricultores aprenderam a lavar a cisterna, a limpar as calhas e os canos, a tratar a água, e os cuidados com a estrutura física da tecnologia para que prolonguem a vida útil das cisternas e melhorem a qualidade de vida dos beneficiários.

 Segundo Paulo Henrique, técnico em Tecnologias Sociais da Associação Caatinga e do projeto No Clima da Caatinga, as cisternas de placa são uma ferramenta de sobrevivência das comunidades. "Essa tecnologia ajuda o homem do campo a enfrentar as condições climáticas que temos no bioma Caatinga. Como é sabido, a concentração de chuva acontece em um pequeno período do ano, tornando os outros meses muito mais difíceis de encontrar água. A família atendida com a cisterna consegue armazenar água no período de chuva e no período que não chove, facilitando assim sua convivência com o semiárido e melhorando sua qualidade de vida. Além disso, os beneficiários conseguem mais tempo para se dedicar ao trabalho e a família", destacou.

 As ações foram realizadas dentro da terceira fase do projeto No Clima da Caatinga, patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental e Governo Federal, e que busca contribuir para a conservação da Caatinga, único bioma exclusivamente brasileiro e um dos mais ameaçados do país. 

redacao@cidadeverde.com
 

Socorro do Piauí sofre com falta de energia elétrica

Moradores de  Socorro do Piauí vem sofrendo com os constantes apagões que vem atingindo o  município , e acusam a empresa concessionaria pelo descaso.  Segundo o secretário de administração de Socorro do Piauí,  Jair Ferreira,  "o município já está adotando todas as providencias nescessarias contra a concessionária,  hoje mesmo o prefeito Zitim vai procurar a direção da empresa "                  
 
Segundo ainda,  o secretário,  os prejuízos causados pelos apagões são enormes para toda a população,  especialmente para os comerciante e para a administração publica.  Desde ontem,  a prefeitura vem entrando em contato com  a empresa(Protocolos de atendimentos 15641028/15652589),  porque o município está com mais de 30 horas sem energia elétrica, sem obter êxito.
 
Fonte: Ascom

Oeiras decreta luto oficial por Martinho Meneses

Morreu nesta segunda-feira, 18, o vice-prefeito de Oeiras, Martinho Meneses, aos 82 anos. O prefeito José Raimundo emitiu nota de pesar, lamentando a perda do companheiro de mandato e decretando luto oficial de três dias no município de Oeiras. Esta terça-feira, 19, será de ponto facultativo nos órgãos e instituições municipais.

“Personalidade com intensa participação na vida pública do nosso município, Martinho Meneses deixa a marca de cidadão exemplar. Prestou relevantes serviços ao povo oeirense, foi vereador por vários mandatos e atualmente exercia, com importante atuação, a função de vice-prefeito do município. Nesse momento de dor, nos solidarizamos e desejamos conforto aos familiares e amigos”, diz o prefeito na nota.

Vereador por vários mandatos, Martinho Meneses ocupava atualmente o posto de vice-prefeito de Oeiras. Ele era casado com Raimunda Emília de Sousa, conhecida como dona Neném. Desta união nasceram sete filhos: Arimateia, Gilberto, Edson, Paulinho, Iran, Meirinha e Martinho Filho, sendo que Arimateia e Paulinho já falecidos.
Confira a nota na íntegra:

NOTA DE PESAR

Em nome da Prefeitura de Oeiras, manifestamos profundo pesar pelo falecimento do vice-prefeito, Martinho Meneses, na tarde desta segunda-feira, 18 de fevereiro. Personalidade com intensa participação na vida pública do nosso município, Martinho Meneses deixa a marca de cidadão exemplar. Prestou relevantes serviços ao povo oeirense, foi vereador por vários mandatos e atualmente exercia, com importante atuação, a função de vice-prefeito do município. Nesse momento de dor, nos solidarizamos e desejamos conforto aos familiares e amigos. Reconhecendo a importância de Martinho Meneses para a memória política oeirense, decretamos luto oficial de três dias no município de Oeiras.

José Raimundo de Sá Lopes
Prefeito de Oeiras

Fonte: Ascom

Água Branca: prefeito faz balanço da gestão

O prefeito de Água Branca, Jonas Moura, participou, nessa sexta-feira (15), da sessão solene que marcou a abertura do Ano Legislativo. O evento foi realizado no plenário da Câmara Municipal.

Na ocasião, o prefeito destacou os avanços de todas as áreas da gestão em 2018, e também citou a relação harmoniosa com a Câmara e o interesse comum aos dois poderes em continuar elaborando projetos relevantes para a comunidade.

 “Contabilizamos uma série de conquistas e avanços para o município ao longo do ano. Somos referência em diversas áreas e um dos municípios piauienses mais bem desenvolvidos do Estado em áreas como emprego e renda, saúde e educação. Isso é fruto de muito trabalho e uma parceria de respeito e diálogo entre os poderes”, diz o gestor.

 Em sua participação, o prefeito também elencou as projeções para 2019 em cada área e reafirmou sua confiança em toda a equipe da Prefeitura e nos vereadores, sempre com o intuito de buscar o melhor para Água Branca. Um dos encaminhamentos já feitos foi a entrega de quatro projetos, entre eles o reajuste do piso salarial dos professores e o piso dos agentes de endemias e de saúde do município.

Município de Buriti dos Lopes de luto

A Prefeitura de Buriti dos Lopes comunica com pesar o falecimento do vice-prefeito Jarbas Fortes na madrugada desta sexta-feira, 15/02. Irmanada à família enlutada diante da perda declara luto oficial por três dias e comunica ainda que o funeral será a partir das 10h na Câmara de Vereadores e às 12h  o cortejo segue para a fazenda Marruás para o sepultamento às 17 h.

I Semana de Prevenção da Gravidez na Adolescência em Picos

A Prefeitura de Picos, através da Secretaria de Saúde em parceria com a Secretaria de Assistência Social, Secretaria de Educação, CMDCA, Conselho Tutelar e Selo UNICEF vão realizar a  I Semana de Prevenção da Gravidez na Adolescência.

A semana será realizada do dia 25 e 26 de Fevereiro de 2019, no Auditório do Centro Estadual Educacional Profissional Petrônio Portela, com o tema: “Proteger e cuidar de adolescentes: informação e acesso para escolhas saudáveis”.

A Semana Nacional de Prevenção da Gravidez na Adolescência foi instituída pela Lei nº 13.798/2019, que modifica o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº   8.069/1990), como uma ação “a ser realizada anualmente pelo poder público , com o objetivo de disseminar  informações sobre medidas preventivas e educativas que contribuam para a redução da incidência da gravidez na adolescência”.

“Estamos nos preparando para vivenciar oficialmente a I Semana de Prevenção da Gravidez na Adolescência de Picos, pois as nossas Estratégias de Saúde da Família já trabalham a temática o ano todo nas suas respectivas UBS´s em parceira com as coordenações do NASF e PSE. Mas, destaco a importância de instituir essa Lei tão importante que visa a prevenção e os esclarecimentos a cerca de informações que busquem diminuir a gravidez na adolescência no nosso município, como também, a integração de todos os órgãos do município unidos em uma mesma causa, pois a responsabilidade é de todos nós. Destaco ainda, que nossas ações serão realizadas não só nesses dias, mas durante todo ano em parceira com todos os órgãos”, explicou o Coordenador de Atenção à Saúde da Criança e do Adolescente, Bruno Santos.

Segue a programação:

1º DIA: 25/02- Segunda-feira

8h:30min Acolhida e Abertura Oficial:

 Equipe dos CRAS Parque de Exposição/ Morada do Sol

Palestra: O impacto da gravidez na adolescência no meio social: saúde, convivência e desenvolvimento humano.

PÚBLICO ALVO: Adolescentes, pais e responsáveis, conselheiros municipais e profissionais das políticas públicas de atendimento ao adolescente e educadores;

RESPONSÁVEIS: Enfermeira (o) e Psicóloga (a);

INTERVALO: Lanche

Roda de Conversa: As consequências advindas da gravidez na adolescência para permanência do aluno na escola;

RESPONSÁVEIS: Secretaria Municipal de Educação;

2º DIA: 26/02- Terça-feira

8h:30min Acolhida

Palestra: Conhecendo e desmistificando as doenças sexualmente transmissíveis;

RESPONSÁVEIS: Enfermeira (o) da ESF;

Caixa de perguntas

INTERVALO: Lanche

Painel do Conselho Tutelar: Casos de Gravidez e os seus encaminhamentos, acompanhamentos e resoluções a nível do município de Picos;

RESPONSAVEIS: Conselho Tutelar

Dinâmica de Interação e fechamento das ações

RESPONSÁVEIS: Equipe do NASF

Ascom

Agricultores vão produzir alho na zona rural de Oeiras

Agricultores familiares de Oeiras começam a se preparar para o plantio do alho, na zona rural do município. Nesta quarta-feira, 13, ocorreu o encerramento a capacitação sobre o manejo do alho, promovida pela Prefeitura de Oeiras, através da Secretaria Municipal de Agricultura, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e o Instituto Federal do Piauí (IFPI).

No curso, os 17 produtores rurais inscritos receberam orientações sobre o plantio e os tratos exigidos para o desenvolvimento da cultura, como as condições ideais para o cultivo, aquisição das sementes, cuidados com o solo, espaçamento, adubação e outros itens importantes para uma boa produção e produtividade.

O plantio deve acontecer após o período invernoso, entre meados de abril e o final de maio, e faz parte do Projeto Revitalização da Cultura do Alho, realizado em Oeiras e outros municípios do Piauí, com apoio da Associação Piauiense dos Produtores de Alho. “Estamos fazendo esse resgate da cultura do alho no Vale do Canindé para que seja uma opção viável e sustentável para o produtor nessa cultura. Uma cultura que é milenar, onde só existe uma janela de plantio, por isso estamos preocupados em fazer com que, a cada ano, ela possa se multiplicar”, comenta José Airton, presidente Associação Piauiense dos Produtores de Alho.

Ele informa que a entidade vai disponibilizar 02 kg de sementes de alho para cada participantes do curso, como forma de estimular a produção. Segundo ele, cada quilo de semente é capaz de produzir até 10 kg de alho. As sementes serão disponibilizadas através de empréstimo. “Cada agricultor vai produzir, inicialmente, 20 kg de alho e, com isso, nos devolver os dois quilos emprestados pela associação”, explica José Airton.

A capacitação, mediada pelos instrutores do Senar, apresentou o cultivo de alho por meio da tecnologia de Alho Livre de Vírus (ALV). Essa técnica consiste na plantação do alho semente, garantindo maior produtividade e melhor qualidade do produto. “Nosso objetivo é levar conhecimento para esses agricultores, pois eles serão os produtores responsáveis pela área experimental do Alho Livre de Vírus no município. Para o próximo ano, queremos aumentar ainda mais este número e, realmente, revitalizar a cultura do alho em Oeiras, nos somando a outros municípios desta região que já fazem esse trabalho”, comenta Juvenal Souza, secretário municipal de Agricultura.

“Queremos introduzir e promover uma agricultura sustentável e motivar os agricultores para a implantação do alho, através do nosso corpo técnico. Esta capacitação foi muito importante, porque só conseguimos produzir adquirindo conhecimento e é uma preocupação da Prefeitura de Oeiras, através da Secretaria de Agricultura: trazer o conhecimento para que os agricultores possam desenvolver e deslanchar a produção em suas propriedades, com mais segurança para alcançar uma boa safra e atender das demandas do município de Oeiras”, acrescenta o secretário.

Fonte: Ascom
 

Definida a programação do Carnaval de Campo Maior

Campo Maior terá Carnaval 2019. A definição foi acertada pelo prefeito Professor Ribinha e a Coordenação de Eventos da Prefeitura de Campo Maior durante uma reunião na noite dessa terça-feira, 12.02. O Carnaval será aberto com Corso, na sexta, dia 01.03.

Durante a reunião o prefeito já acertou a programação. No sábado, (02.03), domingo, (03.03), e terça-feira, (05.03), haverá folia na Praça Valdir Fortes, com shows de atrações locais e regionais.

Domingo a festa também acontece no Balneário Surubim e na Arena de Paredões, (AUCAM). Segunda-feira, 04.03, é só Arena de Paredões.

O prefeito Professor Ribinha informa que na próxima quinta-feira, 14.02, será realizada uma reunião com os blocos organizados e com os barraqueiros que irão comercializar bebidas e comidas nos dias de Carnaval, na Praça Valdir Fortes.

E na próxima terça-feira, 19.02, o prefeito Professor Ribinha realiza reunião com vários setores da Prefeitura de Campo Maior com vista a organizar as ações articuladas para a realização do Carnaval 2019. “Vamos sentar com a nossa equipe e organizar os detalhes para a organização do Carnaval”, complementa.

 

Posts anteriores