Cidadeverde.com

Educação inicia campanha de doação de livros em Campo Maior

Tem início nesta segunda-feira (13/08) a segunda etapa da campanha de doação de livro do projeto Heróis do Saber, em Campo Maior. São aceitos livros paradidáticos em condições mínimas para serem utilizados pelos alunos que integram o trabalho de incentivo a leitura.  Os títulos vão desde clássicos da literatura mundial até obras contemporâneas.

A professora Aucélia Ramos, coordenadora de projetos da Secretaria Municipal de Educação, explica que caixas coleta estão localizadas em supermercados, repartições públicas, escolas e na sede da SEMED. “Doe um livro, separe os paradidáticos, revistas em quadrinhos e seja um colaborador da educação de nossa cidade, e nossas crianças agradecem”, pede.

Em 2017, a campanha recebeu 1.800 livros. Os títulos foram distribuídos entre as escolas municipais, que desenvolveram projetos de leitura durante o ano. “Os livros serão doados para as escolas, porque nossos alunos já leram os livros que tem nas escolas. E no projeto deve haver uma rotatividade de leituras”, afirma Aucélia.

A secretária municipal de Educação, Conceição Lima, enaltece os resultados que o projeto já alcança. “A leitura deve acontecer de forma prazerosa, que o aluno se sinta à vontade para escolher o livro. Nós estamos conseguindo desenvolver essa cultura de leitura em nossos alunos. A leitura forma cidadão e bons profissionais do futuro”. 

O projeto 

O projeto Heróis do Saber é realizado pela Secretaria Municipal de Educação de Campo Maior junto às escolas municipais. Participam alunos do 4º ao 9º ano que têm a meta de ler dois livros por semana. Ao final do mês, o professor de língua portuguesa realiza atividades para integrar as leituras e a troca de experiências. Em seguida, projetos são desenvolvidos e apresentados nos Circuitos de Leituras.

Fonte: portaldecampomaior

Polícia prende mãe e filho por tráfico de drogas em Campo Maior

A Policia Civil por meio da 5ª Delegacia Regional de Campo Maior, com apoio de Policiais Militares do 15° BPM, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva, expedido pelo MM. Juiz de Direito, Dr. Muccio Meira, em desfavor de Iury Araújo, no bairro Recreio, em Campo Maior.

No momento que cumpriram o mandado, os policiais prenderam em flagrante a mãe de Iury, Ana Cristina Araújo Lima, que se encontrava no mesmo endereço, fracionando um porção de “crack”, em várias outras porções menores.

Ana Cristina, no ano de 2014, foi presa em flagrante, no mesmo endereço, pelo mesmo crime de tráfico, pelo qual foi condenada a mais de 6 anos de reclusão.

Com mais essa ação a Polícia Civil do Piauí mais uma vez demonstra à população cumprir seu papel constitucional de polícia investigativa com qualidade técnica e eficiência, fazendo o seu melhor para garantir a segurança dos cidadãos de Campo Maior – PI.

Fonte: portaldeolho

Prefeito Professor Ribinha recebe prêmio nacional de gestão

O prefeito de Campo Maior, Professor Ribinha, está entre os 100 melhores gestores municipais do Norte-Nordeste do Brasil. A escolha foi feita através de uma pesquisa nacional, realizada pela União Brasileira de Divulgação das Gestões (UBD).

A entrega do prêmio foi feita em solenidade realizada na cidade de Recife, Pernambuco, nessa manhã de sexta-feira, 27.07, durante a realização do Seminário ‘Os Melhores do Brasil por um Brasil Melhor’.

O prefeito, que estava acompanhado da primeira dama Nilzana Gomes e pelo secretário de Finanças César Robério, recebeu o Certificado de Honra ao Mérito da UBD por ter sido bem avaliado na área de Saúde, Infraestrutura, Educação, Assistência Social e Transparência, pelas realizações nessa área nos primeiros 180 dias de 2018.

O prefeito Professor Ribinha está entre os 25 gestores municipais do Piauí avaliados pela UBD no Estado.

Fonte: portaldecampomaior

Suspeito de integrar "Novo Cangaço" é preso com CNH falsa

Foto: SSP-PI

Um suspeito de integrar o Novo Cangaço, organização criminosa especializada em assalto a bancos, foi preso em Campo Maior, a 86 km de Teresina. Francisco Edivan Lopes Cavalcante, que apresentou uma CNH com nome falso, foi preso em cumprimento a um mandado judicial da Paraíba por roubo a instituição financeira. A Polícia Civil acredita que ele estaria no Piauí, possivelmente, fazendo levantamento para mais uma ação criminosa. 

"A equipe de investigação da 5ª Delegacia Regional de Polícia Civil vinha fazendo levantamento há cerca de um mês. Temos feito um trabalho preventivo para evitar que bandidos pratiquem ações criminosas. Ele havia alugado uma casa no centro da cidade e possivelmente estaria fazendo levantamento para mais um assalto a banco", explica o delegado Andrei Alvarenga. 

O suspeito, que apresentou uma CNH no nome de Eder Oliveira, já foi encaminhado ao sistema prisional e deve ser recambiado para a Paraíba. 


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com 

Caminhoneiro denuncia tentativas de assaltos na BR 343

Um trabalhador no serviço de transportes terrestres da região norte do Piauí, que compreende mais de 30 municípios, denunciou na segunda-feira (23), tentativas de assalto que estão acontecendo em estradas que cortam o município de Piripiri, próximo a BR-343.

Segundo o denunciante, criminosos estariam arremessando pedras contra caminhoneiros em estradas com pouca iluminação no objetivo de fazer estes pararem e descerem do veículo. Ele afirma que a prática vem se tornando comum na região: “Eu mesmo já fui atingido 3 vezes entre dois meses”, relatou a vítima.

Caminhoneiros se sentem intimidados com as ações e pedem que as autoridades policiais se atentem a esta demanda que vem acontecendo principalmente na estrada do povoado Piçarreira, em Piripiri.

Fonte: portaldeolho

Prefeitura de Campo Maior realizará concurso para agente de saúde

A Prefeitura de Campo Maior irá realizar ainda esse ano concurso público para o preenchimento de vagas para o cargo de agente comunitário de saúde. Serão destinadas 16 vagas para cidade e interior. O salário pode chegar a R$ 1.500,00 para 30 horas de trabalho.

O prefeito Professor Ribinha disse que o concurso público para contratação de agentes de saúde visa o preenchimento de vagas já existentes e que a escolha da empresa organizadora do certame será feita através de licitação. “Tudo dentro da legalidade e transparência exigido por lei. Vamos fazer um concurso organizado e transparente”, comunica Professor Ribinha.

O gestor de Campo Maior não descarta a realização de concursos em outras áreas do município, para isso já determinou aos secretários de Administração, Otalício Leite, e de Governo, Carlos Torres, para fazer um estudo de demandas da administração municipal. “Já fizemos o recadastramento de servidores e agora estamos identificando as carências e excedentes para saber que demandas de pessoal nós temos”, relata o prefeito.   

Além do concurso para agentes de saúde, o Professor Ribinha também firmou uma parceria com CIEE (Centro de Integração Estudante e Empresa), para organizar a contratação de estagiários. “Estamos organizando a contratação de pessoal em todas áreas do município”, garante o prefeito.     

Fonte: Ascom

Açude Grande terá mutirão da limpeza no mês de aniversário de Campo Maior

O Açude Grande, um dos maiores símbolos naturais de Campo Maior, será objeto de uma grande campanha de conscientização ambiental. Para isso a Secretária Municipal do Meio Ambiente e Recursos Naturais irá promover uma campanha educativa às margens do lago, com um mutirão de limpeza no local.

A Secretaria vai contar com o apoio da Lions Clube de Campo Maior. A secretária Municipal do Meio Ambiente, Conceição Paz, se reuniu com o presidente do grupo de benevolências, Iranildo Lima do Vale, onde foi firmada a parceria.

A ação educativa será realizada no dia 17/08, com a mobilização as margens do nosso Açude Grande. De acordo com Conceição Paz, a secretaria irá disponibilizar material educativo para ser distribuído e ainda vai dispor de material humano para a limpeza nas margens do açude.

Fonte: Ascom

Homem morre após ser esfaqueado durante briga em Campo Maior

Um homem identificado por Luciano dos Santos, de 32 anos de idade, morreu na madrugada deste domingo (15/07) no Hospital de Urgência de Teresina, depois de duas paradas cardíacas. Ele foi esfaqueado na noite de ontem em frente à sua residência no Bairro Cariri em Campo Maior (82 km ao norte de Teresina).

Segundo familiares, ouvidos pelo Em Foco, Luciano chegava em casa quando um homem identificado por Thelson já o esperava com duas facas na mão. Os dois já tinham uma rixa supostamente por causa de uma mulher.

O acusado investiu contra a vítima e Luciano chegou a atingir Thelson com um pedaço de madeira, mas quebrou e ouve luta corporal. A vítima foi atingida por três perfurações no pescoço, na virilha, e no tórax que atingiu o pulmão.

Populares levaram Luciano de moto ao Hospital Regional e Campo Maior, perdendo muito sangue. Em seguida, a vítima foi transferida ao HUT em Teresina, mas por volta das 04hs desta madrugada acabou indo a óbito.

A polícia militar não sabia do ocorrido até a postagem desta noticia. O Em Foco não conseguiu falar com ninguém da polícia civil. Familiares informaram que a mãe de Luciano registrou um Boletim de Ocorrência nesta manhã. O suspeito encontra-se foragido.

Luciano era pescador, casado e deixa dois filhos de 9 e 13 anos, respectivamente.

Fonte:campomaioremfoco

Praças e avenidas estão sendo revitalizadas em Campo Maior

A Prefeitura de Campo Maior iniciou, nessa semana, uma séria de revitalizações em praças, prédios públicos e áreas de lazer da cidade e zona rural. A primeira ação nesse sentido é a recuperação da Praça "Mestre Francisco Moreira Lopes", a conhecida Praça da Estação. Também está sendo feita a arborização da Avenida Surubim e a instalação de rampas na Orla do Açude de Campo Maior.

Na Praça da Estação as Secretarias de Meio Ambiente e de Limpeza estão executando trabalho de reconstrução de canteiros, passarelas, bancos e revitalização de jardinagem. O prefeito Professor Ribinha, que fez visita ao local acompanhado da secretária Conceição Paz, disse que a reforma será entregue a população durante a programação do aniversário de Campo Maior.

Na Orla do Açude, a Prefeitura de Campo Maior, através da Superintendência de Obras, está instalando rampas de acesso para cadeirantes em toda a sua extensão. A ação faz parte do projeto de revitalização da Orla e. segundo o prefeito Professor Ribinha, é uma política de governo da sua gestão.

E nessa quinta, 12, a equipe da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, realizou a instalação de 48 canteiros e replantio de mudas de flamboyant na Avenida Surubim. O prefeito Professor Ribinha revelou que o plantio das árvores faz parte do projeto de revitalização e arborização de praças e avenidas da cidade de Campo Maior.

Fonte: portaldecampomaior

Ministério Público abre inquérito para apurar eventual falta de médicos


Foto: Campo Maior em Foco

A 3ª Promotoria de Justiça do município de Campo Maior instaurou um inquérito civil contra o hospital regional da referida cidade para investigar a falta de atendimento médico na urgência.  

De acordo com o promotor titular, Maurício Gomes de Souza, a promotoria recebeu a denúncia de um paciente informando que buscou por atendimento de urgência em período noturno no dia 17 de maio deste ano, mas nenhum médico o atendeu. 

Na portaria 39/2018, o promotor solicitou a direção do Hospital Regional de Campo Maior cópia das escalas de médicos plantonistas dos dias 16, 17 e 18 de maio de 2018. 

Os autos foram encaminhados para o Conselho Regional de Medicina do Piauí, para conhecimento e providências cabíveis ao caso. 

O Estado do Piauí foi notificado por meio da Procuradoria-Geral do Estado para  querendo, “apresentarem manifestações e informações sobre os fatos tratados nesta portaria, bem como se tem interesse em discutir lavratura de TAC (Termo de Ajuste de Conduta) sobre a matéria objeto desta portaria, advertindo-lhe que a inércia será interpretada pelo Ministério Público como desejo de manter-se à margem legal; havendo interesse dos investigados em firmar TAC sobre o tema, designe-se, desde logo, audiência para tanto”. 

Em sua decisão, o promotor reforçou que a “Resolução CFM n.º 2077/2014 é taxativa em apregoar que todo paciente que tiver acesso ao Serviço Hospitalar de Urgência e Emergência deverá, obrigatoriamente, ser atendido por um médico, não podendo, sob nenhuma justificativa, ser dispensado ou encaminhado a outra unidade de saúde por outro profissional que não o médico”.

Veja o que disse a direção do Hospital

A diretoria do Hospital Regional de Campo Maior informa que o paciente que a matéria faz referência deu entrada nesta unidade hospitalar no dia 17 de maio, tendo os primeiros atendimentos feitos pela Classificação de Risco. Após esse atendimento inicial, o paciente evadiu-se do local, sem aguardar a assistência médica.

O Hospital mantém diariamente dois médicos plantonistas, que atendem 24 horas, portanto, não procede a denúncia do paciente, uma vez que o mesmo não aguardou o atendimento.

 

Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com
 

Posts anteriores