Cidadeverde.com

Homem é preso em Piripiri com posse ilegal de armas e drogas

Policiais da Força Tática do 12º Batalhão de Polícia Militar de Piripiri realizaram a prisão em flagrante de um homem de iniciais A. F.   por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo, na tarde desta terça-feira(4) no Conjunto Habitacional Expedito Rezende,  por volta das 13h.

No momento da abordagem o suspeito  tentou esconder uma balança de precisão em uma  mesa de sinuca, quando a guarnição efetuou uma busca e  encontrou   500 gramas de maconha, um revolver calibre 38, 08 munições intactas,  dois aparelhos celulares, máquina de cartão de crédito, R$ 100 reais em dinheiro e muitas embalagens para entorpecentes. 

O homem foi encaminhado para a delegacia e autuado por tráfico de entorpecentes e posse ilegal de arma de fogo.

João Bandeira
com informações da PM-PI
[email protected]

Mulher é presa por receptação de moto roubada no Piauí

Foto: Divulgação/PRF-PI

Policiais Rodoviários Federais realizaram a prisão de uma mulher de 26 anos que não teve a identidade divulgada pelo crime de Receptação nesta tarde(30). A ação foi realizada quando  policiais abordaram uma  motocicleta HONDA/CG 125 FAN na rodovia BR 343 no município de Brasileira/PI.

A motocicleta, que estava estacionada na lateral da rodovia  sem a placa de identificação, havia sido tomada de assalto no dia 22/02/2015 no município de Piracuruca/PI. Uma mulher, que se identificou como sendo propietária do bem, informou aos policiais que havia comprado a motocicleta por R$ 1.000,00 e que não tinha conhecimento da restrição,  pois teria adquirido a motocicleta de um irmão dela,  e que não tinha conhecimento da restrição. 

 Os Policiais Rodoviários Federais realizaram a prisão da mulher pelo crime de receptação e a conduziram até à Polícia Civil do município de Piripiri/PI para procedimentos.

Da Redação
[email protected]

MPPI ingressa com ação para contratação de profissionais para o Hospital de Piripiri

Foto: reprodução

O Grupo de Promotorias Integradas no Acompanhamento da COVID-19 - Regional Piripiri ingressou com uma ação judicial contra o Estado em razão da escassez de profissionais da saúde no Hospital Regional Chagas Rodrigues (HRCR) e do não pagamento do adicional de insalubridade para os que atuam na unidade de saúde. A ação civil pública foi protocolada no início da noite dessa segunda-feira (15), junto à 3ª Vara da Comarca de Piripiri. O promotor de Justiça Nivaldo Ribeiro, coordenador do Grupo Regional de Promotorias de Justiça, é o autor da ação.

 O membro do Ministério Público explica, no documento, que o Hospital Chagas Rodrigues possui um déficit de profissionais de saúde para atuar na chamada Ala Covid-19 da unidade. Segundo informações da direção do HRCR, o hospital precisa de mais 21 médicos, 18 enfermeiros, 14 fisioterapeutas, 42 técnicos de enfermagem e 21 funcionários de serviços de apoio, para o pleno e adequado funcionamento da ala destinada a tratar os pacientes com o novo coronavírus. Esses dados foram repassados ao Grupo Regional de Promotorias no último dia 7 deste mês, em resposta a um ofício enviado pelos promotores de Justiça. Nivaldo Ribeiro afirma ainda que os chamamentos públicos efetuados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) não conseguiram atender à carência de profissionais de saúde no Chagas Rodrigues.

 Outro ponto que motivou o ingresso da ação civil pública foi a suspensão do pagamento do adicional de insalubridade, que corresponde a 40% do valor do salário, para os profissionais que estão atuando na assistência aos pacientes com o novo coronavírus.

 O promotor de Justiça Nivaldo Ribeiro afirma que, nas duas situações, o Ministério Público adotou várias medidas extrajudiciais, como o envio de recomendações, ofícios e notificações, para resolver os problemas do hospital. No entanto, não foram apresentadas soluções concretas para as demandas apresentadas.

O Grupo Regional de Promotorias de Justiça requer ao Poder Judiciário uma decisão liminar para que o Estado contrate, via chamamento público, a quantidade necessária de profissionais de saúde para suprir a carência da Ala Covid-19 do hospital de Piripiri. Os promotores requerem ainda que o Estado pague, até o próximo dia 26 deste mês, o valor do adicional de insalubridade referente ao mês de abril e mantenha o pagamento da gratificação até o fim da pandemia. Por último, o Grupo Regional pede que seja fixada uma multa diária no valor de R$ 50 mil, caso o Estado não cumpra a decisão judicial.

Da Redação
[email protected]

Taxista é amarrado por passageiro em sequestro relâmpago no Piauí

Foto: Divulgação PRF-PI

Um taxista de 51 anos de idade foi vítima de roubo e sequestro relâmpago dentro do seu próprio veículo após pegar um passageiro na cidade de Piripiri, no interior do Piauí. A vítima contou à Polícia Rodoviária Federal (PRF) que ficou cerca de 2 horas em poder dos bandidos e chegou a desmaiar. Após o crime, ele conseguiu se comunicar com um filho porque tinha um celular reserva. 

O taxista foi deixado na BR-222. Ele conta que o bandido, que fingiu ser passageiro, tinha contratado uma viagem de Piripiri-PI para Tianguá-CE. 

"O passageiro pediu que o taxista parasse o veículo, momento em que, outros dois homens chegaram em um veículo GOL, rendendo-o em seguida. Os policiais foram acionados, através do número de emergência 191, por um filho da vítima. Uma equipe de policiais que realizava trabalho de fiscalização na BR-222, localizou o taxista que estava no banco traseiro de seu táxi. Os policiais encontraram o homem amordaçado e amarrado pelos pulsos e pernas pelo cinto de segurança do veículo", conta Alexsandro Lima, assessor de comunicação na PRF-PI.

O taxista declarou que teve o celular e uma certa quantia em dinheiro roubados, mas conseguiu se comunicar com o filho através de um celular reserva. Bastante debilitado, ele foi levado ao Hospital Regional de Piripiri.

A PRF trabalha com a hipótese de sequestro relâmpago e realiza diligências no sentido de localizar e prender os sequestradores. 

O taxista deve prestar mais informações à Polícia Civil em Piripiri. 

 

Graciane Sousa
[email protected]

Suspeito de estelionato é preso e diz a PRF que tem covid-19

Foto: PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na tarde desta quarta-feira (3), um homem de 45 anos suspeito de aplicar golpes em idosos em vários municípios do Piauí. A ação ocorreu na BR 343, em Teresina. Ao ser abordado pelos agentes, o suspeito disse que estava com a covid-19.

Segundo a PRF, o suspeito tinha acabado de praticar mais um golpe a um casal de idosos no município de Capitão de Campos e estava fugindo com destino a Teresina, quando foi abordado pelos policiais.

Os policiais encontraram os encartes de jogos que eram utilizados para a prática dos golpes, dinheiro e documentos. No momento da prisão, o homem informou aos policiais que estava com covid-19, apresentando exames que comprovavam a doença. Mesmo assim, os policiais o conduziram até a Delegacia de Polícia Civil no município de Piripiri. 

A ação contou com informações da Polícia Militar. De acordo com denúncias, os policiais detectaram que o homem já é conhecido por praticar golpes em diversos municípios do estado, principalmente em idosos que recebem seus vencimentos através de programas do Governo federal.

Hérlon Moraes
[email protected]

Trabalhadores retornam ao Piauí e ficam de quarentena em ação preventiva contra a Covid-19

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

Trabalhadores que chegam do Sul e Sudeste do Brasil são orientados a permanecerem em quarentena nos municípios de destino no Piauí. Só na região de Piripiri, quatro veículos foram abordados nesta semana em ações conjuntas da Vigilância Sanitária, Ministério Público e Polícia Rodoviária Federal. 

Nivaldo Ribeiro, titular da 3ª Promotoria de Justiça de Piripiri, 116 quilômetros ao Norte de Teresina, explicou ao Cidadeverde.com que os ônibus vieram com trabalhadores que retornaram para suas casas no interior do Piauí. Nenhum apresentou sintomas da Covid-19. 

As ações são preventivas para tentar reduzir a propagação do Sars-Cov-2, conhecido como novo coronavírus e responsável pela pandemia de Covid-19. A preocupação é com a velocidade com a qual o número de infectados pode crescer, sobrecarregando o sistema de saúde e ampliando as mortes por falta de condições de atendimento adequado. 

No início da semana, três ônibus com trabalhadores oriundos de São Paulo chegaram a Piripiri e foram submetidos a esse procedimento.

"Foram identificados todos os trabalhadores e eles foram orientados a ficarem em quarentena. Aqui em Piripiri, há um decreto, os responsáveis pelos três ônibus foram notificados e foi proibida a circulação desses veículos", acrescentou o promotor. 

Na madrugada de quarta-feira (25), a Polícia Rodoviária Federal no Piauí (PRF-PI) abordou um ônibus que vinha de Canoinhas (SC). Nenhum dos 43 passageiros apresentavam sintomas e todos foram orientados a ficarem em quarentena quando chegassem aos municípios de Brasileira e Pedro II. 

Até a manhã desta quinta-feira (26), a PRF havia monitorado 34 ônibus, com um total de 1.374 passageiros, tanto os que vinham para o Piauí como os que passavam pelo estado em direção a outros destinos. A Polícia Rodoviária afirmou também ter reforçado as barreiras no estado para tentar conter a circulação de veículos clandestinos. 

Fábio Lima
[email protected]

Piripiri: mais de 300 pessoas são assistidas e aulas suspensas em 9 escolas

  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv12.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv11.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv10.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv9.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv8.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv7.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv6.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv5.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv4.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv3.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv2.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde
  • piripiri_francisco_rebelo_tvcv1.jpg Francisco Rebelo/TV Cidade Verde

A Prefeitura de Piripiri informou nesta segunda-feira (09) que mais de 300 pessoas estão sendo assistidas no município após as fortes chuvas que atingiram o município, deixando muitas famílias desabrigadas. Nesta segunda, o poder executivo municipal também divulgou a lista das escolas que tiveram as aulas suspensas porque as vias de acesso estão intrafegáveis. Outras estão temporariamente sem aula porque estão abrigando famílias. 

Os moradores recebem medicamentos, comida, água mineral, material de higiene, colchões, roupas, cobertores. Voluntários e doadores ajudam nos pontos de arrecadações, como a creche Proinfância Romeritto Escórcio (Campo das Palmas) - que também recebe famílias. 

O prefeito Luiz Menezes relatou que "após a atenção imediata, com os trabalhos de urgência no atendimento às pessoas nas áreas de risco e desabrigados, a Prefeitura, agora, inicia os serviços de contenção, desobstrução e reconstrução de áreas afetas, tanto na zona urbana como na zona rural". O prefeito decretou estado de emergência.

"Já deixamos a autorização para que todas as secretarias utilizem do que for necessário para que possamos voltar a rotina de nossa cidade, para reestabelecermos a normalidade e dar segurança à população”. 

A prefeitura destacou que equipes de infraestrutura trabalham em diversos pontos da cidade - assim como equipes da saúde e social - em permanente assistência e monitoramento das áreas e das famílias.

Escolas recebendo famílias: 

  • Creche Municipal Proinfância Romeritto Francisco Ximendes Escórcio de Brito;
  • C. E. M. Des. Dr. Antônio de Freitas Rezende;
  • Escola Municipal Dr. Antenor de Araújo Freitas.

Escolas com aulas suspensas - vias intrafegáveis

• E. M. Cosme Lopes dos Santos – Comunidade Sertão de Dentro;
• E. M. São João Batista – Comunidade Formosa;
• E. M. Raimundo Pereira do Nascimento – Comunidade Baixão;
• E. M. Argemiro Urquiza – Comunidade Santa Rosa;
• E. M. Leonardo Pereira da Cunha – Suçuarana;
• E. M. Marival de Andrade Oliveira - Comunidade Romão.

Nas demais escolas do Sistema Municipal de Ensino haverá aulas normalmente. A Secretaria Municipal de Educação ressaltou que as aulas suspensas serão posteriormente repostas em um novo calendário para não prejudicar o ano letivo.  


Foto: Francisco Rabelo/TV Cidade Verde

 

Mais chuvas

O prefeito Luiz Menezes pede que a população se mantenha alerta porque ainda há previsão de fortes chuvas para o município.

“É importante a atenção redobrada porque todas as nossas reservas naturais e artificiais estão cheias. Portanto, ficaremos todos bem atentos para que nenhuma tragédia possa acontecer novamente”. 

 


Foto: Francisco Rabelo/TV Cidade Verde


 

Carlienne Carpaso 
[email protected] 

 

Piripiri: obras emergenciais na BR-343 continuam e PRF acompanha trânsito

Foto: PRF


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que equipes continuam no KM 180,0 da BR 343, na cidade de Piripiri, após uma cratera surgir durante as fortes chuvas que atingiram o município no último final de semana. A previsão para liberação total da pista está marcada para terça (10). 

A PRF relatou que "neste momento encontra-se uma equipe no local da obra realizando a correção definitiva da rodovia".

"Durante o procedimento haverá restrição parcial do fluxo de veículo havendo trânsito em apenas uma das faixas. Hoje farão a correção no sentido decrescente da via, ou seja sentido a cidade de Brasileira/PI. Amanhã farão a correção no sentido contrário. Previsão de término amanhã(10)", diz a nota.

Recomendação

A PRF recomenda que os motoristas evitem o deslocamento na região. Por hora, o trânsito é desviado por Piracuruca/PI entrando pelo Parque Nacional de Setes Cidades e saindo na BR 222, informou a equipe.

"O Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte já está ciente e devidamente acionado. DNIT informa que deslocou uma maquina de Piracuruca para o local da interdição. Vão abrir a pista e encher com piçarra para tentar liberar de forma precária até iniciar os reparos definitivos", diz.

A PRF acrescenta que "o trecho proposto para desvio na interdição de Piripiri/PI não é todo asfaltado, porém é trafegável para qualquer veículo. As máquinas já estão realizando a recuperação da via. Previsão de ser liberada a via ainda hj de forma precária. Rodovia foi liberada nos dois sentidos".

A pista está sinalizada para alertar os condutores tendo em vista que a recuperação é provisória e devido o acúmulo de material criou-se uma espécie de lombada. Neste momento encontra-se uma equipe no local da obra realizando a correção definitiva da rodovia. 

 

Carlienne Carpaso (com informações da PRF)
[email protected] 

Sobe para 15 o número de famílias desabrigadas após chuva em Piripiri

Subiu para 15 o número de famílias desabrigadas em Piripiri após o temporal do fim de semana. Em uma semana choveu 400 mm, o que acabou cortando estradas, causando deslizamento de terra e deixando uma mulher morta após fica presa em um carro que foi arrastado pela correnteza. O açude Caldeirão está sendo monitorado e moradores temem o rompimento.

A prefeitura de Piripiri decretou estado de emergência. A TV Cidade Verde visitou a cidade e mostrou os estragos da enxurrada. Há áreas de risco em, pelo menos, oito bairros, mas alguns moradores ainda resistem em sair das residências. 

"A nossa dificuldade é justamente porque as famílias insistem em ficar. São casos em que a parede já caiu ou está rachada. A gente tenta fazer um convencimento para trazer essas famílias para um local seguro. Conseguimos resgatar 11 famílias que foram levadas para uma escola. Temos pessoas idosas, crianças, mulheres", explica Márcia Galvão, secretária de Assistência Social de Piripiri. (veja como ajudar).

Rompimento de rodovia 

A rodovia estadual que liga Piripiri ao açude Caldeirão continua completamente rompida. Equipes do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) foram enviadas ao município para fazer um levantamento e posterior elaboração de um projeto para recuperação da via. Nos locais devastados pela água, o DER anunciou que fará de imediato uma nova sinalização indicando os desvios.

Já na BR-343, entre Piripiri e Brasileira, foi feito um reparo emergencial pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para liberação da pista. Nesta segunda-feira (09) será realizada uma pavimentação asfáltica.

"O trânsito flui normal nas duas faixas, requer só uma atenção dos condutores porque tem uma ondulação no meio da pista e é no meio de uma curva, mas está bem sinalizada.  Hoje será colocado o asfalto e o trânsito ficará em apenas uma das faixas. Acreditamos que a obra vai durar no máximo três dias", explica o superintendente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Piauí, Stênio Pires Benevides.

Os motoristas que quiserem evitar transtornos da obra podem buscar rotas alternativas. 

"Quem sair de Teresina e for para Parnaíba, pode ir por Barras ou Esperantina. Quem vier no sentido contrário pode entrar em Sete Cidades que também tem um desvio", reitera o superintendente  da PRF-PI. 

 

Previsão do tempo para os próximos dias

Em entrevista ao Notícia da Manhã, o climatologista Werton Costa explicou como deve ficar o tempo no Piauí nos próximos dias. 

 


Graciane Sousa
[email protected]

Moradores temem rompimento do Caldeirão, mas Dnocs afirma segurança da estrutura

  • caldeira_tiago_2.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde
  • caldeirao_francisco6.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde
  • caldeirao_francisco5.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde
  • caldeirao_francisco4.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde
  • caldeirao_francisco3.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde
  • caldeirao_francisco2.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde
  • caldeirao_francisco1.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde
  • caldeirao_francisco.jpg Francisco Rebelo e Tiago Melo /TV Cidade Verde

Atualizada às 19h02

Os moradores de Piripiri temem que a estrutura do Açude Caldeirão não suporte as fortes chuvas que atingem o município e venha a romper na região. Equipes da Prefeitura de Piripiri e do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) visitaram o açude neste sábado (07) para avaliar a situação. O local também é considerado ponto turístico; barracas ficaram alagadas. O prefeito de Piripiri Luiz Menezes decretou situação de emergência no município. 

Ao Cidadeverde.com, o coordenador do Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs) no Piauí, Djalma Policarpo, informou que o açude, neste momento, não possui problemas estruturais alarmantes.  Na próxima terça-feira (10), o projeto já previsto de modernização deverá ser iniciado. 

O Açude Caldeirão assustou os moradores e os órgãos do municipais porque a quantidade de água aumentou consideravelmente pela manhã, mas houve uma pequena redução na tarde de sábado. 

"A barragem está 'tranquila'. O problema não é de estrutura. É de projeto. A lamina de capacidade do sangradouro tem altura de 1.50m por 60 de largura. O Dnocs deixou uma folga 50 cm de altura. A capacidade que é de 1.50 chegou a 1.69, faltando 31cm para atingir essa capacidade do sangradouro pela manhã, mas agora pela tarde já houve redução para 1.44", comentou Policarpo.

O diretor ressaltou que se houver mais chuvas nas próximas horas, o Dnocs já deixou no município uma retroescavadeira hidraulica. "Deixamos de prontidão esse equipamento caso chegue a capacidade máxima e se houver a necessidade de alargamento, por segurança". 

Um morador conversou com o Cidadeverde.com e relatou a sua visão sobre a situação. "A tendência é que o nível do rio dos matos suba e  alague mais essas estradas. Essas águas do Caldeirão descem pelo Rio dos Matos, que passam por boa parte da zona rural. O rio dos matos se uniu a outro riacho em uma outra estrada na zona rural e tá só um lago enorme. Tá feio o negócio. Se o Caldeirão rompesse essa parte sim ficaria devastada". 

Até o momento não há informações da quantidade de desabrigados no municípios. Grupos se mobilizam em busca de doações. Veja os pontos de arrecadação: clique aqui! 

BR 343

A parte da BR 343, na região de Piripiri, que estava totalmente interditada devido o surgimento de uma cratera, foi liberada nos dois sentidos por volta das 18 horas.

O Cidadeverde.com recebeu a informação de que uma equipe da Polícia Rodoviária Federal permanece no local orientando os condutores, pois ficou uma ondulação - uma espécie de lombada -depois dos trabalhos emergenciais feitos pelo Dnit. Como trata-se de uma curva é fácil o motorista perder o controle do veículo caso esteja com a velocidade acima do permitido para a via. Há cones de sinalização no local. 

 

 


Dnocs|| Foto enviada ao Cidadeverde.com

 

Mais informações: 

Mulher morre afogada ao ter carro arrastado durante temporal em Piripiri

Vídeo: chuva extrema em Piripiri arrasta motos, cancela aulas e deixa moradores ilhados



Foto enviada ao Cidadeverde.com 

Carlienne Carpaso
[email protected]

 

Posts anteriores