Cidadeverde.com

Vigilância Sanitária e PM fazem operação para impedir aglomerações em praias

Fotos: Prefeitura de Cajueiro da Praia

As vigilâncias sanitárias dos municípios de Luís Correia e Cajueiro da Praia intensificaram as fiscalizações nas praias do litoral neste fim de semana. Vários turistas, principalmente de Teresina, se deslocaram para a região. O trabalho tem o apoio da Polícia Militar.

“A gente autua quando tem mais de 5 pessoas gerando aglomeração, segundo orientação do governo do estado, inclusive da mesma família”, informou o fiscal da Vigilância Sanitária de Cajueiro da Praia, Daniel Eduardo.

O fiscal explica que é feita uma notificação ao turista e se ele não se retirar do local é aplicada uma multa de R$ 236. Até o momento, ocorreram apenas notificações.

“A pessoa assina uma notificação e se ela não sair da praia aí sim é aplicada a multa. É assim que a gente procede. Primeiro vem a conscientização e depois a multa. Isso aconteceu ontem com dois casais, que foram notificados, mas deixaram o local”, relatou o fiscal.

Apesar das pousadas estarem funcionando obedecendo as medidas de distanciamento, os bares localizados nas praias estão fechados. O banho de mar só está permitido a partir de 8 de setembro.

Luís Correia

Em Luís Correia, a Companhia Independente de Policiamento Turístico e a Vigilância Sanitária também realizam fiscalização. Segundo balanço da PM, foram abordadas 36 pessoas, 6 carros e apreendido um quadriciclo.

Foram feitas rondas nas praias de Atalaia, Peito de Moça, Coqueiro, Arrombado, Macapá, Maramar e Barro Preto. 

Foto: PM

Hérlon Moraes
[email protected]

Motorista é multado em R$ 3 mil por dirigir buggy em praia no Piauí durante a pandemia

Foto: CIPTur

O motorista de um buggy foi multado em R$ 3 mil após ser flagrado dirigindo o quadriciclo na Praia Peito de Moça, em Luís Correia, no litoral do Piauí. Segundo o major Danilo Palhano, comandante da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTur), o condutor do veículo ainda tentou fugir, mas foi capturado perto de uma pousada na Praia do Coqueiro. 

"Ele é de Parnaíba e teve o veículo apreendido por descumprir medida sanitária por causa da pandemia e medida protetiva ambiental do Ministério Público Federal que proíbe a circulação de veículos em praias do Piauí. Ele foi multado em R$ 3 mil, teve o quadriciclo apreendido e o CiPTur lavrou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO)", explica o comandante da CiPTur.

Equipes da Polícia Militar e da Vigilância Sanitária fiscalizam o cumprimento do decreto do governo do Estado que define regras mais rígidas de isolamento social devido à pandemia do novo coronavírus. 

Durante o fim de semana, além de comércios no Centro e na zona rural de Luís Correia. Foram realizadas barreiras sanitárias, blitz e rondas nas praias de Atalaia, Peito de Moça, Coqueiro da Praia, Arrombado, Macapá, Maramar para manter o isolamento social e impedir aglomerações.A ação de fiscalização se estendeu também para a cidade de Cajueiro da Praia.  

O comandante do CiPTur ressalta que, durante o fim de semana, foram abordadas mais de 60 pessoas, além de motoristas e motociclistas orientados a deixar a praia. 

 

Graciane Sousa
[email protected]

Prefeito Mão Santa descumpre decreto e é flagrado em praia no Piauí

Ampliada às 11h45

A primeira-dama de Parnaíba, Adalgisa Moraes, disse que polititizaram o vídeo em que ela aparece caminhando na Praia do Coqueiro, em Luís Correia, ao lado prefeito Mão Santa. Ela confirma que o registro é do domingo (12) e a praia estava deserta. Apesar de tratar a situação com naturalidade, o flagrante representa descumprimento ao decreto estadual de isolamento social  que proíbe a circulação de pessoas, inclusive, no litoral piauiense, durante a pandemia. 

"A gente estava voltando e acho que era meio-dia. Temos casa na praia há mais de 20 anos. Simplesmente, politizaram o vídeo", disse a primeira-dama que também secretária de Desenvolvimento Social e Cidadania de Parnaíba. 

Questionada se a conduta poderia motivar outras pessoas a também descumprirem o isolamento social, Adalgisa Moraes rebateu e disse que, se isso acontecer, "ela mesmo se distancia". 

"Quando tiver aglomeração, eu vejo com outro olhar. Aquela caminhada é saudável, tem recomendação para caminhar, fazer exercício para essa história de Covid. No dia que tiver aglomeração, eu me distancio", disse Moraes. 

Ao Cidadeverde.com, a primeira-dama também comentou sobre a situação da Covid-19 em Parnaíba. Dados mais recentes da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) revelam que já são 4.018 casos confirmados e 87 mortes na cidade.

"Parnaíba é uma cidade que não tem pânico em relação à Covid. A gente está tendo muita responsabilidade e tratamento precoce. Não escondemos hidroxicloroquina, ivermectina ou antibióticos. A população está confiante e a prefeitura está fazendo o tratamento precoce como há muito tempo devia se fazer em todo o país", disse Adalgisa Moraes. 

Publicada às 8h07

O prefeito de Parnaíba Mão Santa (DEM) e a primeira-dama Adalgisa Moraes foram flagrados descumprindo o decreto de isolamento social devido à pandemia do novo coronavírus. Os dois foram vistos caminhando, durante o fim de semana, na Praia do Coqueiro, em Luís Correia, litoral do Piauí. 

O prefeito estaria sem máscara e teria sido orientado pela Polícia Militar a deixar a praia. 

Para evitar a disseminação do vírus, equipes da Vigilância Sanitária continuam fiscalizando bares e restaurantes na orla. As praias continuam interditadas. 

 

Com informações Notícia da Manhã
[email protected]

Drogas: PF investiga grupo criminoso nacional atuando no litoral do Piauí

Foto: PF

A Polícia Federal (PF) está investigando a atuação de uma organização criminosa nacional que estaria distribuindo droga na região Norte do Piauí, principalmente nos municípios do litoral. Na manhã desta sexta-feira (19), os policiais deflagaram a operação Muralha, onde cumpriram mandados de busca e apreensão em um imóvel de Luís Correia.

Segundo a PF, simultaneamente à execução da busca, a proprietária do imóvel foi abordada enquanto transportava drogas escondida em um veículo rebocado por um caminhão com placas de Catalão, Goiás.

No veículo, ainda de acordo com a PF, estavam um homem e duas mulheres. Com eles foram encontrados aproximadamente dois quilos de cocaína e documentos relacionados ao transporte ilícito.

“O homem cumpre pena no regime semiaberto, em virtude de ter sido preso em flagrante delito no ano de 2018 de posse de 207 quilos de maconha na cidade de Parnaíba. Uma das mulheres, também cumpre pena no regime aberto após prisão em flagrante por tráfico de drogas”, informou a PF em nota.

A PF informou ainda que as investigações ao grupo criminoso seguem na região.

Hérlon Moraes
[email protected]

Homem tem pé decepado em briga na zona rural de Luis Correia

Foto: CIPITUR

O homem que teve o pé decepado e outras lesões pelo corpo provocadas por uma  uma briga de facões com envolvimento de outras três pessoas foi identificado como, Raimundo Nonato, de 48 anos de idade. A ocorrência de  lesão corporal grave ocorreu  no povoado Curral Velho, em  Luis Correia e foi  atendida pela Companhia Independente de Policiamento Turístico(CIPTUR) na tarde desta terça-feira(2).

De acordo com informações de moradores da região os desentendimentos envolvendo os quatro homens são antigos, e ao se encontrarem teve início uma nova confusão que culminou com a briga de facões.

Raimundo Nonato que teve o pé decepado  foi socorrido e encaminhado ao pronto socorro do  Hospital Estadual Dirceu Arcoverde(Heda) em Parnaíba. Mas um outro envolvido na confusão identificado como Marcos Antonio teria fugido com  vários cortes de facão por todo o corpo.

João Bandeira
[email protected]

Trade aposta no turismo da Rota das Emoções após a pandemia

Foto: Hérlon Moraes

O turismo foi um dos setores mais afetados com a pandemia do novo coronavírus. Pensando nisso, empresários do trade que compõe a Rota das Emoções no Piauí se articulam para a retomada do destino que integra ainda os estados vizinhos Ceará e Maranhão e é considerado um dos mais famosos do país.

A Rota das Emoções engloba 14 cidades, além de áreas de proteção como o Delta do Parnaíba, entre Piauí e Maranhão; o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses e o Parque Nacional de Jericoacoara, no litoral oeste cearense.

Os empresários se mostram confiantes para dar continuidade ao trabalho. “Nós estamos em um momento muito difícil, mas tenho certeza que vamos voltar com muita força. Nós somos um grupo forte e estamos aproveitando esse momento para irmos nos repaginando, estabelecendo protocolos de higiene e segurança”, frisa o empresário do ramo hoteleiro em Barra Grande, Roberto Zigert. 

“O cenário de sol e praia, longe de toda aglomeração, será um dos pontos para a procura dos turistas pela rota. Estamos conversando, buscando nos alinhar para a retomada ser um sucesso assim como sempre foi. Recentemente nos unimos e trabalhamos a divulgação de um vídeo que mostra tudo que a Rota das Emoções tem de melhor e será impossível não se emocionar”, ressalta o empresário do setor de agências, José Roberto Piovan.

O secretário de Estado do Turismo, Flávio Nogueira Júnior, ressalta que, na prática, viagens só serão realizadas com segurança, depois que órgãos nacionais e internacionais, como o Ministério da Saúde e a Organização Mundial da Saúde (OMS), indicarem que é seguro, mas reforça sobre as previsões de retorno.

“Temos conversado com representantes de outros estados, do governo federal e, por enquanto, a previsão é que o turismo terá sua retomada em fases, sendo a primeira para julho, voltando com o turismo regional, aquele que se utiliza o carro próprio, dentro de seu estado, a partir de outubro a previsão de turismo nacional, com a volta dos voos dentro do país. Já o turismo internacional, acreditamos realmente que só volta em 2021”, finaliza o gestor.

Da Redação
[email protected]

Operação da PF tenta barrar pesca predatória no litoral do Piauí

A Polícia Federal em Parnaíba deflagrou, na manhã desta sexta-feira (22), a Operação “Bycatch”. O objetivo é reprimir a pesca predatória no litoral do Piauí. 

Segundo a PF, evidências reunidas até o momento pelo Grupo Especial de Polícia Marítima da Delegacia de Parnaíba, apontam para embarcações suspeitas da pesca ilegal de camarões, na modalidade arrasto, em área proibida ao longo da orla marítima do município de Luiz Correia.

Vinte policiais federais atuam na operação, com apoio de três agentes do Núcleo de Fiscalizações da Divisão Técnico-Ambiental do IBAMA.

Ainda segundo a PF, o nome da operação faz alusão ao dano colateral provocado pela pesca predatória, resultado da captura de espécies diversas (tartarugas, moluscos, mamíferos), que são descartadas juntamente com peixes e crustáceos muito pequenos, de pequeno interesse comercial.

Fotos: PF

Veja nota da PF na íntegra:

Parnaíba /PI – A Polícia Federal em Parnaíba deflagrou, na manhã desta sexta-feira (22/05), a Operação “Bycatch”, com objetivo de reprimir a pesca predatória no litoral Piauiense.

Evidências reunidas até o momento pelo Grupo Especial de Polícia Marítima da Delegacia de Parnaíba (GEPOM/DPF/PHB/PI) apontam para embarcações suspeitas da pesca ilegal de camarões, na modalidade arrasto, em área proibida ao longo da orla marítima do município de Luiz Correia-PI.

A ação conta com 20 Policiais Federais, com apoio de 3 agentes do Núcleo de Fiscalizações da Divisão Técnico-Ambiental do IBAMA(DITEC/IBAMA-PI).

O nome da Operação – Bycatch – faz alusão ao dano colateral provocado pela pesca predatória, resultado da captura de espécies diversas (tartarugas, moluscos, mamíferos, p. ex), que são descartadas juntamente com peixes e crustáceos muito pequenos, de pequeno interesse comercial.

Hérlon Moraes (Com informações da PF)
[email protected]

Veículo é apreendido transitando na praia de Atalaia em Luiz Correia

Foto: Portal do catita

O veículo estava trafegando na área destinada aos banhistas na praia de Atalaia, em Luiz Correia, litoral do Piauí. A praia também está fechada para banhistas.

Policiais da Companhia Independente de Policiamento Turístico -CIPTur em conjunto com equipes da Secretaria de Saúde local, realizaram fiscalização na orla e rebocaram veículo. 

Um veículo marca Fiat foi apreendido nesta tarde de domingo(26), na praia de Atalaia em Luiz Correia, litoral do Piauí, por conta de decreto em decorrência da pandemia do novo coronavírus a nível mundial. 

O veículo foi rebocado da praia e encaminhado ao pátio da VIP em Parnaíba. 

No caso do condutor, que andava em companhia de uma criança, foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), por desobediência ao decreto de isolamento social. 

A patrulha da CIPTur era coordenada pelo sargento Egildo. O conselho tutelar foi acionado por causa da criança dentro do veículo. 

com informações do Portal do Catita/jornaldaparnaiba

 

 

Caseiro é suspeito de assassinar vizinho por causa de um pato

Foto: Ciptur

Um caseiro de uma casa de veraneio em Luís Correia, no Litoral do Piauí, é suspeito de matar um vizinho e colega de profissão na noite dessa quinta-feira (27). Segundo a Polícia Militar, que atendeu a ocorrência, a vítima tinha 37 anos e foi esfaqueada. A motivação da briga foi um suposto roubo de um pato.

“Foi uma discussão que acabou em um homicídio. Um roubou o pato e o outro foi cobrar. A briga terminou com um sendo esfaqueado”, explicou o major Palhano, da Companhia Independente de Policiamento Turístico (Ciptur).

A briga ocorreu no bairro Atalaia. O suspeito tem 22 anos e continua foragido da polícia. “A gente entrou em contato com a família. Estão procurando um advogado para se apresentarem. Eles se conheciam. Tomavam conta de casas de veraneio”, informou Palhano. 

Valmir Macêdo
[email protected]

Homem é preso suspeito de abusar da enteada de apenas 12 anos de idade

Foto reprodução

Um homem identificado como Adão de Souza foi preso na madrugada da última terça-feira (21) suspeito de abusar sexualmente da enteada de apenas 12 anos de idade. O caso ocorreu na residência da vítima, no bairro Cearazinho, na cidade de Luiz Correia.

Os abusos teriam iniciado em dezembro do ano passado quando de acordo com a companheira do suspeito e mãe da menor, ele passou a frequentar o quarto da filha argumentando que estava apenas conversando.

Adão de Souza foi preso e conduzido para a Central de Flagrantes de Parnaíba. Na audiência de Custódia ele foi liberado e irá responder pelo crime em liberdade, mas como medida cautelar alternativa à prisão terá que usar tornozeleira eletrônica de monitoramento até o julgamento.

com informações jornal da parnaíba

Posts anteriores