Cidadeverde.com

Polícia prende suspeitos de envolvimento com facção e tráfico de drogas em Luís Correia

Foto: PCPI

A Polícia Civil do Piauí (PC-PI) prendeu, na tarde desta segunda-feira (3), dois homens e um adolescente suspeitos de envolvimento com facção criminosa no município de Luís Correia. As investigações apontaram que o grupo atuava na região conhecida como “Boca do Lobo”, onde ocorreu a ação policial que resultou nas prisões. 

Segundo o delegado João Filipe Leite, o trabalho investigativo identificou o local onde que os membros da facção utilizavam para guardar e vender drogas, armazenar armas e se esconder. Com base nessas informações, foram realizadas diligências de vigilância do local. No momento da abordagem, um dos alvos conseguiu fugir dos policiais. 

”Os suspeitos tentaram fugir pelo mangue. Dos quatro indivíduos, três foram capturados. Durante a operação, foram apreendidas drogas, como maconha e crack, uma balança de precisão, embalagens e uma arma de fogo calibre 38 municiada. As buscas pelo outro fugitivo continuam”, informou a autoridade policial.

O adolescente foi ouvido e entregue ao responsável legal e responderá por ato infracional análogo ao tráfico de drogas e associação para o tráfico. Os dois maiores de idade de iniciais K.W.S.S. e J.L.A. foram presos e encaminhados à justiça, sendo autuados por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e corrupção de menores.

K.W.S.S já havia sido apreendido quando menor de idade na cidade de Tutóia (MA) por ato infracional análogo a homicídio, tráfico de drogas e ameaça. O outro, de iniciais J.L.A., já responde pelos crimes de tráfico de drogas, roubo e apropriação indébita em Parnaíba.

O delegado do caso representou pelas prisões preventivas de ambos os autuados, que serão analisadas pelo juiz na audiência de custódia.

Da Redação

Tubarão encalha e banhistas devolvem animal à água no litoral do Piauí

 

 

Por Marina Sérvio

O vídeo de um tubarão-lixa ou lambaru encalhado nas areias de uma praia no município de Luís Correia viralizou nas redes sociais. Na imagem, banhistas tentam devolver o animal para a água. O caso aconteceu no último sábado (01) na Praia do Coqueiro, um destino muito escolhido pelos turistas que frequentam o litoral do Piauí. 

Segundo a Professora Doutora Edna Cunha, do Curso de Engenharia de Pesca da Universidade Federal do Delta do Parnaíba UFDPar, o comportamento não é normal e demonstra que ele pode estar ferido ou doente. 

“Não é normal, porque ele é um animal subaquático e o normal é ele estar submerso. A primeira imagem daquele vídeo eu observei a parte ventral do animal então me parece que aquela coloração avermelhada no abdômen possa ser de algum processo hemorrágico. Então, ele pode estar doente e ferido, quando estão assim eles se aproximam e eles podem encalhar” ressalta a professora. 

O tubarão-lixa, ou Ginglymostoma Cirratum, faz parte da fauna de peixes do litoral piauiense. Ele é característico pela cabeça larga, achatada e boca, também possuem olhos e dentes pequenos. E chegam a no máximo 3,08 metros, sendo as fêmeas, as maiores. 

“Nesse caso não dá para precisar qual o problema. Mas normalmente o animal pode encalhar morto ou doente. Com a continuidade do vídeo é possível ver que as pessoas conseguiram voltar ele pra água e ele submergiu. Nesse processo, ele pode ter sido predado por outro peixe, ou ele pode ter morrido e voltar a encalhar em outra praia” descreve Edna Cunha. 

É importante ressaltar que o manejo de um animal desses pode representar um risco para as pessoas ao redor. No vídeo, é possível ver que muitos populares chutam o tubarão por medo de tocar o animal e depois pegam pela cauda e conseguem devolver a água. 

Segundo afirmou Cezar Fernandes, professor de engenharia de pesca da UFDPAR, em entrevista à TV Cidade Verde, o correto é fazer o manejo pela cauda para evitar que o tubarão consiga morder e ferir alguém.

Homem se esconde dentro de caixa d’água para não ser preso

Foto: Divulgação PMPI

Um homem de 39 anos, identificado como Francisco de Assis Pereira Silva, conhecido como Tchesco, foi preso no fim da manhã desta segunda-feira (27), escondido em uma caixa d’água no povoado Mexeriqueira, zona rural de Luís Correia, a 360 km de Teresina. 

A Justiça havia expedido mandado de prisão por roubo e os policiais militares e equipes da inteligência buscavam cumpri-lo. 

“Tchesco foi encontrado em um local onde havia uma construção de residências. Que ao perceber a nossa chegada Tchesco se escondeu na parte de cima da construção, que após procurarmos encontramos Tchesco dentro de uma caixa d'água, onde informamos que havia um mandado em seu desfavor”, relata os policiais sobre a prisão. 

Francisco foi levado para a Central de Flagrantes em Parnaíba, para ficar à disposição da justiça. 

 

Da Redação

Porto Piauí: nova etapa da urbanização deve ser entregue nos próximos meses

Foto: Ascom/Divulgação

Os serviços de urbanização do Porto Piauí, em Luís Correia, seguem a todo vapor. Com investimento de cerca de R$ 13 milhões, a obra tem extensão de cinco hectares e é realizada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria das Cidades (Secid). A previsão de conclusão da segunda etapa é entre junho e julho deste ano.

A urbanização contempla a construção do pátio do porto, que estará apto a receber mercadorias de vários tamanhos, além de cargas especiais, da indústria, escavadeira e equipamentos mecânicos em geral. A área também abrange um estacionamento que facilitará o acesso ao local.

Localizada na praia do Quebra-Mar, lateral da avenida Teresina, a pavimentação da área do pátio e estacionamento são feitas em bloquetes intertravados de concreto. Esse tipo de pavimento oferece um aspecto decorativo e tem grande durabilidade, permitindo também um melhor escoamento de água por contar com fissuras entre as peças.

O Porto Piauí vai ajudar a desenvolver a economia do estado, permitindo exportar e importar mercadorias pelo próprio território, gerando impostos e renda que beneficiarão a economia local.

“Essa obra, por completo, é um sonho dos piauienses que está saindo do papel e se concretizando. É um compromisso honrado pela gestão e resultado de muito trabalho”, diz Vilani Silva, secretária das Cidades.

 

Da Redação

 

Suspeito de matar homem a facadas por ciúmes é preso em Luís Correia

Foto: PC-PI

Por Bárbara Rodrigues

Um homem foi preso suspeito pelo assassinato de Francisco de Assis, de 51 anos, em abril deste ano no município de Luís Correia, a 350 km de Teresina. A vítima teria sido morta por ciúmes, porque o preso suspeitava que ele se relacionava com uma ex-companheira.

A prisão ocorreu na segunda-feira (20). O crime ocorreu no dia 3 de abril, quando Francisco de Assis desapareceu por volta das 17h, e seu corpo foi encontrado somente quase cinco dias depois, em 8 de abril, nas proximidades de um clube no bairro Barro Preto.

“Conforme o laudo cadavérico, o corpo da vítima foi encontrado com 30 perfurações semelhantes a ferimentos causados por ação pérfuro cortante (instrumentos com lâminas, tipo facas, estiletes, facões) no indivíduo ainda vivo, tendo a vítima sangrado até a morte, o que demonstra o grau de crueldade do autor do homicídio”, informou a Polícia Civil.

O nome do suspeito pelo assassinato não foi divulgado, mas segundo a polícia foi um crime passional.

“O homicídio teria sido praticado por motivação passional, visto que o investigado estaria desconfiando de uma possível relação da sua ex-companheira com a vítima”, explicou a polícia.

A investigação foi realizada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa, Repressão e Combate ao Tráfico de Drogas de Luís Correia.

 

Vídeo: pescador "fisga" corpo de homem durante pescaria no mar em Luís Correia

Foto: PM-PI

Por Bárbara Rodrigues

Um pescador acabou “fisgando” um corpo durante uma pescaria que era realizada no domingo (19) no Porto do Albatroz, no município de Luís Correia, a 350 km de Teresina.

Em vídeo divulgado nas redes sociais, um pescador revelou que acabou encontrando um corpo durante uma pescaria.

“Hoje não é meu dia de sorte em Luís Correia não viu. Eu estava pescando aqui e de repente peguei foi um cadáver. O cara estava fisgado na minha linha”, disse o pescador não identificado, que informou que acionou a polícia e que não iria mais pescar.

No local, a Polícia Militar informou que a vítima foi identificada como Fernando Alves de Araújo, de 42 anos, morador do Bairro Beira Mar.

“A princípio não foram encontradas perfurações de projéteis ou objetos pontiagudos, apenas um sangramento possivelmente proveniente do impacto com pedras ou outros obstáculos causados pela força da correnteza. Maiores detalhes e novos fatos poderão ser constatados após perícia aprofundada pela polícia científica”, informou a Polícia Militar.

Somente após laudo cadavérico será possível atestar a causa da morte. A Polícia Civil acompanha o caso.

 

 

 

 

Bairros da cidade de Luís Correia recebem asfaltamento

Foto: Ccom

A Secretaria Estadual da Infraestrutura (Seinfra) deu início essa semana aos trabalhos de pavimentação asfáltica no município de Luís Correia, no litoral do Piauí. As obras acontecerão em três bairros, Rancho Alegre, Campos e Alto Bonito, proporcionando melhorias para os moradores. 

Com investimento de mais de R$ 4 milhões, as obras fazem parte de um conjunto de ações de mobilidade desenvolvido pela Seinfra e com recursos do Governo do Estado. Até o final da obra, prevista para ser finalizada no início do próximo semestre, a Secretaria terá realizado a pavimentação numa área total de 49.702,30 m².

Segundo o secretário Flávio Júnior, que visitou o canteiro de obras, essa ação do Governo do Estado só tende a trazer bons frutos. “Eu fico muito feliz por estar vendo mais essa obra saindo do papel. Luis Correia é uma cidade turística e que constantemente vem recebendo atenção do Governo do Estado e a pavimentação aqui nesses bairros vai trazer inúmeros benefícios, desde a mobilidade, como também a acessibilidade de moradores e turistas”, pontua. 

Ainda de acordo com o secretário, essa obra soma-se às que já foram realizadas em Parnaíba, Cajueiro da Praia, Buriti dos Lopes, Caxingó e Cocal, que foram entregues recentemente e ainda que irão iniciar em Cocal dos Alves. “Novas obras chegarão aos demais municípios da Planície Litorânea ainda em 2024”, finaliza. 

Ascom

Homem é preso com armas, drogas e munições após abordagem em Luís Correia

Foto: PM-PI

Por Bárbara Rodrigues

A Polícia Militar apreendeu duas armas, munições e drogas durante uma abordagem realizada no bairro Beira Mar, no município de Luís Correia, a 349 km de Teresina.

Segundo a PM, uma equipe de moto patrulhamento estava realizando rondas ostensivas no bairro Beira Mar, na localidade Buraco, quando decidiram fazer uma abordagem a um casal na tarde de quinta-feira.

Durante a abordagem, os policiais acabaram descobrindo que o condutor da motocicleta estava portando uma arma do modelo macaquinha, cal .9mm, uma pistola 380mm, 19 trouxas de cocaína e munições. 

O homem acabou sendo então preso e encaminhado para a Central de Flagrantes de Parnaíba.

 

Dupla é presa suspeita de tentar matar adolescente de facção rival no litoral do Piauí

Foto: Polícia Civil 

 

Por Rebeca Lima

Dois homens, identificados apenas pelas iniciais D.G.X.A. e F.S.F., foram presos nesta segunda-feira (06) suspeitos de planejar e tentar matar a tiros um adolescente em Luís Correia, litoral do Piauí. De acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu no dia 13 de janeiro de 2024, e a vítima seria de uma facção criminosa rival à dos suspeitos.

Segundo o delegado João Filipe, da Delegacia de Combate às Facções Criminosas, Homicídios e Tráfico de Drogas (DFHT) de Luís Correia, a tentativa de homicídio aconteceu em uma região chamada “Boca do Lobo”, que seria reduto da facção à qual o adolescente pertenceria.

“Indivíduos em um veículo de cor vermelha atiraram contra a vítima na rua. A vítima foi atingida com um disparo na barriga. Após investigações, foi deferida representação por prisões temporárias e buscas em relação aos dois suspeitos. Os mandados foram cumpridos pela manhã”, disse o delegado.

Um dos suspeitos foi preso próximo à sua residência em Luís Correia. Já o segundo teve mandado cumprido no estado do Maranhão, onde já se encontrava preso por outro crime também no município piauiense. 

 

Cinco suspeitos de tentativas de homicídio em disputa de facções no litoral são presos durante operação

Foto: Polícia Civil 

Cinco suspeitos vinculados a crimes de homicídio e tentativas de homicídio foram presos durante a Operação Forasteiros, deflagrada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa, Repressão e Combate ao Tráfico (DFHT) da Delegacia Seccional de Luís Correia, nos dias 8 e 9 de abril.

Segundo o delegado titular da DFHT de Luís Correia, João Filipe Leite, a investigação envolve uma tripla tentativa de homicídio decorrente de uma disputa territorial entre uma facção cearense, da qual fazem parte os investigados, e uma facção de São Paulo.

Os presos foram identificados com as iniciais J.R.C.P., de 23 anos, D.G.X.A., de 25 anos, W.S., de 37 anos, J.G.S.P., de 19 anos, e G.P.V., de 27 anos.

Ainda de acordo com a polícia, o objetivo principal da operação foi cumprir mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão em endereços ligados aos investigados.

O delegado João Filipe Leite informou que dois suspeitos foram capturados em Luís Correia, um em São Luís (MA) e os outros dois já estavam detidos no sistema prisional piauiense por delitos anteriores cometidos na região.

A primeira prisão ocorreu na tarde de segunda-feira (08), quando J.R.C.P. foi detido em sua residência, localizada no Centro de Luís Correia. Durante a abordagem, ele tentou se desfazer de uma quantia em dinheiro e um celular, arremessando-os pela janela.

Já na manhã de terça-feira (09), foram cumpridos os mandados contra D.G.X.A., em São Luís (MA), e contra W.S. e J.G.S.P., ambos já custodiados na Penitenciária Mista de Parnaíba.

O quinto preso, o cearense G.P.V., foi capturado em Luís Correia, em cumprimento a um mandado de prisão preventiva da 1ª Vara Criminal de Quixadá (CE). A captura dele decorreu de uma ação integrada entre as Polícias Civis dos estados do Ceará e do Piauí. O homem estava em uma residência no bairro Triângulo, em Luís Correia, endereço associado a D.G.X.A., que também foi alvo de busca e apreensão.

“Os três suspeitos que estavam em liberdade foram levados para unidades policiais, onde os mandados judiciais foram integralmente cumpridos e, na sequência, transferidos para o sistema prisional, onde ficarão reclusos à disposição da justiça de Luís Correia”, informou o delegado João Filipe Leite.

A operação contou com o apoio da Polícia Civil do Ceará (Regional de Quixadá), com o suporte operacional do 24º Batalhão de Polícia Militar do Piauí, da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado no Piauí e no Maranhão (Ficco).

A DFHT de Luís Correia ressalta que denúncias anônimas podem ser realizadas no site da Polícia Civil ou pelo WhatsApp da DFHT (86) 98834-5853, ou ainda diretamente para a unidade policial por meio do link https://forms.gle/ioF7VbvsFRh2XXPA7.

 

Da Redação 

 

 

Posts anteriores