Cidadeverde.com
Economia

Sebrae divulgará vencedoras estaduais do Prêmio Mulher de Negócios

Imprimir

Na próxima quinta-feira, 20 de julho, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae no Piauí, divulgará as vencedoras estaduais do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios – Ciclo 2017. A solenidade terá início às 08h00, no auditório da instituição em Teresina.
 
“O Prêmio Sebrae Mulher de Negócios é um reconhecimento às empreendedoras que investiram no sonho de ter um negócio próprio e hoje são destaque em seus segmentos de atuação. Ao premiar as mulheres e dar visibilidade às suas histórias, o Sebrae contribui para que mais pessoas acreditem que é possível ir além e se destacar no universo empresarial”, afirma a analista do Sebrae no Piauí e gestora do prêmio no Estado, Luzinete Fontenele.
 
Durante o evento, acontecerá a palestra Mulher: Empreendedorismo e Empoderamento, sendo proferida pela economista e empresária Kelly Gonçalves, que é especialista em Finanças, mestre em Administração e Engenharia de Produção, além de professora e consultora empresarial.
 
O cordel Empreendedorismo Feminino também será recitado na ocasião pela bacharel em Letras, Islanya Verçosa. O poema popular, de autoria de Luzinete Fontenele, destaca as dez características empreendedoras, exaltando a garra e determinação das mulheres de negócios do Piauí.
 
Prêmio Mulher de Negócios
 
O Prêmio Sebrae Mulher de Negócios tem como objetivo identificar, selecionar e premiar os relatos de vida de mulheres empreendedoras de todo o país, as quais transformaram seus sonhos em realidade e cuja história de vida é exemplo para outras mulheres que desejam trilhar o caminho do sucesso empresarial.
 
A premiação é dividida em três categorias: Pequenos Negócios, Produtor Rural e Microempreendedor Individual.
 
Na categoria Pequenos Negócios concorrem proprietárias de microempresas e empresas de pequeno porte. Na de Produtor Rural  competem mulheres que explorem atividades agrícolas, pecuárias e/ou pesqueiras, permitindo uma primeira transformação, mas que sejam mantidas as características do produto in natura, como a produção de geleias, doces em compotas, produtos em conserva, goma de tapioca, leite e café.
 
Em Microempreendedor Individual estão as mulheres que trabalham por conta própria, que têm seu empreendimento legalizado, com faturamento máximo de até R$ 60 mil por ano, e não participam de outra empresa como sócias ou titulares.
 
Etapas do prêmio
 
Para efetivar inscrição no prêmio, a mulher de negócios deve enviar um relato escrito sobre a sua trajetória de sucesso, uma autoavaliação sobre o negócio e o questionário das características do comportamento empreendedor.
 
Todo o material é avaliado levando em consideração os seguintes aspectos: superação da mulher; visão de futuro; ideias inovadoras e adaptação às novas tendências; atuação democrática, transparente, inspiradora e motivadora; participação ativa nos negócios, perseverança e superação dos desafios; ambiente participativo e agradável para quem trabalha no seu negócio; estabelecimento de relacionamentos duradouros com os clientes; preocupação com a preservação do meio ambiente e da cultura da sua região; estabelecimento de parcerias para o desenvolvimento das atividades; lições aprendidas; crescimento dos resultados obtidos; e contribuição para o desenvolvimento de outras empreendedoras.
 
Após a avaliação do material, as empreendedoras que alcançam as maiores pontuações recebem a visita de um verificador, que valida as informações apresentadas no relato.

Todo esse processo é desenvolvido tendo com base o Modelo de Excelência em Gestão, MEG, da Fundação Nacional da Qualidade, FNQ, sendo uma forma de garantir a integridade e confiabilidade do julgamento.
 
Na fase estadual serão reconhecidas as histórias de até 81 mulheres de todo o país, as quais receberão troféu, certificado de premiação, direito ao uso do selo do prêmio, além de um curso da matriz de soluções educacionais do Sebrae ou 16 horas técnicas de consultoria em gestão.
 
As vencedoras de cada Estado seguem para a fase nacional, quando serão selecionados os melhores relatos, sem considerar Estado ou região. Serão premiadas três mulheres nas categorias: ouro, prata e bronze. As ganhadoras receberão viagem de capacitação em território nacional.
 
O Prêmio Sebrae Mulher de Negócios conta com a parceria da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, SPM; Federação das Associações de Mulheres de Negócios e Profissionais do Brasil, BPW; e Fundação Nacional da Qualidade, FNQ. 


Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Imprimir