Cidadeverde.com

Presos fogem da Central de Flagrantes de Parnaíba; 2ª fuga em uma semana



A fuga de presos mais uma vez foi registra na Central de Flagrantes de Parnaíba, a 338 km de Teresina. Após seis dias da primeira fuga somente em abril deste ano, cinco presos chegaram a fugir da local na madrugada de ontem (16). Desses, dois foram recapturados e três permanecem foragidos.  Eles serraram as grandes das celas em que estavam alojados. 

Os foragidos foram identificados como Antônio Welisson Aguiar, Antônio Helio Rodrigues e Marcos França Oliveira. Os recapturados foram Francisco Lima dos Santos, conhecido como "Chiquinho do Sofá", e Manoel de Jesus Medeiros. Essa é a terceira vez que Francisco Lima tenta fugir da Central. 

Em entrevista ao Jornal do Piauí, nesta segunda (17), o delegado de Parnaíba, Eduardo Ferreira, disse que a superlotação no local devido a presença de presos, que deveriam estar em uma penitenciária,  facilita a fuga. 

"É normal, natural que o preso queira fugir. o local onde eles estavam não é adequado, aqui na Central de Flagrantes; eles deveriam já estar na penitenciária, mas infelizmente aconteceu e nós estamos tomando todas as previdências para recapturar todos os presos", disse o delegado. 

Eduardo também ressaltou que um  público diversificado é atendido diariamente pela  Central de Flagrantes.

"Nós atendemos um público diferenciado. nós temos que atender a Polícia Militar, as testemunhas, os acusados, os advogados, a família do preso. então, é quase impossível dentro de uma Central de Flagrantes - com esse atendimento a todos - ainda assim evitar as fugas", acrescentou o delegado.

Atualmente, a Central de Flagrante disponibiliza 17 vagas para detentos, mas abriga 30 presos. A superlotação já chegou a atingir 75 detentos. 


Central de Flagrante de Parnaíba (Foto: Jornal de Panaíba)

Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com