Cidadeverde.com
Política

Ministro Queiroga promete equipamento para 1ª ala do câncer no HU e faz cirurgia no Piauí

Imprimir

 

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, garantiu nesta sexta-feira (8) em Teresina que vai liberar equipamento para a criação da 1ª ala voltada para o diagnóstico e tratamento do câncer no Hospital Universitário (HU). O anúncio foi bastante comemorado na solenidade que contou com a presença de várias autoridades do estado.

Queiroga respondeu o apelo feito pelo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, que pediu para falar antes de Queiroga, justamente para fazer o pedido em público. Ciro lembrou que o Piauí não tem um hospital público para o tratamento do câncer e que o Hospital São Marcos tem uma demanda acima da capacidade. 

“Quero cumprir minha palavra, eu prometi um centro oncológico e o apelo que eu faço e a bancada do Piauí ao ministro é concretizar esse sonho de criar uma ala voltada para o câncer no HU”, disse Ciro Nogueira.

“Podem marcar daqui há um ano, o acelerador linear estará instalado no Hospital Universitário”, disse o ministro Queiroga ao discursar no HU. 

O acelerador linear é de alta tecnologia que servirá para a emissão de radiação em tratamentos para combater o desenvolvimento do câncer.

Foto: Roberta Aline

Vacinação

Queiroga garantiu que no final do ano toda a população adulta estará vacinada. “Eu posso assegurar a todos os senhores que nós até o final do ano teremos nossa população inteiramente vacinada”, afirmou o ministro informando que já distribuiu mais de 301 milhões de vacinas no País. “Isso já assegurou mais de 90% de brasileiros acima de 18 anos vacinados com a primeira dose”.

O diretor do HU, médico Paulo Márcio relembrou o histórico de luta do hospital e homenageou ex-reitores e professores da Ufpi com a medalha e diploma de Honra ao Mérito Prof. Dr. Benedito Borges da Silva. 

Paulo Márcio avaliou que, mesmo com a pandemia, o Hospital desempenhou um papel fundamental para o crescimento do estado, abraçando desafios de Saúde não só do Piauí. “Mesmo com todas as dificuldades que tivemos nesse período pandêmico, o HU pode contribuir ativamente em diversas atividades. A exemplo disso foi o papel fundamental em que o nosso hospital desempenhou em relação a crise nos hospitais de Manaus-AM. Recebemos diversos pacientes que vieram de lá, e demos uma grande contribuição com o tratamento desses enfermos. Foi uma grande contribuição do HU, não só para o nosso estado, mas para todo o Brasil”, disse.

No Piauí, Queiroga visitou a nova maternidade que está em construção na zona Leste de Teresina e entregou equipamentos ao HU avaliados em R$ 6 milhões. Após a solenidade, o ministro participou de uma cirurgia que foi feito em um paciente com problemas cardíacos. 

 

 

 

Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir