Cidadeverde.com
Geral

Marinalva Santana é finalista do prêmio Cláudia e revista vem ao PI

Imprimir
A piauiense Marinalva Santana, presidente do Grupo Matizes, é uma das 15 finalistas do Prêmio Cláudia 2012. A revista mensal homenageia mulheres em diversos segmentos por sua atuação. Nesta sexta-feira (22), uma equipe do periódico chega a Teresina para conhecer a rotina da líder na luta pelos direitos de lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros. 


Marinalva foi uma das três indicadas na categoria Trabalho Social. O resultado será divulgado no dia 8 de outubro, em São Paulo, após votação popular pela internet, que só começa em agosto. Votam também diretores da revista e uma comissão de personalidades. 

“Obviamente, a escolha do meu nome para finalista se deu em virtude de minha atuação no Grupo Matizes. Aqui, trabalhamos incansavelmente pela igualdade de direitos entre as pessoas, independente de sexo, cor, idade, classe social. São indicações como esta que nos fazem acreditar que estamos no caminho certo”, diz Marinalva Santana, que fará uma série de visitas nesta sexta-feira para mostrar seu trabalho.

O prêmio é realizado desde 1996 também nas categorias Ciências, Políticas Públicas, Cultura e Negócios.

No ano passado, a empresária Cláudia Claudino foi uma das finalistas. Em 2008, a teresinense Aldina Barral conquistou o prêmio por suas pesquisas para agilizar o diagnóstico da leishmaniose, realizadas na Bahia. 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com
Imprimir