Cidadeverde.com
Viver Bem

Dry Needling: Modismo ou terapia de verdade?

Imprimir

Pergunta-se para a pessoa onde ela sente a dor e ali se insere uma agulha da finura de um cabelo. Em geral a pessoa não sente quase nada, às vezes um pequeno choque e raramente um leve desconforto ou uma "dorzinha". Após 20 minutos retira-se a finíssima agulha e a pessoa já tem um grande alivio da dor e da sua incapacidade. Essa rotina vem sendo repetida por vários fisioterapeutas para aliviar seus pacientes com problemas de dores crônicas e agudas. Chama-se Dry-Needling. Muitos atletas e jogadores de futebol já usaram-na com sucesso, como Neymar, Ronaldinho Gaúcho e outros.

Segundo o Dr. Márcio De Luna, especialista em Acupuntura há 32 anos, fisioterapeuta e professor-coordenador do Programa de Pós-graduação em Acupuntura do Instituto Brasileiro de Medicina Tradicional Chinesa (IBMTC), situado no Rio de Janeiro, e instrutor do método que vem sendo muito utilizado nas clinicas de fisioterapia, o agulhamento seco (ou dry needling) é uma forma rudimentar de acupuntura, que vem ganhando muita aceitação por parte dos Fisioterapeutas, porque estamos próximos das Olimpíadas e é um método terapêutico extremamente simples, rápido, de fácil aprendizado e manejo, e bastante eficaz para lesões dolorosas e inflamatórias musculoesqueléticas, neurológicas e articulares, muito frequentes em atletas olímpicos e de alto rendimento.


"Poder-se-ia dizer até que é uma acupuntura primitiva que está na moda, pois para aprende-la o Fisioterapeuta não precisa cursar uma Pós-graduação em Acupuntura em nível de Especialização que dura, em média, 2 anos e meio com 1200 horas de carga horária e com apresentação de monografia ao final do curso. Na realidade esse método de agulhamento é uma estimulação percutanea miofascioneural reflexa que não exige do profissional que a executa, o domínio da complexa ciência da acupuntura e dos seus 365 pontos básicos específicos. Quem a utiliza geralmente o faz como 'mais um recurso' fisioterapêutico para aliviar dores, sem entender que acupuntura é uma terapia muito mais complexa cuja prática em níveis excelentes exige do especialista uma dedicação quase que exclusiva a ela. Mas que o dry needling funciona...ah, isso ele funciona sim", esclarece Luna.

Para o Especialista carioca em acupuntura, cuja tese de mestrado foi sobre acupuntura na melhora da performance em atletas de corrida de alto rendimento, o método é legítimo e eficiente mas, limitado em seus resultados, e se for aplicado por quem não foi treinado nele pode até agravar a lesão e a dor.

 

Fonte: Terra Notícias

Imprimir