Cadastramento do Minha Casa Minha Vida começa amanhã em Picos

O cadastramento do Programa Minha Casa Minha Vida terá início nesta quarta-feira (22), na Casa da Juventude, situado na Avenida Nossa Senhora de Fátima, próximo a Associação Comercial de Picos. A informação é do prefeito Kleber Eulálio (PMDB). 


Em entrevista coletiva a imprensa na manhã desta terça-feira (21), no Palácio Coelho Rodrigues, sede do poder executivo, o gestor municipal apresentou o edital com todas as informações sobre como transcorrerá o processo, bem como os critérios a serem obedecidos e que se constituem como baliza para a aprovação das pessoas.

Segundo Kleber Eulálio, 16 pessoas estarão envolvidas no processo de inscrição, onde a expectativa por parte da gestão municipal é que sejam realizadas até 400 inscrições diariamente, dentro de um prazo de 13 dias úteis, podendo atingir até 5 mil inscritos.
Quando questionado sobre o uso destas moradias por pessoas que não se enquadram nos critérios, ou que utilizam as residências para fins comerciais, o prefeito ressaltou que todo o processo foi aprovado e está sendo fiscalizado pelo Conselho Municipal de Habitação, como também por órgãos estaduais e federais, para que situações como estas não se repitam.
Entre os critérios nacionais, mas que também respondem a realidade local estão: mulher chefe de família; pessoas que moram em área de risco; que possuam uma renda familiar de até R$ 1.600; não ser proprietários de imóveis e residir no município comprovadamente há pelo menos três anos.
Após a realização dos cadastros, estes passam por uma triagem feita pelo Conselho Municipal de Habitação que verifica os critérios locais, e posteriormente são encaminhados ao Ministério das Cidades, onde passam por uma nova seleção. O sorteio das pessoas selecionadas ocorrerá no dia 01 de dezembro e está sendo previsto para ser realizado no Estádio Municipal Helvídio Nunes de Barros para que seja aberto ao público.
“Nós temos um empresa de processamento de dados da Prefeitura de Teresina – PRODATER que presta assessoria aos funcionários responsáveis pelos cadastros, e que acompanha o processo demonstrando a lisura do que está sendo feito. Sempre que necessário vamos convidar o Ministério Público Estadual e Federal para participar junto conosco deste processo” enfatizou o prefeito.
Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Comarca de Picos julga 4588 processos em menos de um mês

Relatório de esforço concentrado realizado na comarca de Picos, entre os dias 25 e 29 de agosto e 1º e 19 de setembro, aponta o arquivamento de 4.588 processos já julgados nas 1ª e 3ª Varas. O trabalho contou com o apoio da Corregedoria Geral de Justiça do Estado do Piauí (CGJ-PI), responsável pela cessão de servidores à comarca nesse período, e teve como objetivo a organização das Secretarias das Varas.

De acordo com José Maria do Bonfim Júnior, coordenador da Central de Apoio às Secretarias (Ceas), na 1ª Vara de Picos foram executadas atividades como consulta e identificação de processos no sistema informatizado Themis Web, triagem e correção de acervo. Ao todo, foram arquivados definitivamente 1.679 processos julgados.

Já na 3ª Vara de Picos, foram realizados inicialmente trabalhos de organização, triagem e cumprimento de despachos, e, em seguida, baixa e arquivamento definitivo de 694 processos físicos. "Após triagem e movimentação no sistema, e organização da Secretaria, com o desenvolvimento de novos escaninhos, todo o acervo eletrônico foi movimentado no Themis, somando 2.215 processos passíveis de arquivamento baixados por correção de acervo", relata José Maria do Bonfim Júnior. Após o esforço concentrado, o total de processos arquivados definitivamente na 3ª Vara de Picos foi de 2.909 ações.

"Observamos uma grande produtividade dos juízes que não era refletida no sistema informatizado. Em muitos casos, havia ações acessórias que precisavam ser extintas. Por exemplo, se o juiz julga uma ação penal, é preciso dar baixa no auto de prisão em flagrante, no pedido de fiança e no inquérito policial. Com a correção do acervo e o arquivamento desses mais de quatro mil processos, creio que teremos resultados melhores já no próximo Justiça em Números (principal fonte estatística do Conselho Nacional de Justiça)", relata o desembargador Sebastião Ribeiro Martins, corregedor geral de Justiça.

"O foco da nossa gestão é o apoio ao juízes - obviamente, sem deixar de lado nossa função fiscalizadora e correicional. E o auxílio à desoneração das Secretarias é fundamental para que possa ser oferecida uma prestação jurisdicional mais célere", complementa o corregedor.

Planejamento

A CGJ-PI tem trabalhado em parceria com os magistrados visando à desoneração das Secretarias das comarcas, especialmente do interior. Com base em planejamento confeccionado pelos juízes, a Corregedoria envia servidores às comarcas a fim de que sejam executadas atividades como: triagem, baixa e arquivamento de processos, certificação de prazos e expedição de mandados, verificação de cumprimento de medidas aplicadas, verificação de limite de idade, falta ou descumprimento de ato processual.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Picos: Mulher é presa por tirar foto de urna no momento da votação

Uma mulher, cujo nome não foi informado, foi presa numa seção de votação localizada na Escola Municipal Padre Madeira, no centro da cidade de Picos. Ela teria tirado uma foto da urna eletrônica no momento da votação.

A eleitora teria entrado com uma bolsa e a máquina fotográfica escondida, despistando os fiscais. A presidente da seção escutou o clique solicitou que a mulher retornasse deixasse sua bolsa à mostra. A máquina foi verificada e foi comprovada a imagem da tela da urna com o deputado estadual. O fato ocorreu por volta das 11h. 

Policiais federais e o juiz eleitoral foram ao local e a eleitora foi conduzida para interrogatório na sede da Justiça Eleitoral, localizada no bairro DNER. 

 

Carlos Lustosa Filho
redacao@cidadeverde.com 

Homem morre carbonizado dentro do carro após colidir em caminhão

O motorista identificado pelos Bombeiros como Ludigero Gonçalves Guimarães, de 29 anos, morreu carbonizado na madrugada deste sábado (04) em um acidente na BR 407, na saída de Picos. De acordo com a capitã Ana Cleia, comandante do Corpo de Bombeiros no município, o veículo de modelo Gol, colidiu na traseira de um caminhão de pequeno porte por volta das 4h30min.

Fotos: Portal Grande Picos

Segundo informações colhidas pelo Cidadeverde.com, familiares da vítima estiveram no local e informaram que Ludigero retornava de uma festa. O motorista do caminhão, que transportava lenha, informou ainda que o motorista trafegava em zig zag pela rodovia. A Polícia Rodoviária Federal esteve no local para a perícia.

"Ele bateu na traseira do caminhão e foi arrastado pelo veículo, o atrito produziu faíscas na rodovia e o carro pegou fogo imediatamente. O motorista não conseguiu sair do veículo e acabou completamente carbonizado", descreveu a capitã.


De acordo com o cabo Lucas Brito, que também atendeu a ocorrência, foram utilizados 10 mil litros de água para conter as chamas e os restos mortais foram removidos com auxílio do equipamento de desencarceramento. "O fogo estava muito alto e isso dificultou o trabalho", acrescentou o bombeiro.

          Foto: Riachaonet

         Foto: Grande Picos





Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Efetivo com 213 policiais reforça policiamento para eleições em Picos

A Polícia Militar do Piauí montou o esquema de policiamento para o próximo domingo, 05, período das eleições. Para todo o Piauí foram disponibilizados 2.356 policiais, deste número, 213 policiais farão a segurança nos locais de votação da região de Picos, que inclui um total de 15 cidades.


Segundo informações do comandante do 4º BPM de Picos, tenente coronel Wagner Torres, o plano de policiamento para as eleições de 2014 foi estruturado há mais de um mês, e encaminhado ao Comando Geral da PM que determinou a aprovação do plano.

“Os 213 homens que farão a segurança são 81 policiais vindos de Teresina, e 132 homens do 4º BPM de Picos. Em cada zona eleitoral distribuídas nas 15 cidades da região haverá um policial militar”, garantiu Wagner Torres.

O comandante ainda informou que haverá reforços do Exército, cerca de 446 homens darão apoio em seis cidades do interior, são elas: Picos, Geminiano, Dom Expedito Lopes, Francisco Santos, Monsenhor Hipólito e Santo Antônio de Lisboa.

Os policiais militares convocados se deslocarão para as cidades do interior, na quinta-feira (2), para se unir ao contingente dos municípios e, assim, desenvolverem a execução das operações no domingo (5).

Com informações de Riachaonet
cidades@cidadeverde.com

Mulher sofre acidente e moradores tentam saquear acessórios do carro

Um veículo tombou na rotatória do bairro Bomba, na noite deste domingo (27), no município de Picos, a 306 km de Teresina. De acordo com testemunhas, o condutor seria uma mulher que seguia em alta velocidade e abandonou o carro após o acidente.



"Ela transitava no sentido bairro Junco- Centro e dirigia em alta velocidade. Ao fazer o retorno no balão, perdeu o controle e tombou", relataram testemunhas. 

De acordo com moradores, a condutora teria saído ilesa do acidente e foi socorrida por um motorista que vinha atrás de seu veículo. 


O acidente causou transtorno aos motoristas que trafegavam pela região e alguns moradores ainda teriam tentado saquear acessórios do carro. A situação foi controlada pela Polícia Militar. 


Com informações Grandepicos
cidades@cidadeverde.com

Alunos de Direito da Uespi podem ficar sem diploma e curso pode não abrir novas vagas

O curso de Direito da Universidade Estadual do Piauí no Campus de Picos corre o risco de não abrir novas vagas para o vestibular em 2015 e os mais de 200 alunos que fazem o curso na instituição atualmente podem ficar sem seu diploma. Segundo o coordenador do curso, o promotor de Justiça Marcelo Monteiro, o diploma dos estudantes pode não ser expedido caso o curso não seja aprovado pelo Conselho Estadual de Educação.

Campus da Uespi em Picos

Desde 2010 o curso de Direito da Uespi de Picos está denegado pelo Conselho e somente uma aprovação poderia garantir a abertura de vagas.

"Em 2010 a Universidade não forneceu os documentos que precisava para ter a aprovação e o curso acabou sendo denegado. A Uespi não tomou nenhuma providência efetiva sobre isso. Para que o curso fosse aprovado, seria necessário um recurso com a apresentação de um plano de melhorias, que não foi feito. E só agora em 2014 quando fui informado dessa situação, eu mesmo elaborei um plano de melhorias para o curso e uma explicação de que as inconsistências encontradas em 2010 não existem mais. A grande questão é que o plano foi elaborado e entregue mês passado e eu soube que só foi levado ao Conselho ontem, essa demora da atual gestão pode prejudicar a aprovação do curso completamente. Até lá não vai ser expedido diploma de ninguém", declarou o promotor.

O coordenador acrescenta que o prazo para a instituição comunicar as vagas disponíveis para MEC é até novembro, e segundo ele é provável que não haja tempo hábil para a apreciação do plano. Com isso, 70 novas vagas deixariam de ser ofertadas pelo curso na instituição, que atualmente é a única que oferece ensino de Direito gratuito em toda a região do semiárido, além disso, o curso recebeu nota máxima do Enade, estando entre os 4% cursos de Direito mais bem avaliados do país.

Marcelo Monteiro, coordenador do curso de Direito da Uespi em Picos

"O Conselho Estadual irá apreciar um relator para analisar o plano e isso requer tempo. Eu por exemplo me encontrei com o pai de uma aluna que falou que a filha está estudando muito para ser minha aluna e eu respondi que não adiantava porque se as coisas continuarem assim ela não será minha aluna", lamentou o promotor.

Marcelo Monteiro acrescenta ainda que quer uma visita do Conselho Estadual em Picos. "Quero que venham a Picos para ver o curso in loco para que apreciem o plano de melhorias e liberem a oferta de novas vagas", completou.

Diretoria responde

Procurado pelo Cidadeverde.com, o diretor do campus da Uespi de Picos, Evandro Alberto de Sousa, admitiu a possibilidade de não haverem novas vagas, mas segundo ele é prematuro concluir que não haverão pois o plano de melhorias já foi enviado para análise. Segundo ele, não houve demora na entrega do plano.

"O plano foi entregue a nós há cerca de 15 dias, por isso entregamos agora. Não houve demora. A preocupação do promotor é pertinente pois há realmente a possibilidade de não aprovação, mas ainda é prematuro afirmar isso. Entre as melhorias necessárias para esta aprovação, por exemplo, está a contratação de professores efetivos, é importante ressaltar isso já que este ano não foi possível que isso acontecesse, não sabemos se pela Lei de Responsabilidade Fiscal, ou pela vedação eleitoral", explicou o diretor

Atualmente o curso possui apenas três professores efetivos e 13 em regime provisório. "Dois efetivos são mestres e um dos provisórios também, o restante são doze especialistas, então estamos precisando realmente de mais professores efetivados", pontuou o coordenador Marcelo Monteiro.

O Cidadeverde.com tentou contato por telefone com o reitor da Uespi, Nouga Cardoso, para esclarecimentos em relação a possibilidade da não expedição do diploma, mas até o momento não obteve retorno.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Casal é preso com meio quilo de diversas drogas em Bocaina

A Polícia Civil de Picos prendeu nesta terça-feira, 23, o casal Pedro Delfino Pereira, de 54 anos e Ana Maria Rodrigues Farias, de 33 anos, residente em Bocaina, acusados de tráfico de drogas. Segundo o delegado regional, Carlos Eduardo Aquino, há mais de um mês os mesmos estavam sendo monitorados e com a dupla foi encontrado quase meio quilo de diversas drogas, como crack, cocaína e maconha.


Denúncias feitas por moradores da cidade, mais precisamente do bairro Vila Crioulo, informaram a polícia sobre a venda de drogas pelo casal. O casal não ofereceu resistência no momento da prisão e em depoimento à polícia, Pedro confirmou que a droga era sua e que pelas dificuldades financeiras, passou a vender drogas. Segundo Carlos Eduardo, a prática não é recente.


Foram apreendidos com o casal nove pedras grandes de crack, dois tijolos grandes de maconha, quatro trouxas de cocaína, 20 pedras pequenas de crack prontas para a venda, celulares, relógios, além de balança de precisão, sacos para embalagem da droga, R$ 3.018,60 e uma espingarda do tipo bate-bucha.



Com informações de Folha Atual
cidades@cidadeverde.com

UPA do bairro Catavento terá capacidade para atender 150 pacientes diariamente

Com capacidade para atender de 50 a 150 pacientes, diariamente, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas, já em construção  no bairro Catavento, contará com estrutura simplificada na resolução de urgências e emergências ocorridas no município de Picos.


A obra, executada pela empresa  SE ENGENHARIA LTDA é um investimento  da  ordem de 1.375.988,20 (Um milhão, trezentos e setenta e cinco mil, novecentos e noventa e oito reais e vinte centavos) através do Governo Federal via Ministério da Saúde.  

De acordo com o tecnólogo Nagai Alves de Sousa Filho, após a fase de nivelamento  da área em construção e organização do canteiro para obter a infraestrutura necessária, engenheiros e técnicos já se desdobram para  finalizar a parte de supra estrutura, ou seja, levantar e cobrir o prédio  antes do início do período chuvoso. 

A UPA do Catavento contará com recepção para 45 pessoas,  consultórios  médicos, sala para raio-x, coleta de sangue, inalação, curativos e suturas.

Para a dona de casa  Maria Rosângela Sousa, residente no Morro da AABB, a UPA chega em boa hora. “Vai ficar mais perto pra gerente. Vai melhorar bastante”, disse.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Mulher é jogada de laje com quatro metros de altura durante festa

ma mulher foi jogada de uma laje de quatro metros de altura durante uma festa no município Picos, a 306 km de Teresina. De acordo com o capitão Jairo da Polícia Militar do município o fato ocorreu após uma briga entre duas mulheres que estavam na festa que aconteceu no bairro Paroquial, na noite do último sábado (20) .

Bairro Paroquial em Picos

"Havia um homem e duas mulheres, as duas se desentenderam e uma empurrou a outra da laje", explicou o policial.

A mulher empurrada quebrou as duas pernas e foi atendida no Hospital Justino Luz. A acusada do empurrão foi detida e levada para a delegacia de Picos onde foi autuada em flagrante.

A Polícia não informou o motivo da briga, mas de acordo com informações do site da região, Riachãonet, a motivação seria ciúmes.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Posts anteriores