Cidadeverde.com

Professora morre após complicações de Covid-19 e Chikungunya

 
A professora Edilene Silva Santos morreu nesta segunda-feira (18) após complicações causadas pela chikungunya e Covid-19. A informação foi confirmada ao Cidadeverde.com pela Prefeitura Municipal de Altos, onde a professora lecionava.

Através das redes sociais, o prefeito Maxwell da Mariinha manifestou pesar pela morte da docente e frisou que o falecimento de Edilene entristece ainda mais a população por se tratar de alguém muito jovem. 

Edilene trabalhou na Unidade Escolar José Tibúrcio, em Altos, e era professora efetiva do município. A mulher faleceu ontem depois de vários dias de internação.  

"Acometida primeiramente de chikungunya e internada contraiu Covid-18  vindo a falecer”, escreveu o prefeito Maxwell da Mariinha em sua rede social. 

A professora morava em Timon (Maranhão), mas foi internada em Teresina. A direção da escola em que ela trabalhava soube da morte pela própria família dela. 

“Perde a escola, perde os alunos e todos nós altoenses pela ausência de alguém que tinha o dom de transmitir o que sabia e assim contribuir para uma sociedade bem melhor para todos”, lamentou o prefeito. 

 


 
Nataniel Lima
[email protected]e.com