Cidadeverde.com

Campo Maior: Governo Municipal completa 6 meses; combate à pandemia é prioridade

A gestão do prefeito Joãozinho Félix  (MDB) na condução do município de Campo Maior completou na semana passada 6 meses. O site da Prefeitura Municipal de Campo Maior mapeou algumas das principais ações e obras realizadas pelo Poder Executivo nestes 180 dias de governo.

A execução do Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19 e o combate à pandemia de coronavírus têm sido algumas das prioridades da atua gestão municipal. A campanha iniciou no dia 20 de janeiro, e 6 meses após, foi responsável pela imunização de 17.949 pessoas com a 1° dose, ou seja, 38,63 % da população. 5.588 receberam a 2° dose e 343 receberam a dose única. O percentual de pessoas totalmente imunizadas é 12,66%.

No total, 23.880 doses foram aplicadas no município de Campo Maior desde o início do Plano de Vacinação. A Secretaria Municipal de Saúde usa as vacinas CoronaVac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen, todos os imunizantes disponibilizados pelo Ministério da Saúde.

“A nossa avaliação é positiva. Campo Maior segue liderando o ranking da vacinação entre os municípios mais populosos do estado. Entre aqueles que possuem mais de 40 mil habitantes, somos o que mais aplicou a primeira dose, respeitando as orientações das autoridades, os públicos e as faixas-etárias”, destacou a secretária de Saúde, Dorilene Vidal.

Já receberam ao menos a primeira dose em Campo Maior profissionais da Saúde, das Forças de Segurança e Salvamento, pessoas com deficiência permanente, pacientes renais crônicos e portadores de comorbidades em geral, idosos a partir de 60 anos de idade, gestantes e puérperas, profissionais da Educação, agentes penitenciários, pessoas em privação de liberdade e o público em geral a partir dos 40 anos de idade.

Também já receberam vacinação pessoas que fazem parte de grupos classificados como prioritários por desenvolverem atividades essenciais como os trabalhadores de Lotéricas, dos Correios, do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), do SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto), do Comercial Carvalho, bancários, profissionais da limpeza pública e os profissionais da Comunicação. Dentre esses grupos, a vacinação foi estendida para quem tem a partir dos 18 anos de idade. A inclusão destes públicos foi aprovada pelo Conselho Municipal de Saúde de Campo Maior. Em breve, novos grupos serão convocados.

Da Redação
[email protected]