Cidadeverde.com

Floriano realiza mutirão para vacinação contra a covid-19

A secretária de Saúde de Floriano, Caroline reis, em reunião com a diretora de Imunização, Pollyane Pires e o assessor de gabinete, Gustavo Ferro, definiram que o município irá ampliar a campanha para a aplicação da terceira dose da vacina contra a Covid-19 (primeira dose de reforço). Floriano, até o dia 16 de abril, já havia aplicado 135 mil doses de vacina contra a covid-19. A cobertura vacinal do município com a primeira dose passa de 92%. Com a segunda dose esse número chega a 84%. Já com a terceira dose (primeiro de reforço), o município está com 50% de vacinação.

Segundo Caroline Reis, após a liberação pelo Comitê de Operações Emergenciais (COE) sobre o uso de máscaras em ambientes fechados para cidades em que 60% da população vacinada com a dose de reforço, o município de Floriano organiza um mutirão de vacinação para a próxima terça-feira, 19 de abril, na praça Dr. Sebastião Martins a partir das 8h até 12h. "Essa ação será especifica para as pessoas que ainda não tomaram a terceira dose contra a Covid-19. Sabemos que, por conta da queda nos números de casos confirmados e de mortes, muita gente pensa que não há mais necessidade de tomar a vacina, mas esse é um erro muito grave. A imunização só estará completa com o esquema vacinal completo", disse.

“O objetivo desse mutirão é vacinar o maior número de pessoas que já estão aptas a tomar a terceira dose da vacina contra a covid-19”, explicou Caroline Reis. Estão inclusos nesse grupo os florianenses que já completaram quatro meses da segunda vacina. 

Segundo o Comitê de Operações Emergenciais (COE), o uso de máscaras fica obrigatório apenas para idosos com mais de 60 anos, imunossuprimidos, doentes crônicos, em estabelecimentos de saúde e transportes coletivos, como ônibus, trem e avião. 

De acordo com o vacinômetro da Sesapi, 10 municípios do Piauí estão com 70% da população elegível com a dose de reforço; 40 municípios têm 60 a 69% da população com a dose de reforço e 84 cidades estão com 50 a 59,9% da população com esquema vacinal completo. 

“Nós estamos confiantes que muito em breve teremos a liberação total do uso de máscaras, mas antes disso devemos fazer nossa parte e buscar as unidades de saúde para agendar a vacina de reforço. Estamos com 50% da população vacinada com a terceira dose, então falta pouco para chegarmos aos 60%. Fica aqui meu chamamento à população que já tem quatro meses que tomou a segunda dose da vacina contra a covid-19”, conclama Caroline Reis.

É importante lembrar que a eficácia  da vacina se efetiva após 15 dias da aplicação da dose.

Da Redação