Cidadeverde.com

Prefeitura recupera mais 120 km de estradas em Barras

Na manhã desta quinta-feira (19), o prefeito Carlos Monte e o secretário de administração, José Luiz Fortes, estiveram na zona rural do município conferindo o andamento das obras de recuperação da malha viária na localidade Santa Rosa! Quase 30 km de estradas estão sendo feitos na região.

A patrulha mecanizada, composta de uma máquina motoniveladora e quatro caçambas, trabalha em ritmo intenso visando à conclusão da estrada até o final da próxima semana. Com essa obra, a prefeitura já ultrapassa 120 km de estradas recuperadas em todo o município.

Durante a visita, o Prefeito Carlos Monte concedeu uma entrevista e comentou que a obra é uma revindicação antiga e afirmou que o trabalho no local está sendo feito do zero, um recapeamento completo.

“Isso aqui sempre foi uma grande reivindicação de toda essa região, nós começamos esse trabalho lá na localidade Três Caminhos, fizemos a primeira etapa até a Tabocas e ontem nós concluímos, a segunda etapa, até a Santa Rosa. Hoje estamos iniciando essa nova etapa, que é daqui até a localidade Há Mais Tempo e, em seguida, até a localidade Surdo. É uma estrada longa, de quase 30 km, tivemos de aumentar o número de caçambas pra tentar agilizar o trabalho, pois entendemos que tem muita estrada precisando de construção e não reforma, não estamos só tampando os buracos, aqui está sendo feito o recapeamento completo de toda a estrada”, explicou.

O local não tem piçarra própria para a estrada e, para fazer estradas as caçambas estão indo buscar a 12 km de distancia. Para o prefeito a obra é satisfatória, pois beneficiará muitas localidades da região.

“Estou satisfeito com o serviço e acredito que essa semana nós terminaremos essa fase e, na próxima semana, nós devemos encerrar a obra até o Surdo. Muitas famílias serão beneficiadas, pois nessa estrada passam muitos ônibus de linha, escolar, motocicletas, carros pequenos, ela dar suporte a grande região das matas de Barras. Vai até o Riachão, Murici, muriçoca e, entre outras”, disse.

Fonte: Ascom