Cidadeverde.com

Oeiras investe no patrimônio histórico

Quem passa pelo Centro Histórico de Oeiras percebe a melhoria na iluminação de um dos principais cartões postais da cidade. A Prefeitura Municipal instalou luminárias de LED na Praça das Vitórias e Praça Costa Alvarenga, valorizando o patrimônio arquitetônico e levando mais beleza aos prédios históricos.

A nova iluminação possui melhor desempenho, maior durabilidade e é mais econômica que a antiga, que será realocada para o Passeio Leônidas Melo e Praça da Bandeira. Segundo o prefeito José Raimundo, a intenção é iluminar os locais que servem como ponto de encontro da população, possibilitando uma melhor utilização e conservação dos espaços públicos.

“Com isso, a população e os visitantes da cidade podem usufruir das praças com mais conforto, comodidade e segurança, podendo, inclusive, utiliza-las para a prática de atividades físicas, como a caminhada”, acrescenta o prefeito.

Outros espaços urbanos, como a Praça Maria de Cota, no Bairro Canela, e as praças Rocha Neto e Anchieta Filho, no Centro – também passaram por intervenções na iluminação pública, recebendo lâmpadas de LED.

Valorização e conservação do patrimônio histórico

O secretário municipal de Cultura e Turismo, Stefano Ferreira, destaca que a nova iluminação do Centro Histórico contribui para a valorização e conservação do patrimônio histórico da cidade. “Essa iluminação valoriza as fachadas e vai melhorar toda essa área que é importante para os turistas, que estarão em Oeiras durante a Semana Santa”, diz o secretário, lembrando que a Prefeitura Municipal é parceira da Igreja Católica na realização da Semana Santa de Oeiras, considerado o maior evento religioso do Piauí.

“A Prefeitura oferece todo o apoio à Semana Santa de Oeiras, na parte estrutural e logística da manifestação religiosa e cultural, como os equipamentos de som utilizados em todas as cerimônias; a melhoria e restauro dos Passos, que são cuidados por famílias de Oeiras, mas que a Prefeitura, antes das celebrações, cuida de todos os reparos, pintura, consertos no teto. Além disso, realiza todo um trabalho de melhoria e preparação para essa época, mobilizando a rede turística da cidade, envolvendo hotéis, bares, restaurantes. E também investindo numa programação alternativa cultural, para que o turista que esteja na cidade possa aproveitar esse período, desfrutando de uma programação aberta em toda a rede de casas culturais, como museus e casas de cultura, todas elas com suas programações divulgadas”, detalha Stefano Ferreira.

Este ano, a agenda cultural elaborada pela Secretaria Municipal de Cultura, em parceria com as casas de cultura da cidade, terá o lançamento do livro “Pedaços de Mim”, do economista oeirense Olavo Braz, no dia 11 de abril, no Solar das Doze Janelas; a abertura da exposição “Impressões Afetivas da Velha Urbe”, do arquiteto oeirense, Evandro Veras, no Museu de Arte Sacra (MAS), dia 12 de abril, a partir das 9h e o show musical com Vanúsia Marques e Banda, no Passeio Leônidas Melo, no dia 19, a partir das 23h.

“A Prefeitura é o único órgão governamental que apoia a Semana Santa de Oeiras, como forma de valorização do patrimônio imaterial da cidade e importante destino do Turismo Religioso do Estado do Piauí. São várias secretarias envolvidas nas melhorias dos logradouros públicos por onde a manifestação passa, logística em relação ao som das celebrações, programação cultural alternativa”, acrescenta o secretário.

Fonte: Ascom