Cidadeverde.com
Contabilidade - José Corsino

Primeira cooperativa para profissionais contábeis do Brasil será lançada em Curitiba

A disrupção tecnológica tem sido uma divisora de águas no meio contábil. As novas soluções têm apresentado diversas possibilidades e facilitado a rotina dos profissionais, mas ao mesmo tempo apresentam verdadeiras incógnitas: qual tecnologia devo escolher para a minha empresa? Como fazer esta transição? Será que estou preparado para esta nova realidade?

Encontrar as respostas nem sempre é uma tarefa simples – mas com a ajuda certa, pode se tornar muito mais prática. É o que defende o autor, palestrante e empresário contábil Laudelino Jochen, que acaba de assumir o cargo de presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Paraná (CRC-PR) para a gestão 2020/21.

Segundo ele, as respostas para estas e outras perguntas podem ser facilmente encontradas através de um movimento muito popular em todo o mundo – mas que ainda encontra sólida resistência no Brasil: o cooperativismo.

“Como palestrante, participo de eventos contábeis por todo o país e observo que muitos empresários do ramo estão um tanto perdidos neste novo cenário”, confidencia. “Somos constantemente apresentados às novas tecnologias e suas maravilhas, mas saber como proceder diante da mudança é uma dificuldade que muitos enfrentam”.

Para ele, a singularidade na tomada de decisões e o receio existente no “novo” são constantes obstáculos no caminho dos empresários.

“Existem muitas tecnologias e isso demanda muito conhecimento por parte dos empresários”, prossegue. “Há muita coisa boa que pode ser utilizada, mas é difícil escolher e definir qual a melhor opção, até porque nem toda tecnologia se aplica para qualquer tipo de empresa”.

A constatação rapidamente se transformou em oportunidade. Oportunidade de ajudar e colocar em prática o movimento há muito estudado pelo empresário, que até já publicou livros sobre o assunto. Afinal, por que não implementar um sistema de cooperativismo no segmento contábil brasileiro?

A ideia foi amadurecendo e ganhando corpo ao longo de dois anos, e outros vinte contadores, oriundos de diversas entidades do ramo de todo o país, abraçaram a causa. A proposta? Colocar a ajuda em primeiro lugar – acima, inclusive, do faturamento. Desta forma nasceu oficialmente, no dia 19 de dezembro de 2019, a Cooperativa de Soluções Inovadoras para Profissionais Contábeis, CooperCont.

“A CooperCont se preocupa também com tudo que uma empresa contábil precisa”, explica Jochen, que assumirá a presidência da cooperativa. “Desde serviços financeiros e bancários até a contratação de cobrança, de fornecedores dos mais diversos, de equipamentos e licenças, etc. Ou seja, é uma prestadora de serviços que realiza um trabalho de filtro e orienta a classe contábil”.

A cooperativa será apresentada ao público em um jantar de lançamento no dia 31 de janeiro, em Curitiba. As vagas para o evento, que acontecerá a partir das 19h30 em um restaurante local (veja no final da matéria), são limitadas e devem ser confirmadas por e-mail.

Será neste jantar que a diretoria dará mais detalhes sobre a iniciativa. Por ora, sabe-se que a CooperCont atuará em nível nacional e passará a admitir associados a partir de fevereiro.

“O cooperativismo é um instrumento que visa facilitar a vida das pessoas”, finaliza o empresário. “Temos a grande missão de tornar a classe contábil mais receptiva a este movimento. É preciso entender que juntos seremos mais fortes e iremos mais longe”.

Serviço
Jantar de lançamento da CooperCont
Local: Restaurante Veneza – Av. Manoel Ribas, 6860, Santa Felicidade, Curitiba-PR
Data: 31 de janeiro de 2020
Horário: 19h30
Inscrições: Limitadas, devem ser confirmadas até o dia 27/01 através do e-mail [email protected]

 

Fonte: Contabilidade na TV