Cidadeverde.com

Governador decide instalar hospital de campanha no ginásio Verdão

Fotos: Jorge Henrique Bastos/CCom

O ginásio Verdão, no Centro de Teresina (PI), será preparado para virar hospital de campanha e receber pacientes infectados pelo novo coronavírus. 

Nesta sexta-feira (27), o governador Wellington Dias visitou o ginásio acompanhado do secretário da Saúde, Florentino Neto, do diretor do Hospital Getúlio Vargas, Gilberto Albuquerque, e outros gestores e autoridades que trabalham nas ações para conter a epidemia no Piauí. 

O uso do Verdão não passa somente pelo Governo do Estado. O ginásio hoje é administrado por uma empresa, através de parceria público-privada. As conversas com a concessionária começaram no início da semana. 

Wellington Dias informou que a administradora do Verdão entrou em contato com a empresa que tem cuidado da instalação de hospitais de campanha em outras praças esportivas, como no estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP), e no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE). 

O ginásio será usado para abrigar leitos clínicos ou de estabilização de pacientes, conforme for definido pela equipe técnica da Secretaria da Saúde. 

"O Verdão serve para a saúde na prática do esporte, e agora servindo para vencer o coronavírus, e se Deus quiser, vamos vencer", disse o governador.

Enquanto o Governo do Estado trabalha com o ginásio Verdão, a prefeitura de Teresina pode criar um outro hospital de campanha em espaço esportivo: o centro de treinamento de badminton da Universidade Federal do Piauí (UFPI). 

Fábio Lima
[email protected]