Cidadeverde.com

Após morte de prefeito por Covid-19, município proíbe circulação de pessoas em vias públicas

O prefeito em exercício de São José do Divino, Francisco de Assis Carvalho, decretou, na noite desse sábado (28), a proibição da circulação de pessoas em vias públicas da cidade, a partir das 19h.

No decreto, também é suspenso o funcionamento de todos estabelecimentos comerciais da cidade. As medidas são adotadas após o prefeito do município, Antônio Felícia (PT), morrer com COVID-19. Foi a primeira morte causada por coronavírus no Piauí.

Para evitar contágio do coronavírus na cidade, só poderá transitar em via pública após as 19h, quem tenha necessidade imediata de deslocamento, como ida ou retorno ao trabalho, serviço médico comprovado, compra de produtos essenciais e abastecimento de veículos. O funcionamento de áreas públicas como praças e locais de recreação e prática esportiva também está proibido. As mudanças serão divulgadas por meio de carro de som na cidade.

Foto: Ascom/Prefeitura

Também foram instituídas, por meio do decreto, barreiras sanitárias para monitoramento de todos veículos que entrem em São José do Divino. “Haverá fiscalização e monitoramento do fluxo de pessoas nas ruas e logradouros públicos, para fins de inspeção sanitária e eventual detecção de pessoas com sintomas conhecidos da COVID-19”, diz o decreto.

A entrada e saída de vans de turismo também estão suspensas em São José do Divino. O prefeito em exercício decidiu, ainda, prorrogar, por tempo indeterminado, a antecipação das férias escolares. 

Clima  tenso
Com pouco mais de 5 mil habitantes, segundo o último censo do IBGE, a cidade de São José do Divino vive um clima de tensão após a morte do prefeito Antônio Felícia. Na manhã deste  domingo (29) o prefeito em exercício Francisco de Assis Carvalho disse ao Cidadeverde.com que “só assim as pessoas entenderam” o risco do novo coronavírus. Antes da publicação do decreto, parte da população já havia decidido se isolar.

“O clima não é muito favorável. As pessoas entenderam pela dor, não pelo amor. Está tudo mais isolado, as pessoas estão se mantendo em casa. Não achavam que era tão serio. O momento é dor, de comoção, de perda. As pessoas estão refletindo não por ter sido um político, pessoa pública, mas pela vida”, disse o prefeito em exercício.

Para o gestor, as medidas regulamentadas em decreto são necessárias e as orientações das autoridades em saúde serão seguidas “para que a batalha contra o coronavírus seja vencida”.

Amanhã, às 8h, Francisco de Assis Carvalho (PSDB), 39 anos, será empossado prefeito de São José do Divino.

Exceções
A suspensão determinada no decreto não se aplica aos seguintes estabelecimentos:

  • Mercados, supermercados, açougues, peixarias ,fruteiras  e centro de abastecimento de alimentos- 7h às 11h
  • Relacionados ao comércio, serviços de indústria na área de saúde
  • Farmácias e drogarias das 7h às 13h, a partir desse horário apenas emergência
  • Postos de combustíveis funcionarão de 7h às 13 h, com suspensão das lojas de conveniência
  • Distribuidoras de gás e água mineral de 7h às 11h
  • Padaria de 7h Às 11h
  • Bancos e loterias devem respeitar limite de acesso e distância de 2 metros entre as pessoas

Veja o decreto na íntegra

Izabella Pimentel
[email protected]