Cidadeverde.com

Policiais são enviados para reforçar sete barreiras entre Piauí e Ceará

Sete barreiras entre o Piauí e o Ceará ganharão reforço de fiscalização a partir desta segunda-feira(06) pelos próximos 15 dias. A medida é para conter o avanço da Covid-19 no estado piauiense. O Ceará é o terceiro estado com mais casos confirmados em todo o país. 

Para ajudar a Secretaria de Saúde na barreira sanitária, 42 policiais militares das unidades do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRE)  e da Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (CIPTRAN) foram destacados para estes locais. 

O comandante do BPRE, tenente coronel Ramos informou que são, inicialmente sete barreiras. "Os policiais vão atuar junto com a secretaria de saúde fazendo abordagem a veículos que se deslocam a outros estados para o Piauí, principalmente a questão de ônibus clandestinos", informou.

Decreto proíbe circulação de transporte intermunicipal

Começa a valer a partir a partir da meia-noite desta segunda-feira(06), o decreto estadual que proíbe o transporte intermunicipal de passageiros - ônibus, micro-ônibus e vans. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informa que o serviço e a fiscalização são de responsabilidade do Estado. A medida vale até a meia-noite do domingo (12).

Segundo a PRF, os transportes que não estiverem realizando transporte intermunicipal de passageiros terão sua circulação garantida nas rodovias federais.

O decreto assinado na última sexta-feira(03), destaca que é uma medida sanitária excepcional e que leva em consideração o período da Semana Santa em que há um acréscimo tradicional n no volume de circulação de pessoas entre os municípios do estado e que essa movimentação contraria as medidas de isolamento social, como o meio mais eficaz para a prevenção de enfrentamento à pandemia da Covid-19 (novo coronavírus).

A Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) estarão com barreiras nos pontos principais das estradas piauienses para fazer cumprir a medida e os veículos que não cumprirem a determinação será retido e só disponível para liberação na segunda-feira(13).

 

Caroline Oliveira
[email protected]