Cidadeverde.com

Governador faz novo apelo para que população: "pelo amor de Deus fica em casa"

O governador Wellington Dias fez um novo apelo nas redes sociais para que a população não viaje durante a Semana Santa. Segundo ele, é um risco se deslocar ao interior do estado e propagar o coronavírus. Em vídeo nas redes sociais, o governador chega a pedir pelo "amor de Deus" para que as pessoas fiquem em casa.

“Por que levar o coronavírus para a família, amigos, para as pessoas. Você quer que essas as pessoas tenha risco? Eu sei que não. Eu quero aqui fazer esse apelo: pelo amor de Deus, nem levar coronavírus e nem trazer coronavírus. É importante que todo mundo fique em casa. Faço o apelo apara que fiquemos em casa”, disse o governador no vídeo.

Wellington Dias lembrou que as celebrações da Semana Santa podem ser acompanhas por meio do celular. "Temos o celular para se comunicar e participar das celebrações de forma virtual, ou seja, garantir que aquilo que Jesus Cristo nos ensinou seja cumprido: amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao próximo como a si mesmo. Fazer ao próximo aquilo que você quer que seja feito para você. Você não quer coronavírus e também não quer que o outro tenha. Por essa razão, colabora e fique em casa.

O governador autorizou  uma regulamentação que proíbe a circulação de ônibus  intermunicipais e vans durante o período do feriado da Semana Santa.  A proibição começa a valer a partir desta terça-feira (07) e vai até o domingo (12). 

A medida faz parte de um conjunto de ações adotadas pelo Governo do Estado para evitar a propagação do coronavírus no Piauí. O objetivo é que as pessoas não viajem e não espalhem o vírus. 

“Autorizei uma regulamentação para que na próxima terça-feira (07) até o domingo, período da Semana Santa, nós tenhamos a interrupção do transporte interurbano, transporte com ônibus ou  vans. Temos cidades como Teresina, Parnaíba, São José do Divino e outras que têm ou um número grande de confirmações ou um número grande de  pessoas com suspeita de coronavírus. Queremos evitar  que o vírus, através de você, na viagem que você vai fazer, seja transportado para outro município”, afirmou.

 

Lídia Brito
[email protected]