Cidadeverde.com

Isolamento social: padre diz como ambientar casa na Paixão de Cristo

Com celebrações para a comunidade suspensas por causa do coronavírus, os católicos podem ambientar a casa para vivenciar a Paixão de Cristo. O padre Isaías Pereira, da Igreja de Fátima, explica que o intuito da Semana Santa é reviver “tudo que Jesus viveu”.

Nesta sexta-feira da Paixão o padre lembra que Jesus Cristo foi condenado injustamente e torturado. “O  intuito da Semana Santa não é para recordar o uma coisa que acontece há não sei quantos anos atrás, mas reviver tudo o que Jesus viveu e com ele, nesta sexta, vamos ao caminho do calvário”,  explica o padre Isaías.

O padre pede que nesta sexta o fieis coloquem um crucifixo ou uma cruz em um local de destaque da casa.

“Sexta- feira é o dia que Jesus foi julgado injustamente.  Foi condenado injustamente por Pôncio Pilatos, torturado, humilhado quando passava nas ruas de Jerusalem e pregado numa cruz. Vamos valorizar esse ato, esse sacrifício  de Cristo e   vamos nos juntar a ele no calvário”, disse.

O sábado de aleluia é dia de celebrar a vigília pascal. É a celebração mais importante da Igreja Católica.

"Nem o natal nem a festa do padroeiro. Nada sem compara em dignidade com a vigília pascal. Porque é o dia que rompemos com Cristo o túmulo e vamos ressuscitar para uma vida nova. É o dia que a luz vence as trevas”, explica o padre.

O padre orienta a quem está se sentindo triste, com medo, que viva o sentido da páscoa.

“A páscoa é a ressurreição de Cristo. Chance nova , vida nova para  cada um de nós. Para ambientar sua sala acenda uma vela e coloque em algum lugar de destaque para que a família toda compreenda que nenhuma treva resiste à claridade de Cristo”, finaliza o padre Isaías.

Izabella Pimentel
[email protected]