Cidadeverde.com

122 profissionais convocados pela FMS vão atuar em hospital de campanha

Foto: Roberta Aline/ Cidadeverde.com

Hospital de campanha montado do Centro de Badminton da Universidade Federal do Piauí (UFPI). A unidade recebeu o nome de hospital Padre Pedro Balzi

Os convocados no processo seletivo da Fundação Municipal de Saúde (FMS) têm 24 horas para se apresentarem com documentação pessoal, conforme o edital. Do total de 593 estão sendo chamados 122 profissionais de saúde que serão lotados no hospital de campanha da Universidade Federal do Piaui (Ufpi) reforçando o enfrentamento à Covid em Teresina. 

"Como é um momento de emergência, no momento em que a pessoa é convocada, tem 24 horas para se apresentar e já é contratada e empossada no hospital que vai trabalhar. O aumento de casos de coronavírus é progressivo. Com isso, a FMS se planejou para, ao tempo em que estruturava novos serviços, organizava sua rede de saúde, transformando alguns hospitais exclusivos para Covid, criava hospitais de campanha, e surgiu a necessidade de contratação de profissionais", explica Íris Amaral, gerente de atenção hospital da FMS. 

Foram convocados, médicos, enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais, técnicos em Enfermagem, técnicos em Radiologia, entre outros profissionais vão atuar em enfermarias e UTIs.

O processo seletivo emergencial simplificado tem validade de de seis meses, prorrogável por até igual período, a contar da homologação do resultado.

 

Graciane Sousa
[email protected]