Cidadeverde.com
Esporte

São Paulo perde para o Bayern de Munique e fica fora da decisão

Imprimir
O São Paulo se segurou enquanto pôde, mas falhou quando não poderia. Diante do campeão europeu, o time de Paulo Autuori jogou para não perder, mas acabou derrotado por 2 a 0 - foi o 13º jogo seguido sem vitória, válido pela semifinal da Audi Cup.


Na decisão do terceiro lugar, o São Paulo pega o Milan, que levou 5 a 3 do Manchester City. O Bayern pega o clube inglês na luta pelo título.

A partida na Allianz Arena opunha duas equipes em momentos completamente distintos. De um lado, o Bayern de Munique, campeão da Europa e melhor equipe da temporada 2012/13 no continente; do outro, o São Paulo, sem vencer há 12 partidas e na pior crise de sua história.

Havia quem esperasse uma goleada. E o domínio do Bayern até ficou claro desde o início, com mais posse de bola e boas chances. Não em gols.

Fechado na defesa nos primeiros minutos do duelo, o São Paulo conseguia se proteger dos ataques. A primeira boa chance do Bayern aconteceu aos 15 minutos, quando Robben cobrou falta - Rogério fez boa defesa. Aos 21, Robben chutou para fora em mais uma jogada de bola parada.

Rogério Ceni e Robben se reencontraram aos 31 minutos, quando o holandês teve chance dentro da área. O chute saiu fraco, e o goleiro mais uma vez defendeu. Até então, o São Paulo se segurava sem levar grandes sustos.

Mas, nos minutos finais da primeira etapa, a pressão aumento. Aos 37 minutos, Rogério Ceni errou uma cobrança de falta e armou contra-ataque. Na volta, Lahm cruzou para Pizarro, que chutou para o gol. Rafael Toloi salvou em cima da linha, mantendo o 0 a 0.

Aos 38, Rogério voltou a aparecer bem, defendendo com os pés um chute de Alaba; aos 40, Robben chutou cruzado, e o goleiro mais uma vez caiu bem para evitar o gol dos alemães. O primeiro tempo terminou 0 a 0.

Na segunda etapa, os técnicos aproveitaram para fazer substituições, e o jogo perdeu um pouco do ritmo da primeira etapa. Ainda assim, o Bayern de Munique fez o suficiente para vencer a partida. Aos 9 minutos, Robben cruzou da esquerda, a bola desviou em Edson Silva e sobrou para Mandzukic arrematar de primeira, sem chances para Rogério.

Aos 40 minutos, quando o jogo já se arrastava, o Bayern marcou o segundo. Shaqiri acertou a trave de Rogério que, sentado, viu o jogem Weiser pegar o rebote e marcar. Dois minutos depois, o São Paulo teve sua melhor chance na partida, quando o árbitro viu pênalti após um cruzamento na área do Bayern. Rogério bateu, e Neuer pegou.


Fonte: ESPN
Imprimir