Cidadeverde.com
Economia

Construção e Call Center são as que mais empregam na capital

Imprimir
Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), do Ministério do Trabalho e Emprego, a atividade de call center fomentada pela Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec) foi a segunda que mais empregou na cidade. 

Entre os meses de agosto e outubro deste ano, os números apontam que o segmento só perde para a construção civil, com a ressalva de que no mês de setembro o call center ocupou o primeiro lugar no ranking. Veja:


A empresa Vikstar e a Almaviva do Brasil são as empresas desse segmento que estão em Teresina, com vistas a aproveitar as oportunidades do setor, sendo o bom nível de escolaridade da população e a própria expansão do setor fatores determinantes, tanto no sentido de investimentos individuais quanto nos incentivos e benefícios fiscais dados por meio da lei 4.440 de 2013.

A previsão é de que as empresas gerarão juntas 10.500 empregos diretos entre 2013 e 2015 quando estarão operando com sua capacidade total. A Vikstar, que entrou em operação em julho deste ano, investirá R$ 33,7 milhões no referido período e criará aproximadamente 6.500 novos empregos entre 2013 e 2015. 

Para o secretário Fábio Nery, da Semdec, esses empregos propiciados pela vinda das empresas de call center representam não só um incremento para o desenvolvimento econômico de Teresina. “Representam também, a inserção da faixa etária jovem no seu primeiro emprego, o que sem dúvidas é uma melhoria de vida e uma oportunidade ímpar na vida dessas pessoas”, completa.

Imprimir