Cidadeverde.com
Geral

Zona rural de Teresina é beneficiada com mutirão de cidadania

Imprimir
A Secretaria Municipal do Trabalho, Cidadania e Assistência Social (Semtcas), da Prefeitura de Teresina por meio do Centro de Referência da Assistência Social (Cras) Leste V, realiza neste sábado (31) um mutirão de cidadania na zona leste. O evento acontecerá na localidade Soturno, na Sede da Associação do Sr. Baltazar, próximo a Fazenda Real, BR 343 no horário de 8h as 13h.
 
A ação envolverá os profissionais do Centro de Referência da Assistência Social (Cras) Leste, entidades e profissionais de diversas áreas onde vão ofertar à comunidade serviços da unidade, como consulta ao Cadastro Único, orientações e cadastro do Passe Livre Idoso e PCDs e orientações sobre os serviços de fortalecimento de vínculo e benefícios da política da Assistência Social.
 
Além dos serviços ofertados no âmbito da Assistência Social, outros serviços serão disponibilizados como: emissão de RG, através da Secretaria de Segurança, consulta de oftalmologista , por meio da Bisótica, Sindicalização, pelo Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Teresina, Testes de Glicemia, pela Fundação Municipal de Saúde, serviços de vacinação para gatos e cachorros e coleta de sangue, com o apoio da Zoonoses, entrega de mudas de plantas, através do Projeto Teresina Mais Verde e aferição de pressão feita por alunos da Facid.
 
“Temos como público alvo os moradores da região do soturno e nosso objetivo central é levar às pessoas da comunidade que ainda não tiveram acesso aos serviços que estão disponíveis na rede de Assistência Social e outras atividades, além de fazer uma integração da comunidade”, explicou a gerente do Cras Leste V, Ana Amélia.
 
O Cras é uma unidade de Proteção Social Básica do Sistema Único da Assistência Social (Suas), responsável pela organização e oferta de serviços, cujo objetivo é prevenir a ocorrência de situações de vulnerabilidade e riscos sociais. A oferta dos serviços é planejada tendo por base o conhecimento do território e o contexto sociocultural das famílias que nele vivem e ainda a rede de serviços de Proteção Social (Assistência Social, Saúde, Educação, dentre outras), que atuam no território de abrangência do Cras.


Imprimir