Cidadeverde.com
Últimas

Com 2,13 metros, jovem de 17 anos é a mulher mais alta do mundo

Imprimir

                                     Foto: Divulgação/Guinness World of Records

A jovem turca Rumeysa Gelgi, de 17 anos, recebeu na noite desta quinta-feira (10) o título de adolescente viva mais alta do mundo pelo Guinness World Records. Rumeysa mede 2,13 metros e foi premiada durante uma apresentação especial em sua cidade natal de Safranbolu, Karabük, na Turquia.

A altura da jovem foi aferida três vezes no mesmo dia segundo as diretrizes do Guinness. "É um dos meus maiores sonhos de ser premiada com este registro. Ser uma recordista é uma coisa muito incrível. Eu sei que apenas as pessoas especiais podem ter este recorde, e eu sou uma delas agora", afirmou Rumeysa, segundo nota divulgada pelo Guiness.

Os pais de Rumeysa têm altura 'normal'. Médicos especialistas acreditam que a condição da nova recordista é causada pela síndrome de Weaver, uma doença genética rara que causa um rápido crescimento. Além de sua altura excepcional, as mãos de rumeysa medem 24,5 centímetros e os pés 30,5 centímetros.

A jovem tem dificuldade para caminhar e precisa de auxílio de um anadador. Rumeysa disse já ter sofrido constrangimento em público. Mas garante: "Gosto de ser diferente. É interessante e me faz sentir especial".

Segundo o Guinness, a pessoa viva mais alta do mundo também é da Turquia: Sultan Kösen, de 2,51 metros. A jovem mais alta já registrada era a canadense Anna Swan, que morreu em 1888. Ela tinha 2,41 metros. E o homem mais alto da história foi o norte-americano Robert Wadlow, que tinha 2,72 metros.

 

Fonte: G1

Imprimir