Cidadeverde.com
Geral

Quatro adolescentes são estupradas e encontradas desacordadas em Castelo

Imprimir
  • 20150528044756.jpg Divulgação
  • 201505044755.jpg Divulgação
  • 2015052804755.jpg Divulgação
  • 201505280447.jpg Divulgação
  • 2015052804475.jpg Divulgação
  • 20150528044755.jpg Divulgação
  • 200528044755.jpg Divulgação

Atualizada as 10h38 min

Quatro adolescentes com idades entre 15 e 17 anos foram raptadas e estupradas na noite desta quarta-feira (27) em Castelo do Piauí, município a 190 km da capital. As quatro foram encontradas pelo filho de um policial Militar da região, desacordadas, amarradas e bastante ensaguentadas, e foram levadas para o Hospital Nilo Lima em estado gravíssimo. De acordo com a gerente de enfermagem do hospital Sílvia Samara Marques Cavalcante, apenas uma estava consciente e em estado de choque.

Garotas violentadas em Castelo do Piauí estão em estado grave

O estado de saúde de duas das quatro garotas – que foram estupradas, amarradas e encontradas desacordadas em Castelo do Piauí ( 190 km de Teresina) é grave, segundo a direção do Hospital de Urgência de Teresina (HUT). 

As meninas foram agredidas com pedras e golpes de facas, além de terem sido estupradas, amarradas com as próprias roupas e jogadas do alto de um barranco.


Chegada de uma das jovens molestadas ao hospital

"As quatro chegaram aqui em estado gravíssimo. Três delas inconscientes e apenas uma consciente em estado de choque. Só conseguia gritar muito de dor. Já constatamos que houve abuso sexual e estão todas muito feridas com cortes na cabeça e pelo corpo. Por conta da gravidade dos ferimentos as quatro foram transferidas imediatamente para Teresina", explicou a enfermeira.

Segundo informações repassadas por moradores da região no hospital, as quatro jovens saíram de casa em duas motos para tirar fotos em um morro no bairro Vila Nova e por volta das 17h familiares deram conta do seu desaparecimento quando apenas os veículos foram encontrados. A gerente de enfermagem acrescenta que o jovem que encontrou as adolescentes também precisou de atendimento médico por estar em estado de choque e respira com a ajuda de um balão de oxigênio.

 

População faz protesto

O clima na cidade é de revolta e dezenas de moradores se aglomeram na frente da delegacia do município onde queimam pneus e fazem protesto pedindo por Justiça. O Cidadeverde.com teve acesso a imagens gravadas por internautas que mostram o incêndio provocado no meio da rua durante o protesto.

 

 

 

Polícia identifica cinco suspeitos

O delegado gerente de Polícia no interior, Willame Moraes, afirmou em entrevista ao Cidadeverde.com que já existem cinco suspeitos pelo crime e três já foram presos pela Polícia. Quatro seriam adolescentes e apenas um maior de idade que morou por muito tempo em São Paulo e era presidiário. Identificado apenas como Adão, ele morava há apenas 45 dias no município.

“Três já foram apreendidos e estamos dando uma resposta dentro do espaço razoável. Estamos no encalço dos outros dois”, reitera Moraes. 

Uma equipe com quatro policiais além de integrantes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), também estão foram enviados até Castelo para dar apoio as investigações e reforçar a segurança.

 

 

 

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com

Imprimir