Cidadeverde.com
Últimas

Mãe de Quem Quem morre aos 82 anos após complicações em cirurgia

Imprimir

A mãe do candidato a prefeito de Teresina, Francisco das Chagas, o Quem Quem (PTN), faleceu na manhã desta quarta-feira (7).  A agenda do candidato ficará suspensa por, pelo menos, dois dias. 

De acordo com Quem-Quem, a mãe, Senhorinha Costa Oliveira, de 82 anos, era diabética e hipertensa. Recentemente, ela passou por uma cirurgia intestinal e, posteriormente, sofreu complicações o que a deixou debilitada e teria levado à morte.

Ele estava cumprindo agenda da campanha eleitoral no Mercado do Mafuá, localizado na Zona Norte, quando recebeu uma ligação do hospital que a mãe estava internada, pedindo a sua presença no local. 

 “O momento é de muita dor e tristeza. Eles me ligaram e pediram para que eu fosse até o hospital, chegando lá recebi essa triste notícia. Ela estava melhor, mas o rim parou de funcionar. Hoje e amanhã minha agenda está suspensa. Depois vou ver como fica. É um momento doloroso, mas a vida segue”, declarou o candidato ao Cidadeverde.com

Além do candidato, Senhorinha deixa outros seis filhos e netos. 

O sepultamento será amanhã (08). O local ainda não está definido. O velório, que ocorre durante todo o dia de hoje no Bairro Marquês, na zona Norte. 

Nota de pesar da família:

É com profundo pesar que comunicamos o falecimento da mãe do Sr. Francisco das Chagas, o QuemQuem, a senhora Senhorinha Costa Oliveira aos 82 anos, conhecida carinhosamente por Dona Siura, que veio a óbito no dia de hoje 07 de Setembro de 2016 por motivos de complicações após cirugia no intestino.

Aqueles que desejarem prestar as últimas condolências, o velório será realizado no endereço, rua Lucidio Freitas, esquina com a Magalhães Filho, n 2031 Bairro Marquês.

QuemQuem e família!


O candidato Firmino Filho lamentou nas redes sociais a morte da mãe de Quem Quem. 

Leia a nota:

Nosso abraço e solidariedade ao candidato do PTN à Prefeitura de Teresina, Quem Quem, cuja mãe, Dona Senhorinha Costa Oliveira, faleceu nesta quarta-feira, 7 de setembro de 2016.

A perda da mãe certamente é causa de grande dor, mas sempre cabe lembrar que os ensinamentos deixados por todas as mães seguem vivos em seus filhos. Com o candidato Quem Quem não é diferente: sua mãe permanece viva com ele.
Mais uma vez, nosso abraço de conforto nesta hora de dor.

Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com 

Imprimir