Cidadeverde.com
Entretenimento

Condenado, ex de Luiza Brunet se defende: 'Fui vítima'

Imprimir

Fonte: Instagram


Lírio foi condenado a um ano de prisão em regime aberto e serviços comunitários


Lírio Parisotto utilizou o Instagram, na última terça-feira (6), para comentar a decisão da Justiça no processo movido por sua ex-parceira, Luiza Brunet. De acordo com o empresário, um ano de prisão em regime aberto e mais um ano de serviços comunitários é uma sentença injusta.


Isso porque o veterano se diz "vítima de três acusações". "1 - Agressão em um barco em viagem. Na verdade, eu que fui agredido. A acusação não prosperou, muita cara de pau, muito obrigado ao dr. promotor Gaya", começou em sua página na rede social.


"2 - Lesão em um dedo, considerada grave, acabei de ser absolvido. História sem nexo algum, mentiras de suas Patranheiras. Muito obrigado, Dra. Juíza Elaine Cavalcante pela lucidez e isenção que avaliou este caso", continuou.


O acusado ainda lembrou a cena de Nova York, nos Estados Unidos - Luiza denunciou que apanhou após uma discussão e chegou a quebrar costelas com a força da agressão. "Foi considerada leve, ou seja, a menor possível, mas ainda assim não condiz com os fatos", garantiu.


Parisotto confirmou que vai recorrer de sua condenação e ainda pediu para que os seguidores se atentassem "para o financeiro". "Portanto, muita paz e companheirismo, só assim o amor sobreviverá e vencerá. Adoro vocês, obrigado pela força", encerrou.

 

Fonte: Famosidades

Imprimir