Cidadeverde.com
Geral

Número de mortos no México vai a 90 após terremoto

Imprimir

Soldados removem escombros de um edifício após terremoto, em Oaxaca, no México (Foto: Luis Alberto Cruz/AP)

Chega a 90 o número de mortos em razão do terremoto ocorrido no México. A maioria das mortes ocorreu em Oaxaca, no sul do país. Pelo Twitter, o governador Alejandro Murat diz que há 71 mortes apenas no estado. Há ainda 15 mortes em Chiapas e 4 em Tabasco.

A preocupação das autoridades agora é dar apoio às vítimas do terremoto. Nos centros de doações na Cidade do México, a busca é por alimentos enlatados e embalados, água engarrafada, alimentos para bebês, artigos de higiene pessoal e de limpeza e medicamentos.

O terremoto de magnitude 8,1 que ocorreu na costa de Chiapas na quinta-feira foi mais forte que o tremor devastador de 1985, que abalou partes da Cidade do México e matou milhares.

O cismo foi o mais poderoso a atingir o México desde outro terremoto de magnitude 8,1 em 1932. O Serviço Geológico dos Estados Unidos disse que o terremoto de 1985 tinha magnitude de 8,0, embora tenha ocorrido muito mais perto da Cidade do México e tenha sido menos profundo que o de quinta-feira.

O presidente Enrique Peña Neto diz que foram registradas no país mais de 770 réplicas do terremoto após o sismo principal. Ele decretou luto oficial de três dias em razão dos mortos.

 

Com informações G1

Imprimir