Cidadeverde.com
Cidades

Incêndio há 5 dias na zona rural de Assunção já atingiu 6 fazendas

Imprimir
  • f8894885-f697-48c4-a65c-c84094cd228a.jpg
  • f2aea02a-9811-4509-aa6c-6d6f07e8aa64.jpg
  • ec868399-fad7-4385-bfdb-2f0df19a656f.jpg
  • c6908c99-baa3-4c20-92d9-89a6802c13cd.jpg
  • 0450549a-2f3d-45f4-bafe-4537437342bb.jpg
  • 215916ea-a781-4fcf-a0ae-463e1168a380.jpg
  • 08861f40-d971-4c52-b7f1-ac8c18cca435.jpg
  • 87f24c81-ff27-4763-b573-8a7cd4b8b57a.jpg
  • 32d80289-021b-4620-8161-5652bf07d52e.jpg
  • 0db145db-af93-491e-a07e-ca9bab495f11.jpg

A zona rural do município de Assunção do Piauí, a 281 km ao Norte do Piauí, está em chamas desde o dia 5 de outubro. O fogo na mata teve início na comunidade Massaranduba e já atingiu pelos menos seis fazendas. Vários animais domésticos e silvestres morreram. Segundo o  Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Assunção, a situação é preocupante.

"Esse incêndio teve início no dia 5 por volta das 5 da tarde. Um cidadão foi atear fogo num roçado e como nesse período o ar está seco, ele não atentou para questão do vento e o fogo saiu do roçado e invadiu a mata. Ficou incontrolável e passou para outras fazendas e até hoje está queimando", relatou o presidente do sindicato, José Caetano da Silva, ao Cidadeverde.com.

Apesar da morte de alguns animais, o principal prejuízo para os fazendeiros no momento é com o cercado das terras. "Alguns animais morreram, mas a destruição das cercas é o mais grave", disse o trabalhador rural.

O sindicalista conta que o Corpo de Bombeiros esteve no local no sábado à tarde, chegou a controlar o incêndio, mas a chamas voltaram no domingo.

"Quando foi no domingo à tarde voltou novamente. Hoje está incontrolável e a comunidade é quem tenta apagar o fogo", afirma.

Ainda de acordo com o presidente, cinco famílias tiveram que deixar suas casas por conta da fumaça. "Essas pessoas têm casas na zona urbana e foram para lá", finaliza.

O Corpo de Bombeiros disse que vai mandar uma equipe novamente ao município.

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Tags: incêndio
Imprimir