Cidadeverde.com
Geral

Mais de 15 municípios do Piauí estão sem água para consumo humano

Imprimir

Um levantamento feito pela Federação dos Trabalhadres em Agricultura do Estado do Piauí (Fetag), afirma que pelo menos 15 municípios do Piauí já estão sofrendo com a estiagem. A população da região de Picos e São Raimundo Nonato, perdeu sua lavoura, está sem água e começa a ser atingida por doenças. A seca só não estaria atingindo os municípios próximos à barragem de Boa Esperança.

Joaquim Cardoso (foto), secretário geral da Fetag, afirma que muitos trabalhadores rurais estão se queixando da situação, sobretudo as famílias das cidades de Fartura, São Julião, Dom Expedito Lopes, Acauã, Bonfim do Piauí e Várzea Branca, onde até as pequenas lagoas para consumo próprio secaram e já faltando água para consumo humano e animais.

Segundo Joaquim, o que poderia ajudar a melhorar a situação das famílias seria o dinheiro do Garantia-Safra, que não foi liberado porque as prefeituras dos municípios atingidos estão com dificuldade para dar a contrapartida necessária.
 
O benefício é distribuído apenas quando as verbas dos poderes federal, estadual e municipal são reunidas. A Fetag alerta que esses municípios devem elaborar decretos sobre a situação da seca e comunicar a Defesa Civil do Estado nos próximos dias.
 
SAÚDE
Além da falta de água e alimentação, a população de alguns municípios atingidos estão sofrendo com problemas de saúde, como a proliferação da catapora.
 
“A doença se manifesta, por falta da alimentação adequada e água pra higiene pessoal”, acredita Cardoso. A Fetag continua a fazer o levantamento em todo o Estado e deve ter o resultado completo até o dia 25 de outubro.
 
 
 
Flash de Záira Amorim
Redação de Carlos Lustosa Filho
Tags:
Imprimir