Cidadeverde.com
Cidade Verde Amarela

Sanções impostas por Trump podem deixar Irã sem chuteiras

Imprimir

MOSCOU, RÚSSIA (FOLHAPRESS)

A três dias de estrearem na Copa do Mundo, os jogadores do Irã podem ficar sem chuteiras. Devido às sanções impostas pelos Estados Unidos ao país, a Nike não pode fornecer nenhum tipo de material à seleção.

"As sanções significam que, como uma empresa americana, a Nike não pode fornecer chuteiras aos jogadores da seleção iraniana neste momento", afirmou a companhia em um comunicado oficial.

A decisão pegou jogadores e comissão técnica de surpresa, já que, na Copa de 2014, as imposições comerciais do governo dos EUA não impediram a empresa de fornecer os materiais para a equipe.

"Os jogadores estão acostumados com os seus equipamentos. Não é certo mudar isso em uma semana antes de partidas tão importantes", afirmou o técnico Carlos Queiroz à ESPN.

Para não ficar sem os equipamentos, jogadores estão contando com a ajuda de colegas não iranianos ou comprando eles próprios as chuteiras, afirmou o canal.

A decisão da Nike mostra uma escalada na turbulenta relação entre Washington e Teerã. Em maio, Donald Trump retirou os EUA do acordo de controle de atividades nucleares firmado com Irã, além da França, Alemanha, Reino Unido, China e Rússia.

O acerto havia sido fechado em julho de 2015. Em troca da imposição de limites ao programa nuclear de Teerã, sanções econômicas impostas ao país foram aliviadas, rompendo um isolamento longevo.

França, Alemanha e Reino Unido pediram aos EUA que suas companhias recebam isenção das sanções que Washington impôs a empresas que façam negócios com o Irã.

Voltar Cidade Verde Amarela
Imprimir