Cidadeverde.com
Política

No Piauí, vice de Boulos defende fim das privatizações no Estado

Imprimir

Fotos: Catarina Malheiros

A candidata à vice-presidência na chapa de Guilherme Boulos, Sônia Guajajara (PSOL), cumpriu agenda em Teresina nesta segunda-feira (24) e defendeu o fim das privatizações de órgãos e bens públicos do Piauí. Ela concedeu entrevista coletiva no Sindicato dos Servidores Municipais de Teresina (Sindserm) e lembrou que um dos eixos estruturantes de sua campanha é o combate às desigualdades sociais e o enfrentamento aos privilégios.

“A região Nordeste é muito carente principalmente quanto à questão da água, que já é uma guerra que a gente vive no Brasil porque há uma tentativa de privatização, terceirização dos serviços dos bens comuns que devem ser para todas as pessoas”, disse a candidata. 

De acordo com a candidata, com Teresina, já são 25 capitais e mais de 70 cidades visitadas durante o período eleitoral. 

“A gente só não visitou ainda Boa Vista e Manaus, mas não por questão de prioridade. Está tendo muita receptividade. Nossa agenda é distribuída de acordo com a minha disponibilidade e a do Guilherme Boulos. A gente não tem uma prioridade por local ou por ser eu ou ele a representar a candidatura, tudo é distribuído conforme a nossa agenda”, salientou. 

Agenda 

Sônia Guajajara estava acompanhada da candidata a governadora no Piauí pelo PSOL, professora Sueli Rodrigues, com quem participa de uma caminhada na região da Santa Maria da Codipi e da Vila Dilma Rousseff, zona Norte. 

À noite, as duas participam de um debate na Associação dos Docentes da Universidade Federal do Piauí (Adfupi)

Lyza Freitas
redacao@cidadeverde.com

Imprimir