Cidadeverde.com
Últimas

Avenida Raul Lopes ficará interditada por 20 dias; empresa faz alerta

Imprimir

A empresa Águas de Teresina, responsável pela obra de reparo da rede de esgoto na Avenida Raul Lopes, zona Leste de Teresina, informou nesta segunda-feira (10), que o despejo de água da chuva feita por ligações clandestinas agravaram o desgaste da tubulação que agora está sendo reconstruída. A empresa pediu para que os usuários da rede de esgoto não façam ligações clandestinas a fim de evitar a sobrecarga da rede.  

Na semana passada, um buraco se abriu na avenida, mas a Águas de Teresina já fez o reparo do problema e tapou a parte da pavimentação que havia sido danificada. Contudo, foi feito um diagnóstico da situação e a empresa constatou a necessidade de realizar uma obra de reparo em quase 300 metros da Raul Lopes, desde próximo a região dos quiosques, até perto do acesso à ponte JK. O trecho, portanto, ficará interditado e a previsão é que o trabalho termine em 20 dias.

“Percebemos que são 300 metros de tubulação que estão comprometidos e necessitam ser substituídos. O agravante é que existe muita contribuição de água de chuva clandestina nessa rede. Pedimos também a colaboração dos usuários do sistema de esgoto para não direcionarem de forma errada. Também queremos reforçar a importância de se separar internamente o sistema de água de chuva do de esgotamento sanitário, porque grande parte desse problema é em função da sobrecarga da rede por conta da água de chuva”, alertou Diogo Mochão, gerente de serviços da Águas de Teresina em entrevista ao Jornal do Piauí.

Ele complementou sobre a necessidade de realização da obra: “Pode-se dizer que esse é o maior sistema de coleta de esgoto da cidade. É um volume muito grande de esgoto que chega até ele e somado a isso, a tubulação estava em deterioração pelos anos e ação agressiva do esgoto, porque ele agride realmente uma tubulação de concreto, por isso esse concreto começou a se desfazer”.

De acordo com ele, a interdição é inevitável em função do risco que os transeuntes correm com o problema que foi diagnosticado no final da semana passada. “Trata-se de uma tubulação de esgoto responsável pelo transporte de 70% do esgoto da zona leste|”. 
Diogo Mochão falou que a empresa está trabalhando 24 horas por dia com objetivo de adiantar a conclusão da obra para 20 dias.

Lyza Freitas
redacao@cidadeverde.com

  • Untitled-1.jpg Divulgação/ Águas de Teresina
  • Untitled-2.jpg Divulgação/ Águas de Teresina
  • Untitled-3.jpg Divulgação/ Águas de Teresina
  • Untitled-4.jpg Divulgação/ Águas de Teresina
  • Untitled-5.jpg Divulgação/ Águas de Teresina
Imprimir