Cidadeverde.com
Política

Sindicatos pedem nova secretaria e governador sinaliza manter coordenadoria ligada a SDR

Imprimir
  • elf~slfs1.jpg Roberta Aline
  • yuiui.jpg Roberta Aline
  • tthh.jpg Roberta Aline
  • sdlkgfmdçfkg.jpg Roberta Aline
  • rtgrtt.jpg Roberta Aline
  • lksefsfj.jpg Roberta Aline
  • kamfçskf.jpg Roberta Aline
  • iuashdoasuhfd.jpg Roberta Aline
  • hfhh.jpg Roberta Aline
  • fgfdgdg.jpg Roberta Aline
  • ergergrg.jpg Roberta Aline
  • ererer.jpg Roberta Aline
  • elf~slfs.jpg Roberta Aline
  • dfgfdg.jpg Roberta Aline

Os sindicatos ligados a Federação dos Trabalhadores da Agricultura (Fetag) entregaram ao governador Wellington Dias ( PT) o pedido para a criação de uma secretária da Agricultura Familiar. Para atender ao pedido dos sindicatos, a nova pasta não deve ser criada, mas  o governo deve manter a coordenadoria de combate à pobreza  que é ligada a SDR e atende a agricultura familiar.

"Posso anunciar que vamos ter um olhar especial para a área do campo. Reconhecemos a necessidade de uma reestruturação dessa área da assistência técnica. Estamos renovando contrato com o Fida que abre perspectiva para um programa pelos quatro anos na agricultura familiar. Tenho a Fetag como grande referência", disse.

Wellington lembra que nos governos do PT a agricultura familiar recebeu atenção especial.

"Eu quero é manter um foco para a agricultura familiar. Nos governos de Lula e Dilma tinham uma área que cuidava efetivamente da agricultura familiar. Quero assegurar que vai permanecer. A secretaria do Desenvolvimento Rural tem esse foco na agricultura familiar.  Dentro dela temos uma área que coordena isso. É voltado para o agronegócio", disse.

Com a pasta, Wellington deve resolver o impasse entre o PT e o PSD. Os dois partidos brigam pelo comando da SDR. O presidente do PSD trabalha para indicar o filho, deputado estadual Georgiano Neto, para o comando da SDR.

A coordenadoria de Combate à Fome, já existente, deve ser ampliada e deve ficar com o PSD. O PT se mantém com a SDR.
 

Lídia Brito
[email protected] 

Imprimir