Cidadeverde.com
Geral

Banco de Leite da Evangelina Rosa é credenciado em rede global

Imprimir

Fotos: Wilson Filho/Cidadeverde.com

O Banco de Leite Humano (BLH) da Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER) foi credenciado nacionalmente pela Rede Global de Bancos de Leite Humano, pelo terceiro ano consecutivo. O evento aconteceu na última quinta-feira (13), de forma sincronizada com o 27 estados da federação por meio de teleconferência.

Essa foi a primeira vez que a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano (rBLH-BR) - coordenada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) - e o Sistema Único de Saúde (SUS) organizaram congressos estaduais inteiramente mediados pela tecnologia.

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto e o diretor geral da Evangelina Rosa, médico Francisco Macêdo participaram da abertura do evento durante o qual foi discutido o planejamento para o quadriênio 2020-2023. Entre os pontos discutidos estavam o Programa de Expansão e consolidação da rBLH-BR, além do lançamento da proposta de selo de qualidade e programa de certificação e grau de excelência da Rede em que todos os Bancos de Leite a fim de que as unidades se aprimorem no sentido de cobrir todos os pré requisitos exigidos para receber o selo, em que retornarão os padrões ouro, prata e bronze.

A coordenadora do BHL da Maternidade Evangelina Rosa, nutricionista Vanessa Paz, recebeu com muita satisfação a informação de que o Banco de Leite havia sido credenciado mais uma vez, por seguir as exigências do sistema de informação dos produtos e processos executados. 

O Banco de Leite Humano (BLH) da maternidade, desde sua criação em 1987, já foi credenciado com Padrão Ouro pela Rede Brasileira de Bancos de Leite em outras oportunidades, sendo que a última delas ocorreu no ano passado. O processo é resultante da articulação da Coordenação Geral de Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde com a Fundação Instituto Osvaldo Cruz (Fiocruz).

Segundo Vanessa Paz, essa é uma ação estruturante e reguladora da gestão dos processos de trabalho no âmbito dos bancos de leite humano. “O objetivo é verificar o grau de conformidade que o banco de leite atinge na operacionalização do Sistema de Informação que a rede executa, onde mensalmente todos os bancos de leites cadastrados registram seus processos”, explicou. 

“A Evangelina é um hospital de referência. Todos trabalham com muito engajamento e o nosso Banco de Leite sempre foi um de nossos destaques que só vêm a somar com o nível do trabalho realizado aqui”, comemorou o diretor geral, Francisco Macêdo.

Doações 
Apesar do trabalho permanente de captação de mães dispostas a doar, devido às festas de fim de ano e férias escolares ocorre um baixa no estoque de leite. A Maternidade Evangelina Rosa oferece um serviço de disque doação, onde profissionais capacitados esclarecem dúvidas acerca da doação de leite humano e amamentação em geral. As interessadas em doar podem ligar para 0800 280 2522 ou (86)3228 -2022 e receber as orientações de como proceder. A doadora não precisa se deslocar até a maternidade, já que o banco dispõe de um veículo que vai até residência da doadora receber o leite coletado.


Da redação
redacao@cidadeverde.com 

Imprimir