Cidadeverde.com
Geral

Águas de Teresina irá controlar uso de poços tubulares na capital

Imprimir

Foto: Assessoria Águas de Teresina

Os poços tubulares de alta vazão na zona urbana de Teresina serão fiscalizados pela concessionária Águas de Teresina a partir de agora. O acordo de cooperação técnica foi firmado com a  Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar).

A partir do acordo celebrado, as partes irão elaborar um plano de trabalho em conjunto para fazer a verificação de toda a documentação e, de posse de todas as informações técnicas, a concessionária terá o controle quantitativo e qualitativo sobre a utilização dos poços. 

A qualificação desses documentos atende à legislação ambiental, em especial a Lei nº 9.433/97, que Instituiu a Política Nacional de Recursos Hídricos e criou o Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos.

“A Semar está à disposição para trabalhar em parceria com a Águas de Teresina de modo a otimizar o processo de atualização dos documentos e liberação das licenças e outorgas de forma a contribuir com a concessionária e sua programação de obras e operação dos sistemas de água e esgoto”, destaca o secretário Robério Aslay. 

Participaram do encontro ainda o auditor ambiental da Semar, Eryson Thiago do Prado Batista e Ana Clara Carvalho, especialista em qualidade da água pelo Banco Mundial.

“A assinatura desse termo de cooperação é de suma importância para que tenhamos o controle e eficiência sobre a utilização dos poços tubulares profundos. Vamos trabalhar no levantamento das informações, especialmente dos poços mais antigos os quais não temos todos os dados ainda”, destaca Diego Dal Magro. 

O acordo de cooperação técnica assinado nesta quinta-feira terá prazo de vigência de quatro anos, podendo ser prorrogado ou alterado através de Termos Aditivos.

Participaram da assinatura do acordo o secretário da Semar, Robério Aslay, o diretor-presidente da concessionária, Cleyson Jacomini e o diretor-executivo, Diego Dal Magro.

 

[email protected]

Imprimir