Cidadeverde.com
Geral

Homem encontrado morto com mãos e pés amarrados pode ter sido asfixiado

Imprimir

O corpo de João Luís Moreira de Oliveira, de 49 anos, foi encontrado com as mãos e pés amarrados dentro da casa onde morava no bairro Redonda, zona Sudeste de Teresina. O crime aconteceu na noite da última sexta-feira (16) e a provável causa da morte, de acordo com Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa, da Polícia Civil, foi asfixia. O corpo apresentava sinais de tortura.

Até agora a polícia civil já identificou quatro suspeitos de terem cometido o crime, que estiveram na casa e foram flagrados por câmeras de segurança. “Nesse dia ele recebeu duas pessoas e ao final da noite já estavam quatro na cena do crime, além dele. Ele primeiro comprou umas cervejas em uma casa dizendo que ia receber uma pessoa e nós temos toda a cronologia da chegada dele em casa, da saída e toda a movimentação das pessoas que tiveram com ele”, informou o delegado Francisco Costa, o Baretta, coordenador do DHPP. 

“Agora vamos verificar se foi um homicídio duplamente qualificado ou se foi um roubo seguido de morte”, acrescentou o delegado No local, foram encontradas várias garrafas de bebidas alcóolicas, que possivelmente foram consumidos antes do crime acontecer. Na cabeça, de acordo com a polícia, havia uma lesão possivelmente provocada por uma garrafa. Havia sangue nos lençóis e o quarto estava revirado como se tivessem procurado algo.

Familiares de João informaram que sentiram falta de duas TVs e um celular, que podem ter sido levados depois da ação. 

O delegado responsável pelo inquérito pedirá exame de DNA em um boné recolhido na casa para tentar identificar algum suspeito. 

Lyza Freitas
[email protected]

Imprimir