Cidadeverde.com
Política

Florentino Neto nega municipalizações de hospitais estaduais no Piauí

Imprimir

Foto: Roberta Aline

O secretário de Saúde, Florentino Neto, se manifestou sobre a informação, que circula nos bastidores, sobre a possibilidade do Estado municipaliza mais hospitais regionais.

Segundo ele, essa não seria a política da saúde no momento. De acordo com o gestor, o caso do município de Demerval Lobão seria uma exceção.

"Não procede. O único hospital que foi descentralizado neste momento foi o do município de Dermeval Lobão atendendo uma reivindicação do município. Houve um processo de discussão e de amadurecimento. O Estado e município fazem o gerenciamento e depois passará a ter a gestão municipal com o gerenciamento do Piauí. Não existe deflagração de processo de municipalização de hospitais. Neste momento, foi descentralizado o hospital de Demerval Lobão. Essa solicitação já é  de algum tempo", disse.

Florentino explica o rito realizado para o início do processo de municipalização dos hospitais.

"Esse processo segue um rito. Existe a solicitação do município, toda uma avaliação técnica e só depois é que pode ocorrer em tese. Depende de toda uma avaliação. Nao é rápido. Tem um rito a ser seguido", comentou.

No momento o Piauí tem três hospitais municipalizados.

"Temos 29 unidades que o Estado comanda e seis da responsabilidade da Fundação Hospitalar e três municipalizados", afirmou.


Flash Lídia Brito
redacao@cidadeverde.com 

Imprimir