Cidadeverde.com
Esporte

Após revés, seleção feminina arrasa Coreia do Sul e reage na Liga das Nações

Imprimir

Após ser batida pela Alemanha, a seleção brasileira feminina de vôlei se recuperou na Liga das Nações, nesta quarta-feira, com uma fácil vitória sobre a Coreia do Sul por 3 sets a 0, com parciais de 17/25, 16/25 e 11/25, na cidade norte-americana de Lincoln. O triunfo manteve o time comandado pelo técnico José Roberto Guimarães entre os primeiros colocados

As brasileiras ocupam o sexto lugar da tabela, com 16 pontos. A liderança está com a Turquia, com 21. A equipe sul-coreana ocupa somente o 14º posto.

Nesta quarta, Zé Roberto escalou a seleção com Macris, Paula Borgo, Mara, Bia, Gabi, Natália e a líbero Leia. Ao longo do tranquilo jogo, o treinador aproveitou para dar chances e fazer testes na equipe. Assim, colocou em quadra Roberta, Lara, Lorenne, Amanda, Mayany e Natinha.

Como vem sendo rotina na seleção, Gabi foi a principal jogadora da equipe. Ela foi a maior pontuadora do jogo, com 14 pontos. Bia também se destacou, com oito pontos. Pela equipe sul-coreana, Sohwi Kang se destacou, com dez pontos.

O duelo desta quarta só contou com equilíbrio nos primeiros pontos do set inicial. Até que as brasileiras passaram a dominar o jogo e abriram vantagem com 16/13 até fecharem a parcial com uma frente de oito pontos.

Daí em diante, o Brasil praticamente não sofreu ameaças em quadra. No segundo set, a vantagem chegou a sete pontos: 20/13. Na terceira e última parcial, a distância chegou a 22/09.

A seleção brasileira volta a jogar já nesta quinta-feira, encerrando sua participação nesta terceira semana da Liga das Nações. O duelo será contra as anfitriãs norte-americanas, às 21h30.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir