Cidadeverde.com
Geral

Dois meses após tragédia, casas devastadas no Parque Rodoviário são reconstruídas

Imprimir

As casas destruídas pela enxurrada que deixou mortos e desabrigados no Parque Rodoviário, na zona Sul de Teresina, começam a ser reconstruídas. Ao todo, 55 residências vão passar por reparos. Algumas delas, por estarem localizadas em área de risco, tiveram que ser demolidas e um novo imóvel será erguido em local ainda a ser definido. 

A tragédia ocorreu após o rompimento de uma lagoa com as fortes chuvas que caíram em Teresina no mês de abril. Dois moradores morreram e dezenas ficaram desabrigados.

"Iniciamos o trabalho de reconstrução das casas, em alguns casos de construção, e esse trabalho vai se intensificar. No momento, estamos trabalhando em dez casas, sendo que no total são 55 que vão precisar de intervenção. Dessas, 25 serão novas e em 30 serão feitos reparos como pintura, piso ou até mesmo uma trinca", disse Paulo Lopes, superintendente de Desenvolvimento Urbano da Zona Sul (SDU-Sul). 

Em entrevista ao Notícia da Manhã, desta quinta-feira (13), ele explicou que as famílias que terão que ser removidas deverão ir para um local próximo ao Parque Rodoviário. 

Fotos: Gorete Santos/ TV Cidade Verde

"A gente está vendo essa área próxima ao clube da Telemar. Não sendo possível, temos um terreno próximo à rodoviária, bem como áreas do próprio Exército que ficam perto. O certo é que vamos assentar todas as famílias, recuperar todas as casas", reitera Lopes.

Fotos: Gorete Santos/ TV Cidade Verde

Ele explica ainda que há um projeto de urbanização no canal por onde passava a lagoa que rompeu com a chuva. 

"O canal vai passar por uma intervenção, inclusive, dando mais segurança para as casas que ficam próximas. Vamos colocar um gradil para que as famílias não voltem a ocupar o canal", conclui o superintendente da SDU-Sul. 

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Imprimir