Cidadeverde.com
Viver Bem

Astaxantina encontrada em peixes protege o cérebro e o coração

Imprimir

Foto: Pixabay/ fotos gratis

Você conhece a astaxantina? Trata-se de um carotenoide, pigmento avermelhado natural que pode ser encontrado em algas, leveduras e crustáceos e peixes como o salmão e a truta, entre outros alimentos. Esse suplemento ganhou mais atenção da comunidade científica devido aos resultados promissores obtidos em pesquisas experimentais, que apontaram inúmeros benefícios.

Tamanha atenção não é sem razão: para os seres humanos, a astaxantina é um poderoso antioxidante com amplas implicações positivas para a saúde.

Mais: ao contrário de outros antioxidantes, como betacaroteno, zeaxantina, vitamina E, C, D e selênio, ela nunca se torna pró-oxidante no organismo. Isso significa que sua ação no corpo não é capaz de causar nenhum tipo de dano às células e tecidos

Como a dieta da maioria das pessoas não é composta por salmão e outros crustáceos todos os dias, o ideal é encontrar suplemento de astaxantina de qualidade. Veja alguns benefícios:

Ajuda a aliviar a dor e a inflamação

É um potente anti-inflamatório e analgésico. Essas características fazem com que seja capaz de reduzir a presença de compostos inflamatórios que geram diversas doenças crônicas. E, embora seja 100% natural, a astaxantina possui atuação semelhante à de alguns analgésicos prescritos para doenças graves.

Combate à fadiga

A astaxantina é indicada para a recuperação dos músculos, melhora da resistência física, e melhora os níveis de energia. Isso faz com que ela seja excelente para quem pratica exercícios físicos. Isso porque ajuda seus corpos a se recuperarem mais rapidamente, além de promover uma maior resistência em esportes que requerem muito esforço físico, como a corrida.

Limpeza das células

A astaxantina está em um estágio singular quando se trata de cobertura antioxidante porque ela possui ação filtrante em todas as células do corpo Suas propriedades únicas permitem que ele cubra toda a célula protegendo-a.

Saúde do coração e pressão arterial

A substância tem potencial para melhorar a circulação sanguínea e reduzir a pressão arterial. Isso porque sua ação no corpo pode aumentar a espessura das paredes arteriais do coração, melhorando o fluxo sanguíneo. Ela ainda auxilia na melhora dos níveis de colesterol, aumentando a produção de HDL (colesterol bom) e diminuindo os triglicerídeos.

Proteção ao cérebro

Além de seus inúmeros benefícios para a saúde, a astaxantina também pode ser aplicada na batalha contra a demência e outras doenças cerebrais. Ela protege os neurônios e retarda a taxa de declínio cognitivo associado ao envelhecimento.

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir