Cidadeverde.com
Cidades

Agosto tem altas temperaturas e umidade do ar chega a 15% no Piauí

Imprimir


Imagem: Inmet

Setembro não chegou, mas as altas temperaturas do tão falado B-R-o-Bró - como é conhecido o período mais quente do ano no Piauí - já são sentidas pelos moradores do estado. Nesta quinta (22), a temperatura chegou a 38°C e, para setembro, segundo a Gerente de Hidrometeorologia, Sônia Feitosa, é de ultrapassar a casa dos 40°C, principalmente mais próximo da chegada de outubro. 

A umidade relativa do ar é outro alerta, pois está com média de 15% a 20%, o que deve permanecer nos próximos meses. Isso acontece porque o estado está em condições desfavoráveis de umidade, com a presença de massas de ar mais seco, com bloqueio de entrada de massas de ar mais úmidas.  

A expressão B-R-o-Bró faz referência aos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro. Para sexta (23), o tempo será "claro a parcialmente nublado com baixa umidade relativa do ar".

O mesmo vale para sábado (24), com o acréscimo de sem previsão de chuvas. "Em todo estado deve predominar tempo seco e quente, principalmente no extremo sul", diz o boletim da Gerência de Hidrometeorologia da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos.

"A previsão é de temperaturas bem elevadas para todo o Piauí. Esta quinta-feira chegou a 38°, e deve ficar nessa média de noite a sul do estado. A umidade relativa do ar chega na mínima de 15%. Começando agora em agosto, a tendência é só piorar, pois estamos com 37°C, 38°C, 39°C. Em agosto, nós temos uma temperatura muito alta e depois ameniza, mas em setembro é possível ter 30 dias quentes", comentou Feitosa.

Inmet

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) publicou um aviso de riscos potenciais iniciado nesta quinta (22) em que a maior parte da área do Piauí está com baixa umidade com grau de severidade em perigo.

O Inmet apontou a "umidade relativa do ar variando entre 20% e 12%. Risco de incêndios florestais e à saúde. Ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz".

Por isso, o órgão recomendou as seguintes instruções: beba bastante líquido, atividades físicas não são recomendadas (em ambientes abertos com exposição solar), evite exposição ao sol nas horas mais quentes do dia, use hidratante para pele e umidifique o ambiente.

 

Carlienne Carpaso
carliene@cidadeverde.com

Imprimir