Cidadeverde.com
Economia

Copese altera edital do concurso público da Alepi; confira mudanças

Imprimir

Foto: RobertaAline/Cidadeverde.com

A Copese, organizadora do concurso público da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), publicou mudanças no edital do certame. O edital já foi republicado com retificações no site oficial da banca. Dentre as mudanças, o processo de seleção vai deixar de cobrar tempo de serviço público na classificação de títulos dos candidatos. Os cargos são para consultor legislativo e assessor técnico legislativo, com oferta de 41 vagas.

As alterações foram feitas após a contestação da União Nacional dos Taquígrafos (Unaqi) e do pedido de impugnação feito pelo público que criticava a  inclusão do tempo de serviço público como prova de título. 

A Unaqui questionou a ausência de prova prática para o preenchimento das vagas e a mudança foi adicionada ao edital.  

Foto: Reprodução

A Procuradoria da Assembleia foi consultada e acatou a contestação. “Assim a comissão se debruçou novamente e estudou as mudanças pertinentes que foram concluídas e a Copese já fez a divulgação”, explicou Edmar  Rodrigues, da Escola do Legislativo e membro da comissão organizadora. As mudanças no edital já foram divulgadas pela UFPI.

O edital inicial foi lançado no início de setembro. Os cargos são para consultor legislativo e assessor técnico legislativo, com oferta de 41 vagas. A banca organizadora do certame é a Coordenadoria Permanente de Seleção (Copese) da Universidade Federal do Piauí.

Confira o edital republicado e o aviso de retificação

Salário

O vencimento é de R$ 4.068,39 para os cargos de nível superior e de R$ 2.310,14 para os cargos de nível médio. A jornada de trabalho é de 30 horas semanais para todos os cargos.

Inscrições

As inscrições serão efetuadas exclusivamente via internet pelo site da banca organizadora (www.ufpi.br/copese) de 10h do dia 24/09/2019 as 23h59 de 06/11/2019 (observando o horário local).

Valmir Macêdo
[email protected]

Imprimir