Cidadeverde.com
Esporte

Guarani vence Paraná e deixa a zona de rebaixamento da Série B após 4 meses

Imprimir

Depois de quatro meses, o Guarani finalmente deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B. Esse feito veio graças à vitória suada sobre o Paraná, por 1 a 0, na manhã deste sábado, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, pela 23ª rodada.

Com a quarta vitória nos últimos cinco jogos, o Guarani chegou aos 25 pontos e subiu cinco posições, aparecendo agora na 15ª colocação. A última vez que o time havia ficado fora da zona de degola tinha sido na quinta rodada.

Já o Paraná perdeu uma invencibilidade de seis jogos, estacionou nos 33 pontos e desperdiçou a chance de entrar provisoriamente no grupo dos quatro melhores da competição, a zona de acesso à primeira divisão.

Animado com a possibilidade de deixar a zona de rebaixamento depois de quatro meses, o Guarani teve mais posse de bola que o Paraná no primeiro tempo, mas encontrou dificuldades para criar lances de perigo. Tanto que o adversário esteve mais próximo de marcar com Jenison e Bruno Rodrigues.

Logo no primeiro minuto do segundo tempo, o Guarani teve um gol de Davó mal anulado pela arbitragem, anotando impedimento. Os donos da casa continuaram em cima do Paraná, que chegou a assustar em finalização de Pimentinha. A bola passou raspando a trave de Klever.

Depois de ver Pimentinha quase abrir o placar para o Paraná em chute colocado, o Guarani marcou aos 30 minutos. O meia Arthur Rezende desceu pelo lado direito e cruzou rasteiro. Michel Douglas se antecipou ao zagueiro para desviar de perna esquerda. Em busca do empate, o time paranaense assustou em cabeçada de Leandro Almeida, defendida por Klever.

O Guarani volta a campo na terça-feira, contra o Criciúma, às 19h15, novamente no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, enquanto o Paraná recebe a Ponte Preta, às 19h15 de quarta-feira, na Vila Capanema, em Curitiba. Os jogos são válidos pela 24ª rodada.

FICHA TÉCNICA:
GUARANI 1 X 0 PARANÁ
GUARANI - Klever; Lenon, Luiz Gustavo, Diego Giaretta e Bidu; Deivid, Igor Henrique (Ricardinho), Arthur Rezende e Lucas Crispim (Nando); Davó e Michel Douglas (Felipe Guedes). Técnico: Thiago Carpini (interino).
PARANÁ - Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Eduardo Bauermann, Leandro Almeida e Guilherme Santos; Jhony Santiago, Luiz Otávio (Fernando Neto) e João Pedro (Alesson); Judivan (Pimentinha), Jenison e Bruno Rodrigues. Técnico: Matheus Costa.
GOL - Michel Douglas, aos 30 minutos do segundo tempo.
ÁRBITRO - Emerson de Almeida Ferreira (MG).
CARTÕES AMARELOS - Lenon e Igor Henrique (Guarani); Bruno Rodrigues, Eduardo Bauermann, Luiz Otávio, Leandro Almeida e Jhony Santiago (Paraná).
RENDA - R$ 50.889,00.
PÚBLICO - 4.805 pagantes.
LOCAL - Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir